Walter Alves classifica como “absurda” e “inaceitável” nova política de preços dos combustíveis

POR INTERINO

Foto: Agência Câmara

Em entrevista ao AGORA RN, o deputado federal Walter Alves, um dos vice-líderes do MDB, partido do presidente Michel Temer, classificou como absurda e inaceitável a nova política de preços dos combustíveis adotada pela Petrobras.

Já circula em Brasília a informação de que o Governo Federal estuda zerar a Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) como mecanismo para redução do preço. Essa medida foi defendida pelo parlamentar.

“Tenho acompanhado os constantes absurdos aumentos dos combustíveis promovidos pela Petrobras. É inaceitável essa nova política de reajuste adotada pela empresa. O aumento dos combustíveis impacta diretamente na vida de todos nós. É preciso que haja uma discussão para frear, de alguma forma, esses aumentos. Acredito que a solução passa, inevitavelmente, pela redução da cobrança de tributos federais”, disse em entrevista ao portal de notícias.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Maren disse:

    Temos que “FREAR” é essa carga tributária ABSURDA que pagamos, beirando a 50% do nosso consumo, tenham vergonha e legislem em causa do POVO e para o POVO!!

  2. Rosani Cunha disse:

    Oportunista. Agora é a favor do povo? Nos 3 anos anteriores não sabia quem éramos. #VaSeLascar

  3. Nilvan Rodrigues da Silva disse:

    O aumento dos combustíveis faz parte da política de Temer golpista e ilegítimo, seus alinhados e aliados. Criaram essa situação dos aumentos exorbitantes jogando a conta no colo de toda população. Depois Walter do MDB vem falar todo bonzinho se fazendo de que não é culpado. Vamos abrir os olhos minha gente. Precisamos fazer a faxina geral.

  4. Emerson disse:

    Quando votou pelo arquivamento das denúncias contra Temer não disse nada , agora , próximo, das eleições , muda o discurso e critica o governo…. Essas eleições nos mostram cada um!!!

  5. Pedro Oliver disse:

    ENGRAÇADO QUE O PARLAMENTAR VEM ACOMPANHANDO E NÃO SE PRONUNCIOU, AGORA ÀS VÉSPERAS DAS ELEIÇÕES É QUE APARECE O DEFENSOR.

  6. pereira disse:

    São uns crapulas, sempre se omitindo, calados só enganando e explorando o povo e agora querem pousar de salvadores dos consumidores de combustiveis. CORJA DE VAMPIROS.

  7. Cidadão Indignado disse:

    Agora que o senhor veio ver isso depois que o Brasil para políticos palhaço.

  8. Silvio disse:

    E ele ia dizer o quê?
    De onde veio esse menino?

  9. Adrixas disse:

    Imaginem como ficará os aumentos depois que for privatizada, como desejam alguns…

  10. Paulo disse:

    Nem ele nem um dos Alves e Maias , Rosados e Farias , Motas etc nunca fizeram nada , é ano de eleição ai se escuta e se ver em blogs e jornais e tv essas figuras que ganharam mandatos de papai ,

  11. Manoel Vitorino disse:

    Hahahaha…sério isso? piada pronta, né?…lembra para ele quem é o "presidente" da república, dai talvez ele saiba a quem reclamar……

  12. Ricardo disse:

    Não sei porque ele achou absurda e inaceitável essa nova política de preços. Ela faz parte da "Ponte para o Futuro" do partido dele, o MDB e do PSDB. A preocupação dele agora é com as eleições e está querendo fazer média com a população. O País afundando e esses golpistas querendo fazer média.

  13. Leonardo disse:

    Cara de pau!!!!!!

  14. Flauberto Wagner disse:

    Tão bonzinho!!

  15. Irany Gomes disse:

    Se tirar a CIDE, o impacto no preço final será de apenas R$ 0,35 centavos, insignificante diante do aumento de 20 % durante um ano!

  16. Não vamos reeleger ninguem disse:

    Estamos de olho, deputado.
    Obrigado pela sinceridade, ano que vem você estará fora. Assim espero.

  17. Raphael disse:

    Cide = 10 centavos. É piada?

  18. Claudi disse:

    Imaginem se privatizassem. Ia ser MAIS ainda.

    Basta ter meio neurônio e ver que no mundo o preço flutua, a diferença é que na Europa o povo tem dinheiro pra pagar 50% de imposto e nos EUA eles tem 17% de imposto.

  19. Cidadão Indignado disse:

    Por que está tão preocupado, já que não gasta um centavo do próprio bolso pra abastecer seus veículos; Vive às custas do dinheiro público do honesto trabalhador brasileiro. As palavras desses políticos tentam persuadir os menos esclarecidos. FORA TODOS VOCÊS!

COMENTE AQUI