Alcaçuz: presos estão com pistolas e coletes

A Tribuna do Norte destaca nesta segunda-feira(16) a conversa por telefone com um preso do pavilhão 1 de identidade não revelada, que entre os relatos, afirma que o número de presos mortos ultrapassa a contagem inicial de 26. Ele ainda alerta para posse de armas de fogo, e pede, em nome do grupo, transferência de presos de facções rivais, para que não ocorram novas rebeliões.

Ainda na reportagem, o preso destaca que além das armas improvisadas(artesanais), alguns apenados estão municiados com armas de fogo, como pistolas, e ainda coletes de agentes penitenciários.

O contato do jornal com o preso só foi possível em decorrência do corte de fios dos bloqueadores de celulares, durante a rebelião de sábado(16).