Balanças dos aeroportos na Grande Natal e Mossoró são aprovadas em fiscalização do IPEM

FOTO: IPEM/ASSECOM

As balanças de pesagem de bagagens e de carga do Aeroporto Internacional de Natal – Governador Aluízio Alves e do Aeroporto de Mossoró – Dix-Sept Rosado foram fiscalizadas pelo Instituto de Pesos e Medidas do Rio Grande do Norte (IPEM-RN) na última terça-feira, 28 de janeiro. Foram 47 balanças verificadas e todas foram aprovadas, pois cumpriram as exigências estabelecidas pelo Inmetro na portaria nº 236/94.

De acordo com o diretor geral do IPEM/RN, Theodorico Bezerra Netto, a realização dessas operações visa proteger o consumidor. “Estamos num período em que a população está em férias e viajando muito e para evitar prejuízos aos passageiros, como a cobrança indevida de excesso de bagagem, intensificamos a fiscalização nos aeroportos”.

No entanto, o diretor alerta que mesmo com a aprovação de todos os equipamentos é importante que os consumidores estejam sempre alertas. “No momento do check-in e da pesagem das bagagens, deve-se verificar se na balança consta o Selo de Verificação do Inmetro, com validade de 2020 ou 2021. O selo significa que o instrumento passou por todos os ensaios de pesagem e qualidade e não oferece nenhum tipo de prejuízo financeiro para o consumidor. Também deve observar se o visor da balança está zerado antes de posicionar a bagagem”.

No caso de serem encontradas balanças irregulares, as mesmas são reprovadas e enviadas para o conserto. Caso o cidadão desconfie de alguma irregularidade em relação a balanças é possível solicitar uma fiscalização pelos seguintes contatos: 0800-281-4054, com ligação gratuita; pelo e-mail [email protected] ou pelo whats app 84 98147-9433.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Neco disse:

    Num país sem taras estatizantes, já teria um dúzia de petroleiras saindo na tapa para comprar terras nessa região.

    • Adeobaldo Nunes disse:

      Por isso que os ventos alísios são satisfatórios no oriente médio, ainda mais quando acompanhados de gafanhotos pardos, os mesmos que mordem a canela do boi quando o mesmo sai para o pasto todas as manhãs.

  2. Ojuara disse:

    E os scanner no porto de Natal, vamos usar ou continuar sendo o maior exportador de drogas para Europa e Asia.

COMENTE AQUI