Fiscalização da Caern detecta furto de água para venda em carro pipa no interior

FOTO: CAERN/ASSECOM

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) intensificou desde a semana passada as ações de fiscalização sobre desvio e furto de água em municípios da região Agreste, constatando várias irregularidades. A ação foi motivada pelo alto número de reclamações de usuários de comunidades rurais que não estavam recebendo o produto, principalmente nas localidades de ponta de rede do sistema, embora não houvesse qualquer problema no fornecimento na região.

O trabalho começou pelas comunidades localizadas nos municípios da Unidade de Receita de Nova Cruz, que inclui, além da cidade sede, os municípios de Pedro Velho, Montanhas, Passa e Fica, Espírito Santo, Várzea, Santo Antônio, Lagoa D’Anta, Serra de São Bento e Jundiá.

Segundo o gerente da Regional Agreste, Francisco de Assis José dos Santos, usuários reclamavam que a água não estava chegando em seus imóveis. Como o sistema estava funcionando com plena capacidade, equipes foram designadas para checar o possível desvio de água. Em Passa e Fica, funcionários da Caern descobriram um “gato” que roubava água para abastecer carro pipa que vendia o produto no vizinho Estado da Paraíba.

Também foram encontrados vários desvios de água tratada para irrigação de plantações. Nesses casos, para não pagar a conta pelo consumo, os proprietários instalaram “gatos” no registro.

Em todas as fiscalizações que localizaram irregularidades, foram lavrados autos de infração e feitos boletins de ocorrência na polícia, que devem embasar outras providências que a companhia vai tomar na área jurídica.

Assis adiantou que o trabalho vai continuar em outras comunidades, de outros municípios. Além de ser crime, o desvio de água prejudica usuários que estão nas ponta de rede, porque o sistema é dimensionado para anteder a população considerando o uso regular.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cigano Lulu disse:

    Água, que água?
    O que a Caern vende é nitrato aquoso.
    Só serve para lavar carro e a calçada.
    Nem as plantas sobrevivem por muito tempo.
    "Água" da Caern é isso: bebeu, morreu.

  2. Jesus disse:

    Aquatraficante!

Ibama apreende 114 quilos de filé e cauda de lagosta em fiscalização em casa na praia de Maracajaú, no litoral Norte

Cerca de 114 quilos de filé e de cauda de lagosta in natura foram apreendidos por fiscais do Ibama na manhã desta terça-feira (12) dentro de uma casa na praia de Maracajaú, no litoral norte potiguar.

Para a extração do filé e das caudas, o Ibama estima que foram capturados, ilegalmente, cerca de 400 quilos de lagostas das duas espécies.  Ainda de acordo com o Ibama, os crustáceos apreendidos, (64 quilos de filé e 50 de cauda), estavam armazenados dentro de um depósito da casa fiscalizada.

Segundo o Ibama, o dono da casa não foi encontrado.

Se for encontrado, ele será multado e deve responder pelo crime de armazenamento de produto de pesca em período proibido.

Vale lembrar do dia 1º de dezembro a 31 de maio ocorre o defesa da lagosta, que é o período de reprodução das espécies ‘cabo-verde’ e ‘vermelha’, as mais comuns no litoral potiguar.

Todo o produto apreendido deverá ser doado para instituições de caridade.

Para denúncias, o Ibama dispõe da Linha Verde, que atende pelo 0800-61-8080.

Com acréscimo de informações do G1-RN

Fiscalização do PROCON NATAL realiza operação natalina em supermercados e hipermercados

O Instituto Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor-PROCON/Natal realizou operação- padrão de fiscalização em Supermercados e Hipermercados da capital potiguar, com foco em produtos natalinos.

O procedimento fiscalizatório percorreu 15 destes estabelecimentos comerciais, entre os dias 03 e 12/12/2018, com o intuito de verificar as condições de precificação dos produtos, bem como suas validades, além de conferir a correta armazenagem dos itens, a correspondência entre os preços marcados na gôndola e os que aparecem nos caixas no momento da compra, dentre diversas outras situações passíveis de fiscalização pelo órgão de proteção ao consumidor.

Nos hipermercados que possuem setores de eletro e bazar, por exemplo, a equipe do órgão orientou os estabelecimentos quanto à obrigatoriedade de exposição de informações claras quanto às condições de pagamentos, taxas de juros etc.

Um hipermercado localizado na Zona Sul da capital estava atuando em flagrante desrespeito a essas normas, na medida em que somente expunha em seus cartazes a possibilidade e condições de parcelamento em cartão de crédito da própria rede. Constatado que a loja também realiza parcelamentos em outros cartões, embora estivesse omitindo tal informação aos consumidores, e considerando a conduta reiterada, uma vez que já havia incorrido em ilícito parecido na fiscalização do ano de 2017, a equipe de fiscalização do PROCON/Natal confeccionou um Auto de Constatação, que, após o direito à ampla defesa por parte da empresa autuada, poderá resultar em uma multa.

A intenção do PROCON/Natal é resguardar o direito do consumidor, mas, também, conscientizar os estabelecimentos comerciais quanto a necessidade de ter o bem-estar de seus clientes como meta central. Aqueles que não observam o que está disposto no Código de Defesa do Consumidor demonstram desinteresse pela fidelização do consumidor e se sujeitam aos rigores legais impostos pela atuação do PROCON/Natal.

Caso se sinta lesado em alguma relação de consumo, acione o PROCON/Natal, por meio dos telefones 84 3232-9050/9052 (para informações) ou pelo WhatsApp 84 98870-3865 (para reclamações). Você também poderá se dirigir a sede do órgão, localizado na Rua Ulisses Caldas, 181, Cidade Alta (vizinho a Prefeitura Municipal).

 

Detran fiscaliza lojas de fabricação de placas no interior do RN

O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) concluiu a fiscalização das lojas de fabricação de placas e tarjetas automotivas credenciadas pelo Órgão e situadas nas cidades Nova Cruz, Santa Cruz, Patu, Pau dos Ferros, São Miguel, Parnamirim e São José do Mipibu. No total foram fiscalizadas 13 lojas.

O trabalho do Detran consiste em analisar se os padrões exigidos pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e pela Resolução 231/2007 do Contran na confecção das placas estão sendo cumpridos. Desse mesmo modo é fiscalizada a qualidade e o padrão do material usado na produção, estrutura do local onde funciona as lojas e os equipamentos utilizados na confecção de placas e tarjetas.

Os dados coletados pelos técnicos do Detran são utilizados na tomada de decisão do Órgão no sentido de renovar ou não o credenciamento desses estabelecimentos, já que sem a autorização do Departamento essas lojas não podem comercializar as placas e targetas utilizadas no emplacamento dos veículos automotores cadastrados no Rio Grande do Norte.

O processo de fiscalização de fabricantes de placas e targetas do Estado é regulamentado pela Portaria 743/2008 do Detran. Nesse documento constam os procedimentos, as normas regulamentares e as sanções cabíveis numa eventual desobediência por parte dos fabricantes. O trabalho de fiscalização vai seguir, sendo realizado em todas as lojas credenciadas pelo Detran no RN.

Fiscalização dos corredores da Prudente de Morais e Salgado Filho começa na próxima semana; veja demais vias em Natal

Foto: Divulgação STTU

Há um ano e três meses, a Av. Prudente de Morais ganhou um corredor semi-exclusivo para ônibus compartilhado com bicicleta. Deste então, o motorista convive com uma linha vermelha na faixa da direita da via. Incialmente implantado a partir da Av. Bernardo Vieira até a Av. Miguel Castro, a faixa do transporte compartilhada com a bicicleta foi ampliada até a Rua Trairi, se estendendo por 8,6 km.

A partir da próxima quarta-feira (18), a fiscalização será iniciada pela Prefeitura do Natal – por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU). Além da fiscalização do corredor, também começará a restrição para caminhões de até 8 toneladas na via, que tem circulação é proibida das 06h às 09h e das 17h às 20h de segunda a sexta.

Durante este mês, o Departamento de Educação de Trânsito da STTU está realizando um trabalho de orientação sobre a função do corredor e quando o motorista pode entrar na faixa, o que é permitido quando o condutor for realizar uma conversão à direita e por até um quarteirão. De acordo com Aurino Borges, diretor de Educação, o trabalho seguirá mesmo após o início da fiscalização. “Nosso trabalho é contínuo, com faixas e folders, para conscientizar os motoristas a respeitar o corredor”, informa.

Salgado Filho e Hermes da Fonseca

A fiscalização da faixa semi-exclusiva para o transporte da Av. Senador Salgado Filho – que se estende por 2,48 km da Av. Bernardo Vieira a Av. Miguel Castro – e da Av. Hermes da Fonseca – que tem 5 km e começa na Rua Potengi e termina na Av. Alexandrino de Alencar – também será iniciada. Ele foi implantado há um ano e cinco meses, sendo ampliada nos últimos meses. A via também contará com restrição para caminhões, no mesmo horário e peso do existente na Av. Prudente de Morais.

Demais corredores

Além da fiscalização nos corredores de transporte das avenidas Prudente de Morais e Salgado Filho, a STTU vai intensificar a fiscalização nos demais corredores de ônibus da cidade. Contam com faixas para ônibus a Av. Bernardo Vieira, a Rua Dr. Mário Negócio, a Rua Coronel José Bernardo e a Av. Rio Branco. “O transporte público tem a prioridade no trânsito e nós temos que garantir a qualidade do serviço para população”, reforça Elequicina dos Santos – secretária da STTU.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Abdenego disse:

    Nada contra as vias de um sentido só, mas pq não eliminar o canteiro central e ampliar e padronizar as calçadas de tais vias, na mesma proporção do que foi perdido com a eliminação do canteiro central? Calçadas para pedestres, faixas reservadas às bicicletas, nova arborização cujas raizes não ofendam a pavimentação, o porte não ofenda a fiação elétrica e forneça sombra. Seria ótimo se em ao menos uma desta vias isso fosse experimentado.

  2. Abdenego disse:

    Faixas semiexclusivas, transformação de avenidas com canteiro central em vias em um único sentido, eliminação de retornos… Natal se transforma em uma cidade que obriga os veículos a ficarem mais tempo em circulação, em percorrer distância maiores, em exigir que vc sempre faça a escolha correta se vai entra ou não na próxima esquina pra nao ferir a faixa semiexclusiva. Essas mudanças, na minha percepção só piorou o trânsito.

  3. Edilson disse:

    A fiscalização será em torno do tráfego de caminhões para não circularem no horário proibido para os mesmos, já os veículos que transitarem na faixa exclusiva para ônibus não proíbe os mesmos usarem essa faixa para entrarem num lote lindeiro ou convergir a direita.

  4. Antonio Dantas disse:

    E os onibus que sairem da faixa deles seram punidos?

  5. Helio Motta disse:

    Só quero saber como vão medir se a distância percorrida por um carro era suficiente ou não para entrar a direita ou se o carro já vinha desde muito tempo na faixa.
    Essa STTU inaugurou novo conceito: faixa semi-exclusiva. Ou é exclusiva ou não é. Então DUVIDO que no CTB haja algo sobre "semi exclusiva". DUVIDO!

    • Daniel disse:

      Nao sou especialista no assunto mais acho q se vc pode converter a direita pode transitar na aixa ate o primeiro cruzamento se nao converter deve ser notificado

  6. Jaci disse:

    Prefeito sujeira. Natal está suja . Canteiros podres. Quadras imundas. Cidade escura. Ainda tem quem elogie, só Jesus na causa.

  7. Jaci disse:

    Prefeito so faz piorar o trânsito. Tá pior do que Micaela. Fechou os retornos de Natal. Av Bernardo Vieira morreu. Esse Prefeito devia visitar Fortaleza

  8. Mbruno disse:

    Hoje de manhã já tinha amarelinhos na salgado filho.

Operação aborda 40 veículos e notifica condutores em Pau dos Ferros

CPRE em Pau dos Ferros (2)Policiais do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE) realizaram na tarde desta quarta-feira (20) mais uma intensa operação na cidade de Pau dos Ferros, no Alto Oeste Potiguar. Durante a ação foram realizadas cerca de 40 abordagens à veículos com a notificação de quatro condutores. Também foram realizados testes de alcoolemia.

Em 2015, a Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) bateu recordes de produção em suas fiscalizações de trânsito. Em um ano mais de 204 mil veículos foram fiscalizados e cerca de 7.300 veículos irregulares apreendidos por irregularidades diversas. Para a Secretaria, estas ações foram importantes para a redução dos crimes naquele ano.

CPRE intensifica fiscalização nas rodovias que dão acesso a Santa Cruz

IMG-20160215-WA0057Policiais do 2º Grupo do 5º Distrito do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (5º DPRE), em conjunto com a 4ª Companhia Independente de Polícia Militar (4ª CIPM), intensificaram na manhã desta segunda-feira (15) a fiscalização de veículos nas rodovias que dão acesso ao município de Santa Cruz, na Região do Trairí, a fim de coibir o cometimento de infrações e reduzir a criminalidade naquela localidade.

Na ocasião, 127 pessoas foram revistadas e 103 veículos abordados, o que resultou na confecção de cinco autos de infração de trânsito por irregularidades administrativas diversas. Não houve necessidades de prisões e apreensões nesta operação.

Policiamento é intensificado em Mossoró e mais de 130 pessoas são abordadas

Operação em Mossoró (2)Policiais do 2º Batalhão de Polícia Militar (2º BPM) com o apoio da Guarda Civil e dos Agentes de Trânsito do município de Mossoró realizaram na tarde desta quarta-feira (11) mais uma intensa operação de saturação nos bairros Abolições 3,4 e 5, Integração, Resistência e Santa Delmira.

Na operação, foram abordadas 134 pessoas e 62 veículos, entre carros e motos. Não houve registro de prisão e apreensão. A ação contou com o comando do Tenente Muniz e fiscalização do sargento Roberto.

No endereço da empresa de gás que vendeu pirulitos à Prefeitura há apenas um terreno baldio

Pelo visto, muita coisa ainda pode piorar no caso da licitação da Prefeitura do Natal para compra de balas, pirulitos, pipocas e chocolates, em que a ganhadora foi a empresa Argentina Gás, que comercializa, em tese, gás de cozinha.

De acordo com informações do Blog do Primo, esse é apenas o primeiro dos problemas. Pelo que apurou, no endereço apontado como o da sede da empresa, há apenas um terreno baldio sem qualquer tipo de construção e ninguém da vizinhança conhece a empresa Argentina Gás. Não bastando, no telefone dado como de contato da empresa quem atende é um escritório de contabilidade.

O vereador Fernando Lucena está de olho no caso e deve iniciar uma investigação se utilizando dos direitos constitucionais de fiscalização do Legislativo sobre o Executivo.

Confira a postagem do Primo aqui. O Blog já havia noticiado o caso há mais de um mês na postagem “Carlos Eduardo gasta quase R$ 100 mil com balas, pipocas, chocolate e pirulitos só em uma secretaria“.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Maracujina disse:

    Vamos adicicar essa amarga vida . Pirulito com paçoca Bokus .

  2. Célio Galvão Petrovich disse:

    Bruno Giovanni: Boa noite,gostaria de saber se você tem alguma informação sobre o não pagamento dos funcionários da Prefeitura do Natal,que recebem no último dia.

  3. Paulo disse:

    o Prefeito é blindado, faz o que quer e não dá em Nada! ate engavetar processo ele tem esse poder como mesmo disse , Não dá em nada! Lucena vai só gritar na CMN , Brasil !!!

  4. Luciana Morais Gama disse:

    São Artistas que Levam a Vida Enganando Semelhantes.

  5. Manoel disse:

    Blog do primo é de um condenado por corrupção na Operação Impacto? Muita credibilidade.

PM intensifica fiscalização em Nossa Riacho de Santana

pm operaçãoDurante a manhã desta quarta-feira (16), a Polícia Militar realizou fiscalização nas principais vias de acesso à zona urbana do município de Nossa Riacho de Santana.

De acordo com informações repassadas pelo Sargento Rosano, coordenador da fiscalização, a ação policial cumpriu diretrizes emanadas pelo Comandante do 7º Batalhão de Polícia Militar (7ºBPM), com o objetivo de identificar e prender possíveis infratores que trafegassem nas vias públicas, bem como inibir a prática de fatos delituosos como porte ilegal de armas, tráfico de drogas, veículos roubados, entre outros.

Ainda de acordo com o Sargento, durante a ação policial não foi registrado nenhuma prisão ou apreensão e apesar das inúmeras abordagens minuciosas a veículos e condutores, apenas duas pessoas e dois veículos foram conduzidas ao Destacamento para consulta via INFOSEG, e em seguida foram liberadas por não constar nenhuma pendência criminal.

Durante a manhã desta quarta-feira (16), a Polícia Militar realizou fiscalização nas principais vias de acesso à zona urbana do município de Nossa Riacho de Santana.

De acordo com informações repassadas pelo Sargento Rosano, coordenador da fiscalização, a ação policial cumpriu diretrizes emanadas pelo Comandante do 7º Batalhão de Polícia Militar (7ºBPM), com o objetivo de identificar e prender possíveis infratores que trafegassem nas vias públicas, bem como inibir a prática de fatos delituosos como porte ilegal de armas, tráfico de drogas, veículos roubados, entre outros.

Ainda de acordo com o Sargento, durante a ação policial não foi registrado nenhuma prisão ou apreensão e apesar das inúmeras abordagens minuciosas a veículos e condutores, apenas duas pessoas e dois veículos foram conduzidas ao Destacamento para consulta via INFOSEG, e em seguida foram liberadas por não constar nenhuma pendência criminal.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Marcos Aurélio disse:

    BG parabéns pelo site, sempre que posso dou uma "espiadinha". Mas, assim como alertou o colega Everton, o nome da cidade é Riacho de Santana, a qual adotei de uns 10 anos para cá, e sempre que possível, visito. Povo muito hospitaleiro e gentil, que assim como milhares de nordestinos e brasileiros, vem sofrendo com a falta d'água e o descaso público. Um beijo no coração dos santanenses.

  2. Everton Maia disse:

    Alô BG! De onde saiu esse "Nossa" no nome do município citado na matéria? (rsrs) O correto é Riacho de Santana. 😉

PRF e Tributação fazem nova operação de combate à sonegação

Auditores Fiscais da Secretaria Estadual da Tributação (SET), com apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), estão realizando nesta quarta-feira (26) mais uma etapa da operação Fronteira Legal. O objetivo é combater a circulação de mercadorias em trânsito pelo Rio Grande do Norte sem notas fiscais e o devido recolhimento dos impostos.

Esta é a quarta etapa da Operação que busca localizar mercadorias que entram no Estado de forma irregular, desacompanhadas de notas fiscais e sem pagar o ICMS. A circulação clandestina provoca prejuízos financeiros aos cofres públicos e ainda representa concorrência desleal à indústria e o comércio local que pagam regularmente seus impostos e geram empregos e renda ao RN.

“Um dos nossos pontos de fiscalização é a BR 101, divisa com a Paraíba. Foram cerca de 6 Policiais Rodoviários Federais nesse trecho do Posto de Fiscalização de Caraú, das 6h às 16h, auxiliando o trabalho dos auditores nas abordagens aos veículos”, disse o inspetor Roberto Cabral.

A Operação Fronteira Legal já foi realizada em cinco municípios do RN: Natal, Mossoró, Caicó, Nova Cruz e Pau dos Ferros. As principais mercadorias encontradas nas abordagens foram confecções, alimentos, combustíveis, bebidas e material de construção.

Nas operações anteriores, o Fisco conseguiu recuperar mais de R$ 1,5 milhão em impostos sonegados, lavrar 329 Termos de Apreensão de Mercadorias e abordar mais de 3 mil veículos.

“Quando o veículo de carga ou de passeio é parado e é constatada a irregularidade, é feito um TAM (Termo de Apreensão de Mercadoria) e emitido um DARE (Documento de Arrecadação de Receitas Estaduais) onde é cobrado o imposto devido de 17%, referente ao valor do produto, e mais 30% da multa. Veículo e mercadoria só podem ser liberados com o devido pagamento da guia”, explicou o secretário de Tributação André Horta.

A Operação Fronteira Legal, com a fiscalização móvel nas rodovias, é uma estratégia de atuação do Fisco em decorrência do fechamento de 16 postos fiscais fixos que antes funcionavam nas principais entradas do Estado. Com as ações, os auditores pretendem também formar um cadastro de atuações e apreensões para alimentar o banco de dados da SET, com informações detalhadas dos contribuintes, para possibilitar o cruzamento de informações sobre mercadorias em circulação, principais pontos de rota e autores envolvidos.

Fiscalização da velocidade em nove cruzamentos de Natal começa neste domingo; confira todos locais

20904A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), ativa neste domingo (15) a fiscalização de velocidade em nove cruzamentos da capital. A ativação dos radares está sendo efetuada após uma ampla campanha publicitária orientando os motoristas.

Segundo Walter Pedro da Silva, secretário adjunto de Trânsito da STTU, a fiscalização eletrônica em Natal opera com três tipos de equipamentos que têm funções diferentes.

Lombada Eletrônica

O secretário adjunto explica que as lombadas eletrônicas estão, na maioria das vezes, próximas à faixa de pedestres para facilitar a travessia. “Deste modo, definimos que estes equipamentos limitam a velocidade em 50 km/h para que o motorista reduza a velocidade e pare quando algum pedestre estiver esperando para atravessar a via”, pontuou.

Estes equipamentos, que já estão autuando, estão localizados nos seguintes pontos:

1. Av. Prudente de Morais, próximo a Rua Sete de Setembro – sentido Candelária/centro;
2. Av. Ayrton Senna, Neópolis, na altura do Colégio Itaece – sentido Parnamirim;
3. Rua Dr. Mário Negócio, Quintas – sentido Bairro Nordeste;
4. Av. Prudente de Morais, entre as ruas Júlio Gomes Moreira e Dr. José Bezerra, Lagoa Seca – sentido Barro Vermelho;
5. Av. Prudente de Morais, próximo a Rua Alm. Nelson Fernandes – sentido Petrópolis;
6. Av. Hermes da Fonseca, em frente ao Hospital de Guarnição, Tirol – sentido Petrópolis;
7. Av. Itapetinga, próximo a 12º DP, Potengi – sentido Av. Dr. João Medeiros Filho;
8. Av. Itapetinga, próximo a 12º DP, Potengi – sentido Av. Rio Doce.

Radares fora de Cruzamento

Os radares que estão localizados fora dos cruzamentos objetivam controlar a velocidade dos veículos em um determinado trecho. Geralmente estes se encontram em locais com curvas acentuadas e em longos trechos sem semáforos, onde os motoristas podem vir abusar da velocidade.

Por estes motivos, segundo Walter Pedro, os radares fora de cruzamentos limitam a velocidade em 50 km/h. “É para dar segurança ao motorista que estiver realizando uma curva acentuada”, assegurou.

Estes radares, que já estão autuando, estão localizados nos seguintes pontos:

1. Rua Jaguarari, entre as ruas Vinte e Três e Izabel Oliveira, Candelária – sentido bairro;
2. Rua Jaguarari, entre em frente ao Condomínio Green Village, Candelária – sentido centro;
3. Av. Bernardo Vieira, após a Rua Brandão, Lagoa Nova – sentido Midway Mall;
4. Av. Bernardo Vieira, após a Rua dos Tororós, Alecrim – sentido Urbana;
5. Ponte Newton Navarro – sentido Praia do Forte;
6. Ponte Newton Navarro – sentido Redinha;
7. Av. Felizardo Moura, antes do semáforo da Compal, Bairro Nordeste – sentido Igapó;
8. Av. Felizardo Moura, antes do semáforo da Compal, Bairro Nordeste – sentido Urbana;
9. Av. Romualdo Galvão, na entrada do túnel, Lagoa Nova.

Radares nos Cruzamentos

Já os equipamentos instalados nos cruzamentos vão monitorar a parada sobre a faixa de pedestre, o avanço de sinal vermelho e a velocidade, a última mesmo quando o sinal estiver verde. Walter Pedro afirma que estes radares visam dar segurança a travessia dos pedestres nos cruzamentos, assim como garantir o respeito à faixa e ao sinal vermelho. A velocidade será monitorada 24 horas por dia, enquanto a parada sobre a faixa e o avanço de sinal será fiscalizada das 05 horas até às 22 horas.

O adjunto explica que a velocidade será monitorada inclusive durante a madrugada para garantir a segurança na travessia do cruzamento, já que o monitoramento do avanço de semáforo não estará funcionando. “Verificamos que os acidentes mais graves e com vítimas fatais ocorrem justamente durante a madrugada, por isso a fiscalização de velocidade funcionará 24 horas tanto nas lombadas eletrônicas, como nos radares fora e em cruzamentos”, afirmou.

Com relação ao limite de velocidade, que foi fixado em 60 km/h, Walter Pedro explicou que esta é a velocidade máxima permitida pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB) para vias urbanas. “Além disso, queremos garantir que o motorista reduza a velocidade no cruzamento para que ele possa realizar uma travessia segura, sem causar acidentes”, certificou.

Estes radares estão instalados em nove cruzamentos da capital. São eles:

1. Av. Amintas Barros x Rua Jaguarari;
2. Av. Miguel Castro x Rua Jaguarari;
3. Av. Senador Salgado Filho x Av. Antônio Basílio;
4. Av. Senador Salgado Filho x Av. Bernardo Vieira;
5. Av. Coronel Estevam x Rua Brasília;
6. Rua Fonseca e Silva x Av. Almirante Alexandrino de Alencar;
7. Av. Bernardo Vieira x Rua dos Pegas;
8. Av. Prudente de Morais x Av. Bernardo Vieira;
9. Av. Hermes da Fonseca x Av. Almirante Alexandrino de Alencar.

Os motoristas que desejarem mais informações podem ligar para o Alô STTU, no telefone 156, ou pelo twitter oficial, o @156Natal.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. francisco xavier da Silva disse:

    Em todas as capitais a velocidade minima estar sendo de 60KM, aqui é a industria da multa , é só o que essa STTU de pessoas incompetentes sabe fazer, parece que os mais qualificados na STTU são os amarelinhos

  2. Vilma disse:

    Desculpem os senhores "entendidos" mas 50 km/h não é sinal de segurança, exceto em curvas, nos outros locais permite até assaltos pela LENTIDÃO no deslocamento.
    50 km TRAVA o trânsito que já é ruim!
    Mas brasileiro só fecha a porta depois de roubado.

FOTO: SEMOB monta operação para coibir uso de veículos particulares no corredor de ônibus da Bernardo Vieira

10585537_10204590073301951_278783838_oFoto: Wendell Jefferson

A partir desta terça-feira (29), a SEMOB fará fiscalização ostensiva ao longo da avenida para coibir o uso de veículos particulares e ônibus não autorizados a trafegarem pele corredor exclusivo de ônibus urbanos. Segundo o Via Certa Natal, que vinha denunciando as irregularidades ao longo do ano, nesta manhã, a ação ocorreu no trecho das Quintas bem no começo do corredor. Na ocasião, já ocorreram algumas notificações a condutores que teimaram em usar o corredor.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ocasavo disse:

    Sem educação, não chegaremos a lugar algum e não adianta colocar a culpa apenas nos políticos.
    Na escola Lápis de Cor em Lagoa Nova, mais precisamente na rua Amintas Barros, próximo à Sorveteria Tropical, os pais dos alunos estacionam seus carros sobre a faixa de pedestre e até mesmo nas esquinas para deixarem seus filhos na escola.

  2. aldo disse:

    Já não era sem tempo. Os táxis e motos são campeãs nisso.

  3. fcosta disse:

    Seria de melhor proveito que a Prefeitura retirasse metade dos semáforos dessa avenida, pois há uma quantidade acima do necessário que em vez de ajudar, atrapalham, não sei onde os engenheiros de tráfegos estudaram, pois só implementam medidas paliativas que não resolvem de vez o caos no trânsito da cidade. exemplo: A 1ª parada da Felizardo moura, sentido zona norte, é a causa do grande engarrafamento de todas as terdes naquela via, já que os ônibus páram no meio da via e não há um fiscal para coibir esse abuso, em uma conivência com as empresas que fazem o que querem.

Balanço do Detran-RN registra mais de 400 apreensões em virtude da Lei Seca no início do ano

O Detran/RN divulgou na manhã desta segunda-feira (03) o balanço das operações fiscalizatórias desenvolvidas pelo órgão no primeiro mês de 2014. Ao todo, em sete blitzen realizadas entre 1º de janeiro e 1º de fevereiro, 441 condutores tiveram a Habilitação apreendida em virtude da Lei Seca. Apenas no primeiro mês de 2014, o Departamento apreendeu mais da metade de Habilitações do que nos primeiros seis meses do ano passado.

Para se ter uma ideia do que isso representa, basta comparar com os números do primeiro semestre de 2013, quando foram apreendidas um total de 1.869 CNHs, das quais 48,58% em virtude de transgressão ao artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro, que fala a respeito de dirigir sob a influência de álcool. Isso nos leva ao número de 908 carteiras de motorista apreendidas.

Assim, apenas no primeiro mês de 2014, o Detran/RN apreendeu mais da metade de Habilitações do que nos primeiros seis meses do ano passado. Para o chefe de gabinete do Detran/RN, isso é fruto do trabalho realizado pela Instituição em parceria com a Polícia Militar. “Houve uma intensificação das nossas operações, que inclusive vamos manter durante os meses seguintes, não apenas durante esta Operação Verão”, disse Ferreira.

A última blitz do Detran/RN aconteceu na madrugada da sexta-feira (31) para o sábado (01), quando foi registrada a maior apreensão de CNHs neste ano em uma única operação: 103 habilitações apreendidas, das quais 26 caracterizadas como crime.

Nesta situação em que os técnicos do Departamento constatam que o condutor está com mais de 0,34 mg/l de álcool por litro de ar no sangue. Assim, além da multa de R$1.915,30 e do pagamento de fiança, o infrator responderá a processo, que pode resultar em pena de seis meses a três anos de prisão.

“Mais uma vez repito um pedido: se for beber, não dirija, eleja o motorista da rodada, use o serviço de táxi. Não há mais espaço para este tipo de atitude”, ressaltou o chefe de gabinete.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rafael disse:

    Parabéns pelo resultado. Acho que cada vez precisamos apertar mais o cerco. É isso aí.
    Twitter: @marquesrm

  2. verdade disse:

    Dou Parabéns a Educação e Fiscalização de Trânsito do Detran/RN, pelo trabalho que está sendo feito em nossa cidade, retirando d circulação estes bandidos do volante.

    Pode fazer hoje de novo que vai prender mais 200, porque nessa cidade existe milhares de pessoas que se acham acima de todos e de tudo, que pode sair dirigindo bebado atropelando inocentes, esses inocentes que são pessoas que pagam impostos, que vivem do trabalho para o lar, crianças que estão a mercê de ser vitimas de psicopatas no volante que querem se divertir irresponsavelmente não dando o direito as outras pessoas de ir e vir com segurança, como vemos todos os dias nesse e em outros blogs e jornais acidentes absurdos provocados por esses irresponsáveis.

    você que bebe e dirige e está lendo este comentário por favor se toque e pare de fazer estas atrocidades que tanto envergonham nosso país frente as outras potencias mundiais e não seja mais um a viver arrependido por ter atropelado e matado um inocente na rua porque bebeu apenas “duas cervejas”, me poupe.

    E não fica só na bebida, basta monitorar a rota do sol , a via costeira, as BRS bem como as duas pontes que levam a zona norte que não é dificil passar um minuto sem ver carros trafegando a 120 ,150 km / h e até 200 km, o transito no centro da cidade, alecrim, petropolis e tirol pode-se ver carros sendo estacionados absurdamente errados em canteiros centrais e em esquinas e até no meio da rua, provocando um caos no transito, bem como motociclistas trafegando sem capacete nos bairros de periferia.

  3. Fina Ironia disse:

    400 apenas? É muito pouco ainda…

    • layse rodrigues disse:

      Muito bom os resultados, cada dia que passa mas as pessoas vão se conscientizando que beber e dirigir e CRIME.

      Sou totalmente de acordo com aqueles que opta sair de táxi ou até mesmo contratar o serviço de MOTORISTA DA RODADA serviço esse que tem um custo beneficio muito grande, lembrando que o motorista da rodada NÃO está autorizado a entregar o carro após BLITZ e também não vai pegar os clientes no congestionamento da BLITZ .

      Informações e esclarecimentos,
      Caio Fernandes
      8852-4121/9130-6007

Detran-RN intensifica ações de educação e fiscalização de trânsito no Litoral

Técnicos da Coordenadoria de Educação e Fiscalização de Trânsito do Detran intensificaram desde a última quarta-feira (11) as ações de inspeção e conscientização dos condutores de veículos automotores que utilizam as vias litorâneas da região metropolitana de Natal. A medida busca alertar os motoristas para os procedimentos de segurança no tráfego, como também autuar aqueles que permanecem infringindo as normas legais do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Durante quatro dias da última semana (quarta-feira a sábado) as equipes pedagógica e de fiscalização do Detran percorreram boa parte do Litoral Norte e Sul do Estado, abrangendo ainda as praias de Barreta, Redinha Nova, Jacumã, Muriú, Pitangi, Genipabu, Cotovelo, Pirangi e Pium. As blitzen foram realizadas de forma itinerante, garantindo que num mesmo dia vários pontos de tráfego intenso de veículos fossem alvo da ação.

Durante a operação, dezenas de condutores foram abordados e receberam instruções pedagógicas relacionadas a importância do uso do cinto de segurança e do capacete, do perigo de falar ao telefone móvel enquanto dirige, da responsabilidade civil e criminal da utilização do álcool para conduzir veículo, além dos cuidados necessários para por em prática ações de direção defensiva.

As equipes focaram ainda a orientação aos bugueiros profissionais sobre o respeito às áreas de preservação ambiental e as faixas de areia privativas aos banhistas e pedestres, como também o perigo da superlotação dos bugres em percursos em dunas ou mesmo em rodovias. Foram distribuídos panfletos educativos com mensagens evidenciando práticas responsáveis e seguras no trânsito, como também um brinde composto por kit contendo chaveiro e garrafinha plástica.

Algumas notificações de infrações e apreensões de veículos também foram catalogadas durante a operação, que de acordo com o coordenador de Educação e Fiscalização de Trânsito do Departamento, Adryano Barbosa, vai ser continuada nesta semana e durante todo o verão. “As blitzen seguem com o propósito de promover a conscientização dos condutores, mas nós também vamos reprimir aqueles infratores, principalmente os que descumprem a Lei Seca”, concluiu.

Procon Natal fará pesquisa para saber se há abuso no reajuste do preço dos combustíveis

18135Na última sexta-feira (29/11), a Petrobras anunciou um reajuste de 4% para a gasolina e 8% para o Diesel. Entretanto, o Procon Municipal de Natal alerta que para o consumidor final o reajuste deverá ficar entre 2% e 2,5%. O Diretor Geral do órgão, Kleber Fernandes, argumenta que o reajuste de 4% foi dado para a gasolina pura conhecida como tipo “A”. Essa gasolina ainda deverá receber a mistura de 25% de etanol, o que representa ¼ do combustível. Diante disso, o reajuste de 4% não pode ser totalmente repassado ao consumidor final.

O Procon Natal realiza mensalmente pesquisas de preço de combustíveis e na próxima sexta-feira fará a primeira pesquisa pós aumento. Caso haja aumento além do que foi estabelecido o Procon autuará os postos. “Nós temos dados estatísticos de todo ano de 2013 e faremos o comparativo para averiguar se houve aumento injustificado, o que se configura uma prática abusiva conforme prevê o artigo 39 inciso X do Código de Defesa do Consumidor”, afirma Kleber Fernandes.

Após a tabulação dos dados, o Procon Natal decidirá acerca de possíveis autuações aos postos de combustíveis que estiverem praticando abusos nos preços e encaminhará também as pesquisas para o Ministério Público tomar ciência e adotar as providências que considerar cabíveis. As possíveis sanções administrativas vão desde a aplicação de multa até a interdição do posto.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Eduardo disse:

    Para inicio de conversa, não sou dono de posto. Temos que entender que a Petrobras trabalha com preços internacionais e infelizmente não tem mais como subsidiar os preços da forma que estavam, com perigo de quebrar a empresa ou virarmos uma Venezuela. Posto é uma empresa privada e como tal procura o lucro.

  2. Clara disse:

    Pra quê isso? Tadinho dos donos dos postos, ELES precisam tanto e o POVO óóóóóó!!!
    O choro é livre, mas o prejuízo só nas costas da população.
    Não é assim não? Então tá, vamos ser objetivos, qual dono de posto quer vender seu estabelecimento???
    São décadas que vivenciamos esse jogo "combinado" entre os donos de postos. O discurso é único e muito bem ensaiado, só não vê quem não quer.
    Para aumentar o preço, vale tudo, dólar, reajuste da petrobras, dificuldade no abastecimento, qualquer coisa e o efeito é IMEDIATO.
    Porém o inverso NUNCA acontece, BAIXA e MUITO o dólar, nada do preço diminuir, o abastecimento é regularizado e o aumento dado anteriormente, NUNCA volta, e por aí vai…. Qual a dúvida sobre o abuso no reajuste???