Cliente desabafa sobre furto e descaso do Carrefour Zona Sul

Uma internauta assídua do Blog, identificada como Zilmá Leite, fez uma denúncia sobre a insegurança no Carrefour da Zona Sul, e alertou a quem freqüenta o estabelecimento após ter sido vítima de uma dupla feminina, que teria levado a carteira de sua bolsa, onde estavam seus cartões bancários, entre outros documentos e pertences. O fato foi registrado no dia 22 de agosto, inclusive, com realização de Boletim de Ocorrência (BO).

Segundo Zilmá Leite, ao ser furtada, procurou algum funcionário para contato, mas, não existia nenhum no interior do estabelecimento capacitado para ajudá-la. “Não encontrei vigias, segurança, uma pessoa, sequer, encarregada para o socorro ao cliente. Então, fiquei umas duas horas aguardando o registro das câmeras do interior da loja, afinal, o local do furto havia sido identificado. Resultado: a incrível informação de que a filmagem é feita de forma rotativa e não era possível o registro do fato”, desabafou questionando para que servem as câmeras no local.

A cliente conta que após o furto registrado numa quinta-feira, no sábado seguinte se dirigiu novamente ao estabelecimento, e foi informada que no dia anterior, uma outra senhora teria sido furtada. “Quanto a essa senhora, estou para me comunicar, mas se isto não bastasse, já tive contato com outra que teve sua carteira com dinheiro também furtada no interior daquele supermercado. Por enquanto, nós duas estamos procurando contato com outras vítimas para providências no sentido de informar aos empresários que o objetivo desses ilustres senhores não deve ser apenas o lucro exorbitante, mas para isso tem que existir os clientes, aos quais deve ser proporcionado um mínimo de segurança”, alertou.

Zilmá Leite disse que desde o fato, procurou o diálogo de todas as maneiras com o Carrefour, contudo, a empresa disse que não iria ressarcir o seu prejuízo e que ela buscasse os seus direitos. “Apesar de eu ter entregue todos os documentos solicitados pelo gerente daquele dia, como boletim de ocorrência, nota das compras, extratos das contas bancárias, de nada adiantou. Aguardemos, então, enquanto outras vítimas aparecem e a nossa paciência suporta”, finalizou.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Walther disse:

    Há muito tempo que atendimento ao cliente deixou de ser assunto de prioridade no Carrefour.

  2. Luciana Morais Gama disse:

    So compro no NORDESTAO pois eh da terra e a gente fala com o dono!

  3. Tatiana Santos disse:

    Por isso que adoro o Nordestão. Somos bem atendidos em todos os sentidos lá o/

  4. Cristiano disse:

    Minha mãe uma vez passou por algo parecido, foi ameaçada por um cidadao armado dentro do carrefour , os seguranças foram acionados, o cidadao ainda estava no carrefour e eles ficaram so olhando e disseram que nao podia fazer nada. No outro dia fomos solicitar as gravaçoes das cameras e eles nao forneceram. Desse dia pra ca nunca mais minha familia fez compras la. Tomara que feche.

COMENTE AQUI