Covid-19: RN tem 69 óbitos sob investigação e taxa de isolamento de apenas 42%

Em coletiva no fim da manhã desta segunda-feira(01), a Secretaria de Estado e Saúde Pública-Sesap atualizou os números do coronavírus no Rio Grande do Norte. O médico Petrônio Spinelli, secretário adjunto, confirmou que 69 óbitos estão sendo investigados.

Ainda na coletiva, o secretário adjunto destacou que a taxa de isolamento social, em cima de um levantamento fim de semana, registrou apenas 42%.

Os números preocupam a Sesap, diante do aumento de casos e óbitos no Estado. A secretaria entende que a taxa mínima ideal para isolamento e maior prevenção da covid-19 fica na casa dos 60%.

O Rio Grande do Norte registra 7.964 casos de coronavírus, mais de 16 mil suspeitos, 14.127 descartados e 323 mortes, sendo 18 óbitos a mais que o último boletim

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lucianobrito disse:

    Quando foi que a saúde esteve mil maravilhas no RN, sempre esteve em colapso nada mudou.

  2. Emmanoel do Nascimento Costa disse:

    Natal e grande Natal sistema de saúde colapso Lookdwan urgente

  3. Emmanoel do Nascimento Costa disse:

    O prefeito médico e não decreta Lookdwan onde vamos parar.

  4. François Cevert disse:

    Ou para tudo de uma vez ou vai morrer muito mais gente infelizmente o povo está sem saber o que faz uns manda fazer uma coisa e outros desfaz o que o outro disse e o povo no meio literalmente sem saber o que fazer.

  5. Direita-honesta disse:

    E as providências relativas ao sistema de saúde do estado? O que a governadora do PT já fez a respeito? E agora, vai querer fechar geral e quebrar o que resta do RN?

  6. Juliano bugueiro disse:

    Lockdown urgente….

    • Manoel disse:

      3 meses de quarentena e não adiantou de nada, será que ainda não aprenderam que lockdown não é solução nessa hora, já passou o momento e o RN perdeu a oportunidade, agora é tratar os que ficarem infectados precocemente pra evitar que evoluam a morte

    • Manoel disse:

      Manoel, como nao surtiu efeito? Colega, se nao fosse essa quarentena o sistema de saúde tinha entrado em colapso já no primeiro mês.

COMENTE AQUI