Geral

Reservas hídricas no RN aumentam volume com últimas chuvas; veja aporte das principais barragens, açudes e lagoas

Foto: ASCOM/IGARN

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio do Instituto de Gestão das Águas do RN (Igarn), monitora os 47 reservatórios, com capacidades superiores a 5 milhões de metros cúbicos, responsáveis pelo abastecimento das cidades potiguares. O Relatório do Volume dos Principais Reservatórios Estaduais, divulgado nesta quarta-feira (05), indica que as reservas hídricas superficiais totais do RN, continuam aumentando com as chuvas pelo interior do Estado. Atualmente, somam 2.035.687.106 m³, correspondentes a 46,51% da sua capacidade total. Na última sexta-feira, 30 de abril, o volume das reservas hídricas era de 1.979.033.003 m³, equivalentes a 45,22% da sua capacidade total, que é de 4.376.444.842 m³.

A barragem Armando Ribeiro Gonçalves, maior reservatório do RN, acumula 1.336.237.997 m³, equivalentes a 56,31% da sua capacidade total, que é de 2.373.066.510 m³. Na última sexta-feira (30), o manancial estava com 1.313.212.384, correspondentes a 55,34% do seu volume total.

A segunda maior barragem do RN, Santa Cruz do Apodi, recebeu bom aporte hídrico e acumula 207.609.700 m³, percentualmente, 34,62% da sua capacidade total, que é de 599.712.000 m³. No último relatório divulgado, o reservatório acumulava 178.921.150 m³, equivalentes a 29,83% do seu volume total.

Já a barragem Umari, terceiro maior manancial do RN, acumula 199.897.985 m³, correspondentes a 68,27% da sua capacidade total, que é de 292.813.650 m³. No dia 30 de abril, o reservatório estava com 198.840.187 m³, equivalentes a 67,91% do seu volume total.

O açude que recebeu maior ganho percentual de volume foi o Santana, também conhecido como Gangorra, localizado em Rafael Fernandes, que acumula 6.603.333 m³, correspondentes a 94,33% da sua capacidade total, que é de 7 milhões de metros cúbicos. Na última sexta-feira, o manancial estava com 5.810.000 m³, equivalentes a 83% da sua capacidade.

Outro reservatório que recebeu bom aporte hídrico foi o Malhada Vermelha, localizado em Severiano Melo, que acumula 2.082.880 m³, correspondentes a 27,63% da sua capacidade total, que é de 7.537.478 m³. No último relatório, o açude estava com 1.404.482 m³, equivalentes a 18,63% do seu volume total.

O açude Rodeador, localizado em Umarizal, acumula 13.635.597 m³, percentualmente, 63,71% da sua capacidade total, que é de 21.403.850 m³. No dia 30 de abril, o reservatório acumulava 12.855.304 m³, equivalentes a 60,06% do seu volume total.

O açude Morcego, localizado em Campo Grande, acumula 3.766.837 m³, correspondentes a 56,15% da sua capacidade total, que é de 6.708.331 m³. No final da semana passada, o reservatório estava com 3.511.898 m³, percentualmente, 52,35% da sua capacidade.

A barragem de Lucrécia acumula 7.308.848 m³, correspondentes a 29,53% da sua capacidade total, que é de 24.754.574 m³. Na última sexta-feira, o manancial estava com 6.557.561 m³, percentualmente, 26,49% da sua capacidade.

O reservatório Beldroega, localizado em Paraú, acumula 4.398.387 m³, equivalentes a 54,59% da sua capacidade total, que é de 8.057.520 m³. No relatório anterior ele acumulava 4.129.470 m³, correspondentes a 51,25% do seu volume total.

O açude Flechas, localizado em José da Penha, acumula 5.655.475 m³, equivalentes a 63,19% da sua capacidade total, que é de 8.949.675 m³. Na última sexta-feira, o manancial acumulava 5.499.775 m³, percentualmente, 61,45% do seu volume total.

O açude Alecrim, localizado em Santana do Matos, acumula 2.270.000 m³, correspondentes a 32,43% da sua capacidade total, que é de 7 milhões de metros cúbicos. No dia 30 de abril, o manancial estava com 2.160.000 m³, equivalentes a 30,86% do seu volume total.

Os reservatórios monitorados pelo Igarn que já sangraram durante essa quadra chuvosa foram: o açude de Encanto, Riacho da Cruz II e Passagem, localizado em Rodolfo Fernandes. Os três continuam vertendo suas águas.

Outros reservatórios que tiveram pequenos ganhos de volume, foram: Tourão, localizado em Patu, que passou de 20,35% para 21,62%; Apanha Peixe, localizado em Caraúbas, que passou de 72,83% para 73,67%; Brejo, localizado em Olho-d’Água do Borges, que passou de 19,66% para 20,49%; Jesus Maria José, localizado em Tenente Ananias, que passou de 20,60% para 21,54%; o açude de Marcelino Vieira, que passou de 73,60% para 74,55%; Pataxó, localizado em Ipanguaçu, que passou de 47,49% para 48,46%; o açude de Pilões, que passou de 40,83% para 41,19% e Bonito II, localizado em São Miguel, que passou de 16,66% para 17,03%.

Entre os reservatórios monitorados pelo Igarn, que estão com volume inferior a 10% da sua capacidade, o Itans, localizado em Caicó, recebeu pouco aporte de água, passando de 4,08% para 4,13%; já o açude Esguicho, localizado em Ouro Branco, manteve o mesmo volume da semana passada, apenas 0,97% e o Zangarelhas, localizado em Jardim do Seridó, perdeu um pouco de água, estava com 6,44% e agora está com 6,37% da sua capacidade total.

O açude Marechal Dutra, conhecido como Gargalheiras, manteve o mesmo volume apresentado no relatório da última sexta-feira, 30 de abril, acumula 8.712.325 m³, correspondentes a 19,61% da sua capacidade total, que é de 44.421.480 m³.

Já a Barragem de Pau dos Ferros acumula 11.926.538 m³, equivalentes a 21,75% da sua capacidade total, que é de 54.846.000 m³. No relatório anterior acumulava 11.971.370 m³, correspondentes a 21,83% do seu volume total.

Situação das Lagoas

A lagoa de Extremoz, responsável pelo abastecimento de parte da zona norte da capital, acumula 11.019.525 m³, que correspondem a 100% da sua capacidade. Na semana anterior, o manancial estava com 10.983.122 m³, equivalentes a 99,67% do seu volume total.

Já a lagoa do Bonfim, responsável pelo abastecimento da adutora Monsenhor Expedito, acumula 42.163.471 m³, percentualmente, 50,03% do seu volume total, que é de 84.268.200 m³. No dia 30 de abril, o manancial estava com 42.063.950 m³, equivalentes a 49,92% da sua capacidade.

A lagoa do Boqueirão, que atende a usos diversos, acumula 10.050.651 m³, correspondentes a 90,75% da sua capacidade total, que é de 11.074.800 m³. Na última semana, o manancial acumulava 10.007.070 m³, percentualmente, 90,36% do seu volume total.

Opinião dos leitores

  1. Os que escaparem do covid e da morte devido ao desespero ou a fome, um alento, alguns terão água para beber.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Tremor de terra é registrado nesta quarta-feira em Caraúbas-RN

Localização epicentral simbolizada pelo marcador vermelho no mapa. Foto: LabSis

Nesta quarta-feira (05) um tremor de terra foi registrado no município de Caraúbas(distante 296 km de Natal), no estado do Rio Grande do Norte. O evento, que ocorreu às 14h32 UTC (11h32, hora local), teve sua magnitude preliminar calculada em 1.3 mR. Até o momento desta publicação, o LabSis não recebeu a informação de que moradores escutaram ou sentiram o evento ocorrido nesta quarta-feira (05).

O Laboratório Sismológico segue monitorando e divulgando toda atividade sísmica que ocorra no estado do Rio Grande do Norte e também da região Nordeste do país.

Com LabSis

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Empresas do setor de eventos no RN têm prejuízo estimado de R$ 191 milhões

O Novo Notícias destaca que a sexta-feira 30 de abril foi marcada pelo Dia Nacional do Profissional de Eventos. Movimento provocado pelo Natal Convention Bureau com o objetivo de ocupar a mídia local, agendando vários profissionais de eventos para entrevistas e matérias jornalísticas, com o objetivo de sensibilizar as autoridades e a opinião pública acerca de milhares de pessoas absolutamente sem renda há um ano.

Na pauta, a situação crítica de um mercado que registrou prejuízo de R$ 270 bilhões com a pandemia do novo Coronavírus entre março e dezembro do ano passado no Brasil, onde perdas levaram ao desemprego de 3 milhões de pessoas. No Rio Grande do Norte, estima-se a alta cifra de R$ 191 milhões que deixaram de circular no último ano, com cálculos baseados nas pesquisas mais recentes.

O segmento, que tem um grande impacto na cadeia produtiva, já acumula 13 meses de uma crise sem precedentes e ainda com poucas possibilidades de soluções à vista. O próprio Ministério da Economia, na portaria 20.890, atesta que o Setor de Eventos foi o mais afetado na pandemia.

O mercado de eventos corporativos faz parte da cadeia econômica do Turismo através dos congressos, exposições comerciais e seminários, em razão de provocar fluxo de deslocamento entre cidades, estados e países, além da ocupação hoteleira. Por isso, atinge um número maior de naturezas de serviços, no caso, mais empresas que se nutrem dessa cadeia.

Outro dado interessante é que o ‘turista de evento’, comprovadamente deixa mais dinheiro na cidade-sede onde o evento acontece. Enquanto o turista que vem a lazer gasta cerca de R$ 322 por dia, o turista que vem para um evento gasta cerca de R$ 516,00, de acordo com os dados do Natal Convention Bureau.

O presidente Executivo do Natal Convention Bureau, George Gosson, destaca que a atividade de eventos abarca diversos tipos e formatos, e que, por exemplo, há eventos que são similares à dinâmica de um cinema, uma sala de aula, em ambientes controlados, que não oferecem o mesmo risco de um evento social ou um show, em que onde quase sempre há a bebida alcoólica e a inquietação do público como fatores complicadores do controle da programação.

Para Chirley Dantas, empresária proprietária da Crion Eventos, os eventos corporativos têm plena condição de serrem retomados, “porque seguimos protocolos, controlando efetivamente o número de pessoas e distanciamento social, dentre outras medidas de segurança que mantém esse tipo de evento, como uma extensão das corporações que nós atendemos como clientes”, explica.

Para ela, vários tipos de incentivos efetivos poderiam ser implementados, como a renegociação de possíveis dívidas, com interferência bancária, a paralisação temporária na cobrança de impostos, sem comprometer a emissão de certidões, e a isenção de taxas públicas, municipais e estaduais, por pelo menos 1 ano, para licenciamento e realização de eventos, como uso de espaço público, publicidade, estruturas, entre outras que se façam necessárias para a realização de um evento.

Com informações via Novo Notícias

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Hotelaria do Rio Grande do Norte já demitiu mais de 5 mil trabalhadores na pandemia, diz Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do RN

Em entrevista ao Repórter 98 desta terça-feira (4), o presidente Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do RN (ABIH-RN), Abdon Gosson, falou sobre o impacto da pandemia no turismo do Estado,  que fez o setor registrar uma queda de 70% no número de passeios turísticos realizados, de acordo com dados do Sindicato das Empresas de Turismo do Estado.

“O nosso aeroporto teve uma queda de 51% no número de voos, na nossa hotelaria nós tivemos uma queda de quase 50%. Nós tivemos também, dados da Fecomércio, que deixou de circular na nossa economia de abril do ano passado até fevereiro deste ano R$ 1,5 bilhões, provenientes único e exclusivamente do turismo”, disse Gosson.

O presidente da ABIH ainda disse que mais de 5 mil pessoas do ramo da hotelaria ficaram desempregadas na pandemia, e que alguns hotéis chegaram a demitir 70% dos empregados devido ao prejuízo.

Gosson defende que o setor de hotéis, bares e restaurantes funcionem seguindo os protocolos sanitários.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Fátima sanciona lei que reconhece como patrimônio cultural imaterial do RN “as práticas tradicionais de saúde popular e cura religiosa das benzedeiras”

Foto: Reprodução/DOE

Está na página 2 do Diário Oficial do Estado(DOE) desta quarta-feira(05) o reconhecimento da governadora Fátima Bezerra a lei número 10.892 como Patrimônio Cultural Imaterial do Estado do Rio Grande do Norte, “os saberes, os conhecimentos e as práticas tradicionais de saúde popular e cura religiosa das benzedeiras”.

“FAÇO SABER que o Poder Legislativo decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1º Fica considerado como Patrimônio Cultural Imaterial do
Estado do Rio Grande do Norte, os saberes, os conhecimentos e as práticas tradicionais de saúde popular e cura religiosa das benzedeiras.

Art. 2º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação”.

Veja íntegra AQUI.

Opinião dos leitores

  1. Dessa forma, a Governadora e Cipriano, juntos, deverão autorizar que essa categoria atue no tratamento contra o Covid. Porém, o tratamento precoce não pode! Mesmo que tenha sido prescrito por médicos e autorizado pelo paciente.
    Vivas! Aos ramos de pinhão rôxo; folhas de espada de São Jorge e galinho de Arruda.

  2. Tratamento precose. com todo respeito as senhoras de idade benzedeiras, essa governadora é uma incompetente.

  3. Mais uma desse “governo de papel”. Só sabe fazer isso, medidas formais que nada acrescentam de concreto às necessidades do povo. O mundo desabando e o governo de papel só sabe dar nome a rodovia, criar dia da consciência disso ou daquilo, criar patrimônio imaterial. Quero ver a inauguração pelo menos de um ponto de ônibus nesse desgoverno incompetente.

  4. Por isso que Fátima não efetivou no RN nenhuma prática dentro das orientações científicas contra a pandemia, exemplo: negou hospitais de campanha com uti, descaminhou verbas que seriam pra respiradores, escondeu vacinas e negou até onde pode suas entregas e até desativou uti em pleno pico da pandemia, isso entre muitas outras. Ela acreditava que curava covid com rezadeiras. Agora ninguém pode reclamar de seu descaso.

  5. Esse decreto só perde para o decreto que o MINTO iria fazer para MUDAR a bula da cloroquina! Pense num decreto “poderoso”: iria mudar a eficácia de um remédio para servir pra COVID…

    1. O grande problema é querer saber e dar opinião em tudo, tem que ir a MOBRAL mais vezes.

    2. Né isso Afonso! Mas mesmo semi analfabeto e ignorante eu não acredito em toda mentira que sai da boca do MINTO! Mas pessoas letradas como você só podem estar certas em idolatrar a família das rachadinhas… Lulaladrão tem também asseclas apaixonados e “letrados”! Deve ser por isso que o Brasil é o que é: o povo tem político de estimação!

  6. Isto é que é providência em tempos de pandemia. Agora a cura chegou e a economia, depois desse ato, retornará ao patamar de antes do coronavírus. Parabéns, Fátima Bezerra. Agora o RN, no seu governo, decola. Finalmente, a Senhora começou a mostrar serviço.

  7. Se o governo Estadual segurar as vacinas, procurem uma benzedeira. Será que ela quis dar esse recado?

    1. Dessa vez você parece que acertou. Nada de medicação precoce, vá uma curandeira, elas tem comprovação científica.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN contabiliza 33 óbitos por covid nas últimas 24h, sendo 16 dentro do dia; novos casos são 1.034

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quarta-feira (05). Foram mais 1.034 casos confirmados, totalizando 227.194. Até terça-feira (04) eram 226.160 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 5.580 no total, sendo 16 mortes registradas nas últimas 24h:  Mossoró(07), Parnamirim(02), Natal(01), Macaíba(01), Apodi(01), Alto do Rodrigues(01), Areia Branca(01), Carnaubais(01) e Martins(01).

A Sesap ainda registrou outros 17 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.133. Na terça-feira (04) o número total de mortes era 5.547.

Casos suspeitos somam 52.705 e descartados 454.820. Recuperados são 150.649.

 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN volta a registrar mais leitos críticos Covid disponíveis do que pacientes que necessitam

Foto: (Reprodução/Regula/Sesap)

O RN ‘zerou’ a fila de pacientes para UTI Covid nesta quarta-feira (05). Por volta das 12h30, eram 22 pacientes com perfil para leitos críticos na lista e 37 leitos disponíveis, ou seja, mais leitos disponíveis do que pacientes necessitando.

A maior parte dos pacientes é da região metropolitana de Natal.

Opinião dos leitores

  1. Se essa notícia for verdade, Imagine se as autoridades tivessem CORAGEM, DETERMINAÇÃO, INTERESSE e VONTADE POLÍTICA, para EXIGIR da população Irresponsável e Inconsequente o ISOLAMENTO e Distânciamento Social bem como o USO Obrigatório de Máscaras. Com Certeza o número de Infectados e MORTOS seria Infinitamente Menor. Mas como TUDO é na base do FAZ de CONTA, Mentiras e Enganação, e o resultado é essa mortandade que aí está. Que DEUS tenha MISERICÓRDIA de NÓS.

  2. Me faz tem uma percepção que o vírus vem em ondas! O governo n deve reduzir os leitos pois uma nova onda pode voltar!

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid de 90,5%; Grande Natal tem 87,9%

Foto: (Reprodução/Regula/Sesap)

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 90,5%, registrada no fim da manhã desta quarta-feira(05). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 614.

Até o momento desta publicação são 37 leitos críticos (UTI) disponíveis e 351 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 138 disponíveis e 263 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 87,9% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 94,1% e a Região Seridó tem 97,5%.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Segurança

Primeiro quadrimestre tem redução de 8,5% em homicídios no RN; violência cai nas maiores cidades

Foto: Elisa Elsie

O Rio Grande do Norte completou o primeiro quadrimestre do ano com redução no número de Condutas Violentas Letais Intencionais (CVLI) no comparativo com os primeiros quatro meses do ano passado. A diminuição foi de 8,5%.

De acordo com os dados da Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análises Criminais (COINE) da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (SESED), de janeiro a abril deste ano foram registrados 505 homicídios, contra 552 no mesmo período de 2020. Este comparativo aponta uma diminuição de 47 mortes.

O comparativo do mês de abril dos dois anos também representa uma queda, dessa vez de 8,9%. Em números o Rio Grande do Norte registrou, no ano de 2021, 143 homicídios, 14 ocorrências a menos do que em 2020, quando aconteceram 157 mortes deste tipo no estado.

Ainda com base nos números da COINE, os tipos criminais que apresentaram maior diminuição em seus índices foram de lesão corporal seguida de morte, com 11 ocorrências e menos e uma redução de 52,38%, e feminicídio, com queda de 55,56% e 5 registros a menos.

Redução nos CVLIs

Ainda de acordo com as informações da coordenadoria de estatísticas da SESED, houve destaque para a redução em outros tipos de CVLIs no primeiro quadrimestre:

– Homicídio Doloso (quando há intenção de matar): 428 ocorrências em 2020, contra 406 em 2021 (-5,14%);

– Intervenção Policial: 65 ocorrências em 2020, contra 56 em 2021 (-13,85%);

– Lesão Corporal Seguida de Morte: 21 ocorrências em 2020, contra 10 em 2021 (-52,38%);

– Feminicídio: 9 ocorrências em 2020, contra 4 em 2021 (-55,56%).

Violência também cai nas maiores cidades do RN

Nas quatro maiores cidades do Rio Grande do Norte, a violência também caiu no primeiro quadrimestre. Confira por ordem populacional:

– Em Natal, capital do estado, houve uma queda de 8,77%. As 114 ocorrências de 2020 caíram para 104 em 2021.

– Em Mossoró, na região Oeste, a redução foi de 25%, com 64 mortes ocorridas de janeiro a março de 2020, contra 48 registros no mesmo período de 2021.

– Em Parnamirim, na região metropolitana da capital potiguar, os CVLIs tiveram redução de 40%. Foram 25 pessoas mortas nos primeiros quatro meses de 2020, contra 15 casos registrados no mesmo período de 2021.

– Em São Gonçalo do Amarante, cidade que também faz parte da Grande Natal, os homicídios caíram 36,67%. Em 2020 foram 30 ocorrências, contra 19 em 2021.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

VÍDEOS: Chove mais “dentro” do que fora no aeroporto de São Gonçalo do Amarante

Chove mais “dentro” do que fora no aeroporto de São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal. Registro na madrugada desta quarta-feira(05) mostra cenário vergonhoso em área externa, em que taxistas e motoristas buscam passageiros que desembarcavam.

Além da goteira por toda a parte conforme período chuvoso, chama também atenção no local a iluminação pouco eficiente. Falta de manutenção e capricho nesse local são gritantes.

Vídeos cedidos abaixo:

Opinião dos leitores

  1. Se o Brasil fosse um país sério, os responsáveis pela instalação desse aeroporto em São Gonçalo do Amarante já estariam todos PRESOS, e já estariam destituídos do seus bens para pagar o prejuízo aos cofres públicos. Enquanto o povo do RN sofre com essa PORCARIA INÚTIL, os responsáveis estão todos multimilionários, rindo na cara dos norteriograndenses. A Assembleia Legislativa, um antro de inúteis, nunca tentou fazer uma CPI para investigar esse absurdo.

  2. Todos sabem porque esse aeroporto foi construído nesse local. O que alguns “esquecem” é a aliança que existia entre os políticos que eram donos do terreno e a quadrilha que dominava o país na época da negociata para sua venda. Ainda são aliados, pelo que estamos vendo. Bastaria ter ampliado e reformado o antigo aeroporto. Mas aí a roubalheira teria sido muito menor. Aí o RN saiu perdendo de novo.

  3. Lembro do discurso da Presidenta Dilma, na sua inauguração, dizendo que o aeroporto iria alavancar a economia do Estado pela sua excelente posição geográfica; que o turismo, um dos principais pilares da economia potiguar, iria crescer cada vez mais, isso tudo em coro com os políticos de esquerda.
    Falavam na grande possibilidade da implantação de um hub. Tudo blá, blá, blá… A distância do aeroporto, o descaso, a inércia da Secretaria de Turismo, dentre outras, só fez diminuir a vinda dos turistas, embora o RN ainda seja um destino visitado, mas quem aqui chega e vê a nossa realidade, não volta mais. Se tivéssemos um governo que tratasse o turismo como uma das suas prioridades e nele investisse, a situação era outra. Parabéns aos Estados vizinhos, como a Paraíba, por exemplo, que está dando um show nessa área. Aliás, o que funciona a contento no governo do PT? A educação? A saúde? A segurança? A infraestrutura? O turismo???? Vamos ver se os potiguares mudam esse cenário em 2022, não caindo em estelionato eleitoral, como foi em 2018.

  4. Esse aeroporto é um problema e foi rejeitado desde sempre. Mas ninguém foi responsabilizado pelo erro, muito pelo contrário, quando começou a pressão popular para o de Parmamirim voltar a operar em vôos nacionais, os políticos correram para transformar o aeroporto Augusto Severo em museu.
    Mil promessas foram feitas para justificar a construção do aeroporto, nenhuma foi concretizada.
    Em breve o aeroporto do RN será em João Pessoa, pois esse é só decepção, problemas, rejeição e não tem nada positivo.

  5. Quando me perguntam onde fica o Aeroporto de Natal eu digo que não tem mais. Fizeram um galpão longe da área urbana em SGA. O aeroporto mais próximo é em João Pessoa..

    1. Boa a resposta. Essa bomba foi resultado de alguma negociata milionária de um politico honesto aqui do estado.

  6. Esse aeroporto inútil é amaldiçoado, pois é fruto de todo tipo de negociata e corrupção. Nada que se instala ao seu redor progride, todos os que abriram negócios no aeroporto faliram ou estão passando por dificuldades, até os taxistas credenciados estão em quebrados. Uma catástrofe o que fizeram, praticamente destruíram o turismo da região.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

BAIXARIA CONTINUA NO JARDINS DO ALTO: Advogado rebate versão que jogou ovo e confirma que arrancou câmera de segurança de vizinho

Fotos: Divulgação

O advogado Gregory Gentili, acusado por um morador de ter jogado ovos em alguns apartamentos no final de semana, entrou em contato com o Blog do BG para rebater essa informação, dizendo que não é de seu feitio disparar ovos contra.

Disse que o prédio vive um momento conturbado, que já ganhou decisão na justiça provocando uma eleição de síndico e que vizinhos têm provocado constrangimento contra ele a esposa.

Inclusive, o advogado assume que arrancou as câmeras de segurança instaladas pelo vizinho, que em sua visão tinha o intuito de filmar sua vida pessoal e colocar em risco sua segurança e também da esposa.

VEJA MAIS – MAIS BARRACO NO JARDINS DO ALTO: Morador denuncia advogado por “chuva de ovos” no condomínio

VEJA MAIS – VÍDEO: Advogado relata que foi agredido em prédio no Tirol porque reclamou de festa promovida por médica

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN tem 18 pacientes com Covid-19 na fila por UTI

Foto: (Reprodução/Regula/Sesap)

O Rio Grande do Norte registrou no fim da manhã desta terça-feira(04) 42 pacientes com Covid-19 com perfil de leito de UTI, de acordo com o portal Regula RN, que monitora em tempo real a ocupação de leitos públicos no estado.

Diante do número de leitos disponíveis (24), o número de pacientes em espera até a publicação desse post, com a devida subtração de números, registra 18 pessoas na fila por leitos críticos.

Às 12h05, o estado tinha 24 leitos de UTI disponíveis aguardando regulação de pacientes. A maior parte é da região metropolitana de Natal.

Opinião dos leitores

  1. O RN tem 45 leitos de UTI para Covid-19 bloqueados na manhã desta terça-feira (4), segundo o sistema Regula RN, usado na administração dos leitos na rede pública estadual. Mais de 66% deles estão sem operação por causa da falta de kit intubação e medicamentos, de acordo com os dados públicos. A incompetência do desgoverno de Fátima do PT é algo sem fim. Onde isso vai parar?

  2. Se a governadora não tivesse dado descaminhos aos 5 milhões de reais enviados pelo governo federal pra compra de respiradores, com certeza, esses sofredores que hoje estão nessa fila de aflições, já estariam sendo atendidos e até evitado muitas mortes por atendimento tardio e pela falta de respiradores. Só quero saber se ninguém será responsabilizado por esses sofrimento e assassinatos de inocentes?

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid de 93,6%

Foto: (Reprodução/Regula/Sesap)

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 93,6%, registrada no fim da manhã desta terça-feira(04). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 625.

Até o momento desta publicação são 24 leitos críticos (UTI) disponíveis e 351 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 133 disponíveis e 274 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 91,3% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 98,9% e a Região Seridó tem 95%.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Tremor de terra é registrado nesta terça-feira em Pedra Preta-RN

Localização epicentral simbolizada pelo marcador vermelho no mapa. Foto: Divulgação/LabSis

Nesta terça-feira (04), um tremor de terra, de magnitude preliminar 1.5 mR, foi registrado no município de Pedra Preta(distante 149 km de Natal), no estado do Rio Grande do Norte. O evento, que ocorreu às 04h10 UTC (01h10, hora local), teve sua magnitude preliminar calculada em 1.5 mR. Até o momento desta publicação, o LabSis não recebeu a informação de que moradores escutaram ou sentiram o evento ocorrido nesta terça-feira (04).

O Laboratório Sismológico segue monitorando e divulgando toda atividade sísmica que ocorra no estado do Rio Grande do Norte e também da região Nordeste do país.

Com LabSis

 

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

SINE-RN oferece nesta terça-feira 33 vagas de emprego para Natal e região metropolitana

A Subsecretaria do Trabalho da Sethas-RN, através do SINE-RN, oferece nesta terça-feira(04) 33 vagas de emprego para Natal e Região Metropolitana.

Para concorrer às vagas, o(a) candidato(a) deve se cadastrar via Internet no Portal Emprega Brasil do Ministério do Trabalho e Emprego, através do endereço empregabrasil.mte.gov.br ou nos aplicativos Sine Fácil e Carteira de Trabalho Digital, disponíveis para Android e IOS.

Quer tirar alguma dúvida ou agendar um atendimento? Ligue: (84) 3190-0783, 3190-0788, 98106-6367 e 98107-4226.

O atendimento é de segunda a sexta, das 8h às 12h.

VEJA AS OFERTAS DE VAGAS DE EMPREGO POR OCUPAÇÃO:

ATENDENTE DE LANCHONETE 06

AUXILIAR DE LIMPEZA 01

BALCONISTA 01

ENCARREGADO DE ESTOQUE 01

ENCARREGADO DE SEÇÃO DE CONTROLE DE PRODUÇÃO 01

GERENTE DE RESTAURANTE 03

MARCENEIRO 02

MARCENEIRO DE MÓVEIS 04

MECÂNICO DE AUTOMÓVEL 03

MECÂNICO DE LAVADORA E SECADORA 01

MECÂNICO DE MANUTENÇÃO E INSTALAÇÃO DE APARELHOS DE CLIMATIZAÇÃO E REFRIGERAÇÃO 01

MECÂNICO DE MOTOCICLETAS 03

MECÂNICO DE MOTOR A GASOLINA 01

OPERADOR DE CAIXA 01

OPERADOR DE CALDEIRA 01

REPRESENTANTE COMERCIAL AUTÔNOMO 01

TÉCNICO EM MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE INFORMÁTICA 01

VENDEDOR PRACISTA 01

TOTAL 33

Opinião dos leitores

  1. Estou precisando muito de um trabalho moro de aluguel tenho uma filha de 5meses e minha esposa está grávida novamente. Atentede de Lanchonete 06 Auxiliar de limpeza 01 Vendedor pracista 01

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN contabiliza 22 óbitos por covid nas últimas 24h, sendo 10 dentro do dia; novos casos são 551

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta terça-feira (04). Foram mais 551 casos confirmados, totalizando 226.160. Até segunda-feira (03) eram 225.609 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 5.547 no total, sendo 10 mortes registradas nas últimas 24h:  Natal(03), Mossoró(03), Baraúna(01), Doutor Severiano(01), Apodi(01) e Pau dos Ferros(01).

A Sesap ainda registrou outros 12 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.124. Na segunda-feira (03) o número total de mortes era 5.525.

Casos suspeitos somam 52.721 e descartados 453.560. Recuperados são 150.649.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *