Fátima destina quase R$ 11 milhões para a UERN

A governadora Fátima Bezerra (PT) incluiu, por meio de sua gestão, a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) no Fundo Estadual de Combate Pobreza (FECOP). Com essa iniciativa pioneira, a instituição receberá R$ 10.879.200,00 (dez milhões, oitocentos e setenta e nove mil e duzentos reais) nos próximos 4 anos.

O dinheiro chegará à universidade em quatro parcelas, a partir do próximo ano. Em 2020, serão R$ 2.721.600,00. Em 2021, a parcela será de R$ 2.052.000,00. Já em 2022, serão R$ 2.457.600,00 , enquanto que em 2023, virão R$ 3.648.000,00. O dinheiro será utilizado para custear ações da assistência estudantil. A inclusão da UERN, pela primeira vez no FECOP, é um reconhecimento ao papel social e inclusivo desempenhado pela instituição.

O reitor Pedro Fernandes Ribeiro Neto destacou o apoio da governadora Fátima Bezerra e da secretária do Trabalho, Habitação e Assistência Social, Íris Oliveira. “É uma vitória muito grande para UERN em parceria com o Governo do Estado através da Sethas. Agradecer a governadora Fátima Bezerra e a secretária Íris. A gente fica satisfeito e poderemos fazer várias ações com bolsas, restaurantes e bibliotecas. Faremos o melhor uso para a maior quantidade de pessoas”, frisou.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. José Mário Borba disse:

    Compete a assembléia apurar se houve desvio de finalidade. Pode uma universidade receber fundo de combate a pobreza. Fosse uma creche em área carente, aí tudo bem.

  2. Cigano Lulu disse:

    O galeral do MST e do MTST deve ter ficado serelepe, doida para que Fatão GD também os inclua no Fundo Estadual de Combate Pobreza.

  3. Hulkenberg disse:

    Em QUANTO ISSO, o governo Fátima Bezerra vai passando despercebido.
    Porquê será que não tem oposição heim??
    Ja prestaram atenção gente??
    Cadê os DEPUTADOS??
    ISSO É ESQUISITO DEMAIS.

  4. Cid disse:

    Fundo de combate à pobreza para pagar marajás da Uern.

  5. Lucio disse:

    Parabéns governadora, por estar investindo no futuro do seu povo através da UERN, que tem formado em inúmeros profissionais que atuam em diversos Campos da nossa sociedade.

  6. Silva disse:

    Pague os salários atrasados doa servidores governadora. Cadê as promessas de campanha? Cadê os sindicatos? Tudo caladinho.

  7. Delano disse:

    Kkkkkkk, próximo ano? Ômi essa Muié num sabe nem se ainda é guvernador. É muito lero

  8. Luciana Morais Gama disse:

    Bacana, enquanto isso as folhas em atrasos….,

COMENTE AQUI