Manifestantes que bloquearem o trânsito novamente vão parar na cadeia

O tratamento a partir de agora será outro. De acordo com o Comandante Geral da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, Coronel Araújo, os manifestantes que impedirem o transito de veículos interrompendo quaisquer vias serão conduzidos à delegacia. O recado é para o operários da Arena das Dunas que por dois dias seguidos tomaram a BR 101 e seguiram bloqueando o fluxo na Avenida Salgado Filho, Hermes da Fonseca e Rua Apodi.

Segundo Araújo, os trabalhadores do novo estádio já foram orientados neste sentido e a PM não aceitará uma nova paralisação. “Vamos intervir e dispersar a movimentação na mesma hora”, garantiu. Ainda segundo o coronel, os manifestantes, mesmo estando reivindicando os seus direitos, ao impedirem o trânsito estão ferindo o direito das outras pessoas de ir e vir. “Eles não podem bloquear via nem ficar agrendindo os motoristas que tentam passar”, ressaltou.

Do outro lado, no entanto, os trabalhadores não descartam mais uma vez a interrupção das vias. O representante da Comissão dos Trabalhadores da Arena das Dunas, André Rogério de Oliveira, disse que haverá uma assembleia nesta quinta-feira, 5, com a empresa OAS. “Mas na segunda-feira, talvez. Dependendo do que resultar destas negociações, sim, pode ter outra manifestação”, explicou.
Além disso, os operários ameaçam já na segunda realizarem um pedido de demissão coletiva. “Todos nós vamos com a carteira de trabalho em mãos para dar ‘baixa’”, disse.