“SINCERIDA” OU “JOGOU PARA A PLATEIA”? Bolsonaro diz que gostaria de dar emprego à população de presente de Natal

Foto: (Adriano Machado/Reuters)

O presidente Jair Bolsonaro disse nessa quarta-feira que o maior presente que gostaria de dar à população no Natal é emprego, e garantiu que a economia brasileira não está mais ladeira abaixo e começa a reagir.

“Emprego, o maior programa social que a gente tem é esse. É esperança, confiança, emprego”, disse Bolsonaro a jornalistas, ao ser questionado sobre o presente que gostaria dar à população no Natal.

“O Brasil, graças a Deus, não está mais ladeira abaixo, está vencendo aí o grande problema que encontramos, a crise ética, moral e econômica”, acrescentou.

Após forte crise atravessada pelo país nos últimos anos, o desemprego tem sido um dos indicadores econômicos com maior resistência a cair durante o governo Bolsonaro. A taxa de desemprego, segundo o IBGE, está em 11,6 por cento — 12,367 milhões de pessoas.

Exame

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Marcelo disse:

    #gasolina10reais em 2020!
    #gasdecozinha300 em 2020!
    #Bolsonaro 2020!

  2. Bento disse:

    Olha os comentários de quem defendia um governo corrupto.
    Vocês que criticam o trabalho magnífico do presidente Jair Messias bolsonaro vão buscar emprego com o líder de vocês o encantador de jumentos.

    • Filgueira disse:

      Deixa de ser encantado, inocente útil. Nem todo mundo que crítica ou discorda é petista ou eleitor de Lula.
      Acorda alienado.

  3. Edgar disse:

    Mas só trabalha p pecuarista exportador, milico e banqueiro.

  4. Joselito disse:

    Incompetente

  5. José aldomar disse:

    Interessante gostaria de dar presente de emprego ao povo e tirando o direito do povo qdo eu digo que natal eh festa da demagogia e da faculdade não estou mentindo

  6. Manuel de Souza disse:

    A revista exame do grupo Globo, que deixou de receber milhões em recursos público, continua atirando no governo a cada dia. Quando se tinha um governo populista, que vivia de mentiras, que aparelhava o poder, que repetia as promessas irrealizáveis, mas que distribuía as verbas públicas, podia falar todas as baboseiras do mundo e não se via uma palavra de crítica, mas agora, tudo é motivo de crítica.
    Bate que Bolsonaro mais cresce!
    Mintam, difame, façam calúnias, invertam os fatos que o povo cada vez mais vai entender e saber separar o joio podre do trigo saudável

    • Lula_lavador_de_dinheiro disse:

      Isso mesmo Manuel de Souza. #Bolsonaro_2022

    • Marcos disse:

      Agora acredito no mundo fantástico de Bob também, pois só deseje jeito para acreditar em tanta blasfêmia.

COMENTE AQUI