FOTOS: Profissionais da CASACOR Rio Grande do Norte recebem premiação pela edição 2019

Foto: Raul Gama

Uma noite de expectativa e celebração. Assim foi a premiação da edição CASACOR Rio Grande do Norte nesta quarta-feira (09), no Olimpo Recepções. A festa para profissionais e fornecedores revelou os vitoriosos da 5ª edição no Estado.

A premiação dos ambientes aconteceu durante um jantar, com os franqueados Cesar Revorêdo e Luciano Almeida. A jornalista Luíza Ribeiro foi a mestre de cerimônias e contou com a ajuda do arquiteto Thyago Dantas. De forma descontraída, os vencedores foram anunciados com abertura de envelopes e entrega do troféu por representantes dos fornecedores da Mostra.

Entre os ambientes premiados estão: Lounge de recepção, projetado pela arquiteta Lorena Azevedo, que levou o prêmio de 1º Lugar em Finalização. A Cozinha Deca, criada pela arquiteta Samara Gosson recebeu o prêmio de Melhor Projeto Luminotécnico. O ambiente Estúdio Pedra foi o Melhor Uso da Arte, Design e Artesanato, criado pelas arquitetas Gracita Lopes e Sheila Lopes, que também levaram o prêmio de Projeto Destaque do Júri Técnico. O prêmio de ambiente de Maior Uso Tecnológico foi para a Varanda das Dunas, projetado por Renata Matos, ganhadora também do prêmio Projeto Destaque pelo Júri Imprensa. O prêmio originalidade foi para a Casa Eva, projetado pelo arquiteto Matheus Bulhões. O Restaurante, criado pelo arquiteto Renato Teles levou o prêmio de Melhor Projeto Comercial de Uso Público. O prêmio projeto Planeta Casa foi para o Living do Explorador, projetado pelos arquitetos Rita Ribeiro e Rodrigo Gurgel. A arquiteta Marília Bezerra, que criou o ambiente Teto Afeto, foi a grande vencedora do prêmio Projeto Destaque, escolhido pelo júri popular. A recepcionista do Living do Explorador, Kasylla Leite, foi escolhida como a melhor de 2019. E o título de fornecedor do ano foi para a loja Officina Interiores, de Renato Raposo.

Fotos: Raul Gama

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Paulo Benevides disse:

    Podiam informar quem é quem nas fotos.

UFRN cancela edição 2019 da Cientec

Foto: Reprodução/site UFRN

A 25ª. edição da Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura (Cientec 2019) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) foi cancelada devido à falta de verba para custear o evento, que seria realizado de 23 a 25 de outubro deste ano, abordando a temática “Objetivos do desenvolvimento sustentável”.

Segundo explicou o pró-reitor de Extensão, Aldo Aloisio Dantas da Silva, a medida foi tomada em virtude do bloqueio orçamentário sofrido pelas instituições federais de ensino superior e que impedem o planejamento do evento. Ele esclareceu que o cancelamento da edição acontece após a realização de reuniões para análise orçamentária, nas quais foram pensadas diversas alternativas para a execução da Cientec. “Lamentamos o cancelamento deste que é o maior evento acadêmico-científico do estado do Rio Grande do Norte, pois sabemos da importância que o mesmo possui para a comunidade acadêmica e potiguar”, acrescentou.

A Cientec é um evento tradicional no calendário da cidade do Natal, realizada todos os anos e com o intuito de mostrar as principais atividades científicas, tecnológicas e culturais da universidade, de forma a reforçar o diálogo da instituição de ensino com a sociedade. Nas edições anteriores, o evento aconteceu no formato de pavilhões, localizados nas imediações da Praça Cívica do Campus Central.

Formada por três dimensões, a Semana ofertava à população a “Mostra da Cientec”, com exposições interativas e transdisciplinares, enfocando as produções dos centros acadêmicos e dos órgãos especializados e suplementares, envolvendo empreendedores locais, pesquisadores de outras instituições públicas e privadas; a “Reunião acadêmico-científica”, com congressos, seminários, oficinas, cursos e exposição de pôsteres; e os “Eventos de cultura”, com a produção e a integração acadêmico-cultural, abarcando eventos artísticos, como apresentações e exposições , além de discussões pedagógico-culturais vinculadas.

Confira a Nota sobre o Cancelamento da CIENTEC 2019

Com informações da UFRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. E. costa disse:

    Os mesmos bolsolixos defendendo o indefensável…rs
    Qta ignorância!!!💩👈👆👉🇺🇸👏

  2. Joaquim disse:

    Um absurdo. A educação e ciência retroagindo por conta de um ex-capitão desajustado.

  3. Lampejao disse:

    Tem que cortar mesmo, é muito dinheiro do contribuinte brasileiro para não produzir Nada!!!!

  4. Arthur disse:

    E ainda tem gente que apoia esses cortes. As pessoas estão cegas, vote em quem quiser, mas ser a favor de um corte desses, já é demência.

  5. Joao Barros disse:

    A UFRN, é um antro de roubalheira. Pega emprestado da construtora que construiu aquela merda de ciclovia. No Campus, nem anda carros, nem bicicletas, nem ônibus e nem pedestres. Acabaram com a via interna do Campus e ainda roubaram uma parte grande.
    Estudei aí e me orgulhava dessa instituição. Na minha época eu assistia aulas com os gatos tramelando pela sala de aula, um calor de derreter concreto.
    Hoje a galera trans está com splits, lousa tecno e outros apetrechos…mas estudo que é bom nada.
    Pegue um professor que tenha terminado mestrado e peça para ele escrever 20 linhas sobre o conteúdo do mestrado…ele não sabe de nada…
    TEM QUE PRIVATIZAR JÁ. DEMITIR OS VERMES QUE ALÍS SÃO (IN) DOCENTES E PRONTO…

  6. Isoares disse:

    Fui aluno da UFRN de 1984/1988; era uma instituição respeitada; mas agora só se fala na UFRN de corrupção, quando sai começou a era da esculhambação, culminando com essa roubalheira sem limites, triste isso.

  7. Ricardinho disse:

    Taí, só fazer arminha com os dedos q tudo se resolve. Cadê plano econômico? Gestão da saúde, educação e segurança? Não tem um projeto ou planejamento. Ou é vender tudo que tem por migalhas (valor de 1 ano de lucro), dar armas pra população se resolver em questão de segurança pública e deixar analfabeto funcional o povo pra manter a mamata de décadas do executivo, legislativo e judiciário.. falta consciência de classe no brasileiro, talkey?!

  8. Ivan disse:

    E agora??? Nossa produção ciêntífica, referência mundial, está entrando em colapso p/falta das verbas roubadas pelo governos apoiado pelos professores…!!!! É uma piada mesmo!!!!!KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  9. Antonynatal disse:

    É só pegar um " poquimmm " da funpec e do lais !!!!

  10. Cigano Lulu disse:

    Cancela porque quer, é só passar na Funpec e fazer um empréstimo a fundo perdido.