Iate Clube de Natal irá recepcionar profissionais de turismo que participam de “famtour” para promover o RN

Foto: Edson Fernandes

O Comodoro do Iate Clube do Natal, advogado Kaleb Freire, irá recepcionar nesta sexta-feira, dia 15, um grupo de profissionais de turismo, procedente de vários estados brasileiros, que está na capital potiguar participando de um famtour (viagem de familiarização turística) que está sendo realizado pelo governo do Estado, em parceria com a Prefeitura do Natal, com o objetivo de mostrar aos visitantes atrativos turísticos de Natal e do litoral Norte potiguar, como as praias Maxaranguape, Touros, São Miguel do Gostoso e Galinhos.

Além de um passeio pelo Rio Potengi, o Iate Clube irá oferecer aos profissionais de turismo um ‘happy hour’, que deverá contar com as presenças do secretário de Turismo de Natal, Fernando Fernandes; da secretária de Turismo do RN, Ana Costa; da secretária-adjunta de Turismo de Natal, Christiane Alecrim, além de representantes do ‘trade” turístico natalense.

“O Iate Clube tem todo o interesse em contribuir com o desenvolvimento do turismo potiguar, e esse “famtour” é importante para promover Natal e o Rio Grande do Norte, pois reúne profissionais de empresas que trabalham com nichos de mercado como o ecoturismo, turismo de incentivo, de base comunitária e sustentável no mercado europeu”, destaca Kaleb Freire.

FONTE: Assessoria de imprensa do Iate Clube de Natal

Startups têm vagas para profissionais de diferentes áreas; confira

Foto: via Olhar Digital

Para quem está em busca de emprego, uma boa ideia é conhecer melhor as oportunidades das startups. Um levantamento da Associação Brasileira de Startups (ABS) indica que das 10.244 empresas avaliadas, mais de 9 mil empregam até dez funcionários. Veja, a seguir, empresas que têm vagas para profissionais de diferentes áreas.

A Propz, startup que oferece soluções de relacionamento para varejo e serviços financeiros, tem 12 vagas em Campinas, Rio de Janeiro e São Paulo. São oportunidades nas áreas comercial, analytics, produto e projetos. As inscrições podem ser feitas diretamente no site da empresa.

A Solides, que faz software de gestão comportamental e recrutamento de pessoas, procura inside sales, desenvolvedores React, Ruby On Rails e PHP, people analytics, customer support e designer de interface de usuário. Para participar da seleção, siga este link.

Na Noknox, plataforma que conecta pessoas a seus locais de convivência, a busca é por desenvolvedores iOS e front-end, bem como estagiário de marketing. Interessados podem se candidatar pelo site da empresa, pelo LinkedIn ou por e-mail.

Na AtletasNow, falta um desenvolvedor full stack para criar portais, plataformas e aplicativos móveis e para internet. A vaga está disponível na plataforma Revelo. Outro que procura desenvolvedor full stack é o TradersClub (TC). Para participar do processo seletivo, basta enviar o currículo para [email protected]

A plataforma Supermercado Now precisa de analista de serviço ao cliente, redator de interface do usuário, desenvolvedores back-end e full stack e profissional de ciência de dados. Mais informações podem ser obtidas por e-mail ou no LinkedIn.

Quem busca opções na área da saúde, pode conferir as vagas de desenvolvedor back e front-end da startup de consultas online Telavita. Currículos para: [email protected]. Também em busca de desenvolvedores front e back-end, a Incentivar.io procura, ainda, customer success e product owner. Profissionais dessas áreas podem se inscrever aqui.

A Liv Up tem oportunidades para áreas como branding, dados, marketing, produção e financeiro em São Paulo e Barueri (SP). Neste link é possível participar do processo seletivo. Já o Promobit, procura desenvolvedores web e móvel nível pleno. Inscrições neste link.

Na Qranio, há vagas para programadores web e móvel. Currículos devem ser enviados para [email protected]. A GeekHunter, por sua vez, tem oportunidades para desenvolvedor full stack e designers de interface e de experiência do usuário. Para participar do processo seletivo, basta se inscrever na página de carreiras da empresa.

Olhar Digital

 

FOTOS: Profissionais da CASACOR Rio Grande do Norte recebem premiação pela edição 2019

Foto: Raul Gama

Uma noite de expectativa e celebração. Assim foi a premiação da edição CASACOR Rio Grande do Norte nesta quarta-feira (09), no Olimpo Recepções. A festa para profissionais e fornecedores revelou os vitoriosos da 5ª edição no Estado.

A premiação dos ambientes aconteceu durante um jantar, com os franqueados Cesar Revorêdo e Luciano Almeida. A jornalista Luíza Ribeiro foi a mestre de cerimônias e contou com a ajuda do arquiteto Thyago Dantas. De forma descontraída, os vencedores foram anunciados com abertura de envelopes e entrega do troféu por representantes dos fornecedores da Mostra.

Entre os ambientes premiados estão: Lounge de recepção, projetado pela arquiteta Lorena Azevedo, que levou o prêmio de 1º Lugar em Finalização. A Cozinha Deca, criada pela arquiteta Samara Gosson recebeu o prêmio de Melhor Projeto Luminotécnico. O ambiente Estúdio Pedra foi o Melhor Uso da Arte, Design e Artesanato, criado pelas arquitetas Gracita Lopes e Sheila Lopes, que também levaram o prêmio de Projeto Destaque do Júri Técnico. O prêmio de ambiente de Maior Uso Tecnológico foi para a Varanda das Dunas, projetado por Renata Matos, ganhadora também do prêmio Projeto Destaque pelo Júri Imprensa. O prêmio originalidade foi para a Casa Eva, projetado pelo arquiteto Matheus Bulhões. O Restaurante, criado pelo arquiteto Renato Teles levou o prêmio de Melhor Projeto Comercial de Uso Público. O prêmio projeto Planeta Casa foi para o Living do Explorador, projetado pelos arquitetos Rita Ribeiro e Rodrigo Gurgel. A arquiteta Marília Bezerra, que criou o ambiente Teto Afeto, foi a grande vencedora do prêmio Projeto Destaque, escolhido pelo júri popular. A recepcionista do Living do Explorador, Kasylla Leite, foi escolhida como a melhor de 2019. E o título de fornecedor do ano foi para a loja Officina Interiores, de Renato Raposo.

Fotos: Raul Gama

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Paulo Benevides disse:

    Podiam informar quem é quem nas fotos.

FOTOS: Potiguares recebem maior honraria concedida aos profissionais da engenharia, agronomia e geociências do país

Divulgação. Foto: 1 – Presidente do Crea-RN, Ana Adalgisa Dias, engenheiro Antônio Medeiros e o conselheiro federal Modesto Ferreira; foto 2- Dirceu Gomes de Holanda, filho do homenageado

Na abertura da 76ª Semana Oficial da Engenharia e Agronomia, que acontece em Palmas (TO), dois Norte-rio-grandenses foram homenageados com a honraria Láurea ao Mérito, oferecida pelo Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea ) aos profissionais que se destacaram em suas áreas.

Os potiguares receberam a maior honraria concedida aos profissionais da engenharia, agronomia e geociências do país. Os engenheiros civis Flávio José Cavalcanti de Azevedo e Dirceu Victor de Holanda (in memoriam) integram a lista dos homenageados pelo Confea. O engenheiro civil Antônio Medeiros de Oliveira recebeu a Medalha do Mérito em nome do sogro Flávio Azevedo, enquanto que o filho de Dirceu de Holanda, o também Dirceu Gomes de Holanda, representou o pai na solenidade, que teve o nome dele inscrito no Livro do Mérito. As duas indicações foram enviadas pelo Crea-RN e aprovadas pelo Plenário Conselho Federal.

A presidente do Crea-RN, Ana Adalgisa Dias, que participou das homenagens juntamente com o Conselho Federal Modesto Ferreira dos Santos Filho, falou da importância desse reconhecimento. “Foi uma noite de muita emoção porque homenageamos duas pessoas importantes para a engenharia, o empreendedorismo e o Sistema dentro do nosso estado e do país”, destacou.

Láurea ao Mérito

Todo ano o Confea seleciona 27 personalidades que se destacaram no Sistema Confea, Crea e Mútua para receber a Medalha do Mérito (12), Menção Honrosa (três) e os 12 a serem homenageados in memoriam, com a inscrição de seus nomes no Livro do Mérito.

A solenidade de entrega das honrarias ocorreu durante a abertura da Semana Oficial da Engenharia e da Agronomia que aconteceu na noite do dia 16, no Centro de Convenções Arnoud Rodrigues, em Palmas, no Tocantins.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Eduardo Peixoto disse:

    Parabéns aos homenageados!

Mais Médicos reabre inscrições para profissionais. Natal tem 34 vagas

O Ministério da Saúde reabriu as inscrições para os médicos formados em instituições de educação superior brasileiras para chamada do novo edital do Programa Mais Médicos.

Os candidatos terão até às 18h desta terça-feira (5) para se inscreverem, por meio do site do Mais Médicos. O município de Natal tem 34 vagas disponíveis, e para tal, o profissional precisa indicar a capital potiguar como o município de interesse para atuação.

 

Profissionais do Mais Médicos estranham desigualdades na Saúde

2013-641554829-2013083027034.jpg_20130830Na primeira visita a uma unidade de saúde desde que chegaram ao Rio de Janeiro, há uma semana, 20 dos 79 médicos que integram o Mais Médicos na cidade, entre estrangeiros e brasileiros formados no exterior, conheceram na manhã de hoje a Clinica da Família Assis Valente, na Ilha do Governador. Além do contato com a rotina da unidade, eles tiveram aulas de saúde da família.

Segundo o coordenador pedagógico do módulo de acolhimento do Rio, Paulo Mendonça, a visita foi criada para que os profissionais entendam como funciona a rede de saúde. Esta será a única visita que os profissionais farão antes do início das atividades, em 16 de setembro. Mendonça também falou sobre a situação excepcional do estado do Rio de Janeiro, que é um dos mais desiguais do país. Perguntado sobre a necessidade de os médicos conhecerem clínicas com pouca estrutura, diferentes das que encontraram na capital, ele disse que, no Rio, o modelo de clínicas da família é bom:

— Nós, brasileiros, precisamos de ajuda. Humildemente, precisamos reconhecer isso. A gente trabalha a questão da desigualdade no Brasil. Há cinco anos, não tínhamos nem 3% de estrutura de saúde da família no Rio. No interior, não é verdade que não haja nada, mas o estado do Rio tem os melhores e piores índices do país. Como Japeri pode ser tão diferente do Rio? Como a Penha pode ser tão diferente do Complexo do Alemão? É importante que eles vejam um modelo como esse — disse o coordenador, acrescentando: — A maior pergunta dos médicos é esta: “Como funciona a rede de saúde no Brasil?” Eles custam a entender essa desigualdade.

O médico argentino Hugo Galantini, porém, disse ter ficado impressionado com a estrutura da clínica Assis Valente:

— Aqui tem tudo. Normalmente, atenção básica é bem básica mesmo, mas aqui parece ser diferente.

Para a visita, os 79 médicos que estão no Rio foram distribuídos em quatro unidades próximas à Avenida Brasil, onde estão hospedados em um alojamento da Marinha. Em quatro grupos de 20, eles foram acompanhados por professores do módulo de acolhimento.

Mendonça adiantou, durante a visita, que médicos destinados a distritos indígenas terão mais tempo de treinamento:

— Quem for para situações extremadas fará mais tempo de treinamento. A saúde indígena terá um módulo maior junto às áreas indígenas. Os médicos serão acompanhados por um antropólogo. Eles precisam aprender a língua. É muito mais complexo. No Brasil, temos 180 línguas diferentes. A situação é diferente.

Animado com a visita à unidade da Zona Norte, que considerou excelente, o espanhol José Maria Pabcos, de 56 anos, já trabalhou em Portugal e na Inglaterra, onde morava antes de vir ao Brasil. Ele desistiu da Inglaterra por causa da língua e vai trabalhar em Cáceres, no Mato Grosso:

— Estou na expectativa, não sei o que vou encontrar em Cáceres. Fui para a Inglaterra com a expectativa de ficar, mas a língua atrapalhou, foi uma barreira. Se eu não entendo direito o que o doente diz, fico como no mar, à deriva — disse Pabcos, que fez questão de falar em bom português, reticente de que jornalistas dissessem que os estrangeiros não dominam a língua.

A Clínica da Família Assis Valente, na Ilha do Governador, foi inaugurada em julho de 2011 e atende uma média de 2.500 pessoas por mês. Nela, trabalham cerca de 60 profissionais, entre médicos, técnicos de enfermagem, enfermeiros e agentes de saúde. Eles são divididos em seis equipes de dez pessoas.

O Globo

Pesquisa aponta quais os maiores causadores de estresse no trabalho

Pesquisa recente da Trabalhando.com Brasil aponta os principais fatores que causam estresse profissional no país. Segundo o levantamento, trabalhar sob pressão (28%), falta de ferramentas adequadas, como computador ruim, cadeira desconfortável etc (26%) e mau humor do chefe e dos colegas (22%) são os maiores causadores de estresse no ambiente de trabalho, segundo os 451 profissionais (288 mulheres e 163 homens) que participaram do levantamento.

Ainda de acordo com o estudo, para 10% dos entrevistados a maior causa de estresse é trabalhar mais horas do que deveriam, enquanto que para outros 10% ter um salário menor que seus colegas é motivo para sair do sério.

Para o diretor-geral da Trabalhando.com e autor do livro “A estratégia do olho de tigre”, Renato Grinberg, o fato das respostas estarem bem mescladas apenas reforça a ideia de que cada profissional acredita que o estresse seja gerado por um motivo específico. De acordo com ele, para não prejudicar sua saúde e até a carreira, o profissional deve usar o que acredita estar causando estresse a seu favor.

—Se você trabalha sob pressão, tente fazer disso um combustível para mostrar sua eficiência — diz o executivo.

Já em relação aos equipamentos que não funcionam adequadamente é importante levar o problema ao seu superior para que ele possa solicitar uma solução a quem de direito e arrumar o que não vai bem:

— Esse tipo de situação é simples de se resolver, muitas vezes em uma simples conversa com seu superior o problema pode ser sanado e você pode até ganhar um equipamento novo.

Quanto ao mau humor, diz Grinberg, a única dica é o diálogo, seja com o chefe ou com os colegas.

— Em uma empresa, não importa o porte, é essencial ter liberdade para expor as dificuldades. É importante ter espaço para conversar. É assim que se cria um ambiente mais harmonioso e o trabalho torna-se mais proveitoso.

 

Fonte: Globo.com