Para “acompanhar” Facebook e Instagram, WhatsApp fica instável e usuários não conseguem enviar fotos, áudios e stickers

Não foi só o Facebook e o Instagram que apresentaram instabilidade e ficaram indisponíveis nesta quarta-feira, 13. O WhatsApp, o principal aplicativo de mensagens do momento, também apresentou problemas nesta tarde, de modo que todos os principais serviços do Facebook tiveram algum tipo de instabilidade.

Assim como os outros serviços, o pico de reclamações envolvendo o WhatsApp acontece próximo das 14h, segundo o site Down Detector. Uma pesquisa no Twitter mostra múltiplas pessoas de todo o mundo com reclamações em comum: impossibilidade de enviar áudios e imagens por meio do aplicativo.

Nos testes do Olhar Digital, o problema se manifestou de diferentes formas para os membros da equipe. Alguns foram incapazes de enviar stickers por meio do aplicativo; outros não conseguiam enviar imagens, enquanto outros não podiam enviar áudio.

O Brasil parece ser um dos epicentros dos problemas do WhatsApp, o que faz sentido, já que o aplicativo é extremamente popular entre os brasileiros. Também é possível notar um foco de queixas grandes na Europa, que também usa bastante o app, enquanto as queixas nos EUA são limitadas, já que o WhatsApp não está na lista dos aplicativos mais usados por lá. Em outras regiões, ao que tudo indica por questão de fuso horário, têm menos queixas.

Olhar Digital

Facebook e Instagram sofrem instabilidade em vários países

Foto: Jason Alden / Bloomberg

Vários usuários do Facebook relataram nesta terça-feira dificuldades para acessar seus perfis na rede social. A instabilidade e lentidão para o carregamento dos conteúdos não ocorre somente no Brasil. Segundo a ferramenta “Downdetector” foram reportados problemas principalmente nos Estados Unidos, Europa e alguns países da América Latina.

Internautas reclamam também do funcionamento do Instagram, que apresenta lentidão no carregamento do conteúdo. A rede social para o compartilhamento de fotos pertence ao Facebook.

Como costuma acontecer nesses casos, o Twitter é o site utilizado por alguns usuários para relatar a dificuldade de acesso na outra rede social. Utilizando até memes, vários internautas brincaram com a instabilidade. A hashtag “FacebookDown” já é o assunto mais comentado no Twitter, com mais de 15 mil posts sobre o assunto.

“MAS QUE INTERNET É ESSA? / Ah não, foi só o facebook e instagram que caíram”, publicou um internauta.

“Fiz o post todo bonitinho aqui do meu trabalho, era uma novidade top pra lançarmos na rede, tava organizado lindo de emoticon e a gramática impecável, cliquei em publicar e os Facebook caiu. Não salvei e perdi o post”, relatou outro usuário.

Até o momento, a rede social não informou o motivo da instabilidade.

O Globo

Saiba detalhes da função criada pelo Facebook e Instagram para curar o seu vício em redes sociais

(PeopleImages/iStock)

Quantas vezes você resolveu mexer um pouquinho no celular e percebeu que perdeu mais tempo do que devia nas redes sociais? Isso não está acontecendo só com você, mas com gente do mundo todo que poderia estar andando de bicicleta, lendo um livro ou conversando em vez de rolar a timeline. O discurso parece moralista e meio chato, mas está sendo levado a sério pelas empresas de tecnologia. Por isso, Mark Zuckerberg acaba de anunciar uma nova função para Facebook e Instagram, a fim de ajudar o usuário a administrar melhor o tempo que gasta nos dois aplicativos.

A função será uma espécie de timer que contabiliza cada segundo que você gasta nas redes ao longo do dia. Além de fornecer uma visão mais clara sobre a sua relação com os apps, também será possível ativar uma notificação para alertar o usuário sempre que ele ultrapassar um tempo de atividade predeterminado.

De acordo com o Facebook, as mudanças visam a garantir que o “tempo que as pessoas passam utilizando a duas redes seja bem gasto e que também seja intencional, positivo e inspirador”. O diretor de gerenciamento de produtos do Instagram, Ameet Ranadive, disse em declaração à imprensa que a novidade pode, sim, entrar em conflito com alguns objetivos da empresa, mas que se trata de um revés com o qual eles estão dispostos a conviver.

Nas próximas semanas, será possível que usuários do mundo todo ativem a função. A iniciativa não só faz parte das medidas que o Facebook está tomando para limpar a sua imagem depois do escândalo do vazamento de dados, mas também é uma tendência natural das empresas de tecnologia. A Apple também anunciou uma função semelhante para os seus novos iPhones. Ninguém quer ser o culpado pela sua falta de produtividade, pega mal.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ceiça Xavier disse:

    Não sou viciada mas gostei muito da iniciativa. Realmente, às vezes vamos enviar uma mensagem e de repente, ficamos perdendo tempo com a família, leitura, etc! Parabéns!

WhatsApp vai rodar vídeos do Facebook e Instagram diretamente na conversa

O WhatsApp vem recebendo uma série de mudanças, que por enquanto ainda estão em fase beta ou sendo distribuídas lentamente em todo o mundo. A novidade desta semana é a possibilidade de assistir aos vídeos do Facebook e do Instagram diretamente por meio do mensageiro, sem que você tenha que seguir um link externo para isso.

Uma atualização para o build 2.18.51 para iOS foi flagrada pelo MacRumours e prevê o funcionamento dos vídeos in-line de forma semelhante ao suporte já existente para o YouTube, que pode ter seu conteúdo visto em modo Picture-in-Picture enquanto você navega pelas conversas.

A mudança se junta aos poderes dados aos administradores de grupos e às videochamadas em grupo, confirmadas recentemente por Mark Zuckerberg. Vale lembrar que muitas das ferramentas lançadas ultimamente pelo comunicador instantâneo ainda não chegaram à boa parte dos usuários. Como dito antes, a atualização é lenta e o WhatsApp Beta chega primeiro para quem faz parte do programa de testadores da Google Play Store.

TecMundo