Procon Natal fecha loja de informática no Midway Mall

A loja de informática iPlace do Shopping Midway Mall foi fechada na manhã desta quinta-feira(22), pelo departamento de fiscalização do Procon Natal. Segundo o órgão, a loja foi fechada por descumprimento do Código de Defesa do Consumidor. Na ocasião, foram constatadas irregularidades na emissão de nota fiscal feita pela loja, especializada em vender produtos da Apple.

Segundo a chefe de fiscalização do Procon Natal, Marília Brennand, a iPlace não incluía número do telefone e endereço do órgão nos documentos fiscais. Sendo assim, o estabelecimento foi fechado para adequações.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. carolina disse:

    Abuso de poder????? Consumidor tem direito independente de quem seja. Só que existem alguns consumidores mais esclarecidos que outros. Se todos nós reivindicássemos a presença do PROCON nos estabelecimentos que agridem o direito básico, muitas lojas deixariam de desrespeitava o cliente/Consumidor. Pena que foi com a ESPOSA que aconteceu, pra ser vitimada como pivô do acontecimento. Mas garanto uma coisa, o que aconteceu – DESCASO COM O CONSUMIDOR

  2. Luciana Morais Gama disse:

    Engraçado, so porque a loja nao fornecia o telefone e o endereço do Procon na nota fiscal foi fechada e ainda divulgaram o nome da mesma, agora a semana passada a Tributaçao e a policia fizeram uma blitz nas lojas de roupas femininas e constataram produtos sem nota fiscal e de origem duvidosa e nao deram nomes aos bois. Sao dois pesos e duas medidas, alias as lojas que nao tem nota fiscal deveriam ser fechadas e nao foram, e nao foi a caso dessa loja de informatica. Viva o RN!!!

  3. Nairle disse:

    Lamentável. Tive um problema na loja e o gerente resolveu sem muito estresse.

  4. Arthur disse:

    O nobre blogueiro poderia ter ido até a loja para saber o verdadeiro motivo da loja ter sido fechada. Tratou-se de abuso de poder usado por a loja não ter cedido aos caprichos da namorada de Raniere Barbosa Sec da Semsur que deu escândalo na loja. Realmente o blogueiro é blogueiro jornalistas houvem os dois lados e depois publicam.

    • Karla Veruska disse:

      Caro sr Artur, primeiramente ,para melhor informa lo,não sou a namorada do sr Raniere Barbosa e sim a esposa. E para melhorar seu grau de ignorancia, saiba q eu não preciso do poder do secretario para buscar meus direitos. A loja Iplace agiu de má fé qdo passou meu cartão e disse ter cancelado o valor e até o dia de hj o valor ainda esta debitado da minha conta, tendo eu pago pelos aparelhos q escolhi a vista. Isso é lamentável para uma loja daquele porte. Não houve nem a atenção e a educação de tratar uma cliente. Como vc mesmo diz, se fizeram isso com uma pessoa q tem acesso mais fácil aos órgãos, imagine o q fariam com um cidadão comum. A loja ficou com meu dinheiro e mandou q eu me virasse com o banco. Isso não existe!!! Não fui comprar no banco. Agora o sr, q deve ser um dos funcionários da loja ou amiguinho deveria ter respeito e relatar a realidade. E se o procon fechou, foi pq a loja estava toda irregular. Acorde e respeite, inclusive o blogueiro q informou apenas a publicação da assessoria de imprensa do procon. Houve profissionalismo aqui o q deveria ter havido na loja Iplace.

    • LUCIA disse:

      Querida Karla voce e o seu marido raniere foram mal educados, humilharam funcionários da loja. ele como uma pessoa publica deveria ter o minimo de respeito.