FOTOS: Polícia Civil deflagra Operação “Ponto Final” e realiza prisões; roubos de cargas e veículos e estouros de carros-fortes e caixas eletrônicos entre suspeitas

Fotos: Divulgação/Polícia Civil

A 7ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Patu, com apoio da 4ª DRP de Pau dos Ferros e 8ª DRP de Alexandria, deflagrou, na manhã desta quarta-feira (07), na região Oeste do Estado, a Operação “Ponto Final”. A operação, que resultou na prisão de três homens, foi realizada no Centro do município de Janduís. Para a ação, foram expedidos dez mandados de busca e apreensão e cinco mandados de prisão.

Foram envolvidas nas diligências a Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), a Delegacia Especializada em Assistência ao Turista (DEATUR), a Delegacia Especializada de Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas (DEPROV), a Delegacia Especializada em Falsificações e Defraudações (DEFD) de Mossoró, além das Delegacias Municipais de: Caraúbas, Alexandria, Pau dos Ferros, Jucurutu e Santana dos Matos.

O objetivo da operação foi combater organizações criminosas que atuavam na região, investigadas pela prática de roubos de cargas e veículos, envolvidas também em estouros de carros-fortes e caixas eletrônicos. Foram presos: Nerinaldo Alencar Matias, 18 anos, Thiago Agne Alves, 34 anos, e Lisvaldo Gurgel dos Santos, 19 anos. Em uma das residências na qual foram cumpridos mandados de busca e apreensão, foram apreendidos objetos proveniente de roubos de cargas: 123 botijões de gás, diversos maços de cigarros, um revólver calibre 38, quatro congeladores, balanças de precisão, materiais com vestígios de drogas e dinheiro fracionado. Um homem conhecido como “Diogo”, que estava foragido da Justiça, morreu em confronto com a polícia.

Os três homens foram conduzidos até a delegacia e encaminhados ao sistema prisional, onde ficarão à disposição da Justiça. A Polícia Civil pede ajuda à população enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Operação Ponto Final: joias, relógios e milhares de reais

A Polícia Federal divulgou, na tarde desta segunda (3), as apreensões feitas pela Operação Ponto Final, que investiga esquemas de corrupção no sistema de ônibus do Rio de Janeiro.

Entre as apreensões estão relógios, joias e maços de dinheiro, que ainda estão sendo contabilizados.

A operação, que é um novo desdobramento da Lava-Jato, também cumpriu dez mandatos de prisão. Entre os alvos estão Lélis Teixeira, presidente da Fetranspor, suspeito de receber R$ 1,57 milhão em propina, Rogério Onofre, ex-presidente do Detro, e José Carlos Reis Lavoura, conselheiro da Fetranspor.

Radar On-Line – Veja