Ministro da educação responde internauta no RN em rede social e se interessa por mais informações sobre o caso Funpec

 Reprodução: Twitter

Por rede social, potiguar perguntou nessa quarta-feira(29) ao ministro da educação Abraham Weintraub sobre o caso da Funpec em Natal. Para a sua surpresa, foi respondida, inclusive, sob interesse e tomada de conhecimento.

Veja mais: Funpec é investigada por contrato de R$ 50 milhões com agência de propaganda

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Oliveira disse:

    Pode até ser legal, mas é ao meu ver Imoral

  2. Sergiomacaiba disse:

    Os mortadelas não tem limites

  3. Irany Gomes disse:

    Isso a Globo não mostra!

  4. Luciana Morais Gama disse:

    Parabéns Cecília, vc tá prestando um grande serviço ao nosso Brasil. Temos que denunciar isso.👏🏻👏🏻

  5. Lourdes Siqueira disse:

    50.000.000,00 justifica o desespero na rua….apenas o fio da meada. A aflição que venha aí uma Lava-Federais…..

  6. O Matemático disse:

    Eu fico só encafifando os benefícios q estes 50 milhões trariam se tivessem sido aplicados nas residências universitárias do Estado. OU RN VÉI SEM SORTE!! E O MPRN NÃO VAI FAZER NADA? EXISTEM INSTITUIÇÕES ESTADUAIS QUE ABASTECERAM ESTE COFRE ABENÇOADO (PARA POUCOS, DIGO, POUQUÍSSIMOS).

    • Francisca disse:

      Esperamos que o MP investigue com rigor essas denuncias e tudo que se refere ao financeiro. É não blindar, alguns acham que a Ufrn é o país das maravilhas.

  7. Ivan disse:

    Parabéns pra Sra. Cecília…espero que o ministro coloque esse caso "debaixo do braço" e vá ao PGR pedir uma Lava-Jato das universidades federais…Iremos recuperar dinheiro roubado "com força"!!!!

  8. Indignado disse:

    O que me deixa preocupado e o silencio ensurdecedor ou o pouco espaco na imprensa do estado. Em particular, os jornais em canais de TVs locais. Coisas bem menores ja sairam no jornal nacional. ALÔ L, ALÔ, INTERTV!! E A UFRN, HEIN?

    • Francisca disse:

      O problema é que existe uma interligação entre essas pessoas que estão no poderes uns protegem os outros conforme os interesses.

  9. Osmar Souza disse:

    É um canal interessante estabelecido pelo Ministro. Não é o caso de perseguição, mas de desperdício de dinheiro público. As pessoas tratam de R$ 50 milhões como se fosse mixaria. A FUNPEC precisa ser investigada a respeito de tal despesas.

  10. Allan Pestana disse:

    Por que esse ódio tão grande contra a FUNPEC e contra a UFRN? que será isso? estranho demais

    • DeSacoCheio disse:

      Não é ódio contra a FUNPEC ou UFRN é ódio contra a pilantragem que está enraizada em vários órgãos do governo. Entenda, o filme "Tropa de Elite", um sucesso de bilheteria, custou 17 milhões, como a FUNPEC gasta 50 milhões em publicidade? É algo totalmente desproporcional e tem que ser investigado sim. Você já viu alguma publicidade da FUNPEC? Eu NUNCA vi. Que seja feita uma revisão em todos os órgãos do governo nos contratos realizados nos últimos anos, TODOS.

    • Mário Herculano disse:

      Não entendi sua distorção?
      Quer dizer que DENUNCIAR SITUAÇÃO ESTRANHA E ANORMAL DO USO DOS RECURSOS PÚBLICOS agora é igual a ter "ódio"?
      Você não sabe o significado e a aplicação correta dessa palavra suja? Vou explicar: Veja os comentários dos opositores de Bolsonaro postados sobre a morte do cantor Gabriel Diniz. Talvez assim você comece a entender a enorme diferença entre ódio e denúncia.

    • Ricardo disse:

      Dinheiro do pagador de impostos envolvido.

    • Francisca disse:

      Pestana abra o olho! as coisas não são tão simples assim, a politica está ligada a corrupção a desvio de recursos, etc é não odio.

  11. Anti-Comunista disse:

    A UFRN É COMUNISTA.

    • Anti-Robô disse:

      Comentário extremamente lúcido e válido, agregou em demasia a discussão, confesso que me sinto um iletrado perante tanta demonstração de intelecto.

    • JBBatista. disse:

      Só uma dúvida amigo? o que é o comunismo? confesso que tenho a maior vontade de saber.

    • Severino Carnegie-Rockfeller. disse:

      Comunismo é como uma carroça em que o carroceiro projeta uma cenoura para o burro viver tentando alcançá-la. O carroceiro é a alta nomenklatura. Advinha que é o burro?

    • Thalles disse:

      Liberalismo é como uma carroça em que o carroceiro projeta uma cenoura para o asno viver tentando alcançá-la. O carroceiro é o patrão. Adivinha quem é o asno?

    • Raimundo disse:

      A América Latina é a única região do mundo onde ainda existe gente que defende o comunismo/bolivarianismo/socialismo ou seja lá que nome queiram dar.
      Nos países onde as pessoas vivem bem, não há comunismo.
      Nos países onde há comunismo, as pessoas vivem mal.
      Também não dou valor a liberalismo extremado.
      Algumas pessoas criticando o capitalismo. Mas defendem o quê? A volta do feudalismo?
      Problemas nós temos.
      A solução não é o estado islâmico nem o comunismo.
      Os países onde as pessoas vivem bem são capitalistas.
      O pessoal da esquerda fala em direitos dos trabalhadores. Mas o salário de um médico em Cuba é 200 reais. É proibido fazer greve lá.
      Na Venezuela, os funcionários da PDVSA entraram em greve, Hugo Chávez demitiu 30% deles.
      Na oposição, sempre prometem o paraíso na terra.
      Quando assumem o poder total e o povo não é mais necessário, toda essa história de direitos trabalhistas, aposentadoria, emprego, bons salários somem.
      Acho engraçado quando vejo propaganda política de partidos radicais de esquerda mostrando a população pegando ônibus, falam da precariedade, como se nos países onde governam as pessoas vivessem bem.