Polícia

FOTO: Polícia Civil prende suspeita por tentativa de estelionato na zona sul de Natal

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Investigações realizadas pela Delegacia Especializada em Falsificações e Defraudações (DEFD) resultaram na prisão em flagrante de Ozenilda da Silva Ferreira, 42 anos, suspeita pela prática dos crimes de falsidade ideológica e tentativa de estelionato. A prisão aconteceu, na manhã desta quinta-feira (4), em uma agência bancária na zona sul da capital potiguar, quando a mulher tentava realizar um empréstimo de R$13 mil reais portando documentação falsa.

Segundo as investigações, Ozenilda da Silva integra um grupo criminoso e, destes R$13 mil que seriam resultantes do crime, ela ficaria com R$2 mil e o restante seria destinado aos demais integrantes, a serem identificados. Com ela, foram apreendidos diversos documentos de supostas vítimas.

A Polícia Civil solicita a ajuda da população para envio de informações que possam auxiliar nas investigações. Qualquer informação poderá ser comunicada por meio do disque denúncia anônimo, número 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Polícia Civil prende suspeita de participação no homicídio que vitimou universitário em Natal

Uma equipe de agentes da 12ª Delegacia de Polícia Civil realizou a prisão em flagrante, nessa terça-feira (04), de Raynara Tayse da Silva Santana, 21 anos, suspeita de participação no homicídio que vitimou o universitário Marcos Gonzaga da Silva, de 30 anos, na noite de domingo, dia 02 deste mês, no bairro do Potengi, na Zona Norte de Natal.

Com o auxílio das imagens de câmeras de segurança da região, a Polícia deu início às investigações e identificou Raynara como participante. No momento do crime, Marcos estava no interior do seu carro em frente a sua residência quando foi abordado por três criminosos, ao tentar sair em velocidade com o veículo, ele foi alvejado por disparos de arma de fogo na cabeça. A vítima estava em companhia de namorada durante a ação.

Após a prisão de Raynara nesta terça-feira, em sua casa no bairro do Igapó, a Polícia procura os outros dois suspeitos de participação no homicídio.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *