Polícia

O quarto suspeito de queimar dentista viva é preso em São Paulo

Retrato falado de suspeitos de matar dentista em São Bernardo do Campo

A polícia prendeu por volta das 2h40 da madrugada desta segunda-feira o quarto suspeito de atear fogo e matar a dentista Cinthya de Souza, de 47 anos, em sua clínica odontológica, em São Bernardo do Campo, no ABC paulista. Identificado como Thiago de Jesus Pereira, ele aparece de óculos brancos no retrato falado divulgado pela polícia. Interrogado após ser detido, o suspeito confessou ter participado do crime bárbaro.

O homem foi preso em uma casa de parentes na rua Eduardo de Abreu, em Itapevi, na Grande São Paulo. Os policiais chegaram ao esconderijo por meio de uma denúncia anônima. Thiago de Jesus Pereira é apontado como o quarto autor da morte da dentista Cinthya de Souza. Os outros três, já sob custódia da polícia, também (mais…)

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *