Ceará convocará militares da reserva para reforçar segurança

Foto: José Cruz/Agência Brasil

O governo do Ceará planeja convocar até 1,2 mil policiais e bombeiros militares da reserva para reforçar o patrulhamento nas ruas e, assim, enfrentar a onda de ataques criminosos no estado, que chegou nesta segunda-feira (14) ao 13º dia.

A convocação dos militares da reserva é parte das medidas aprovadas pela Assembleia Legislativa e sancionadas, ontem (13), pelo governador Camilo Santana.

Além da convocação emergencial de militares reformados nos últimos cinco anos, aprovados nos exames de saúde e físicos, as novas leis de enfrentamento à violência e ao crime organizado permitem que o governo estadual amplie de 48 horas para 84 horas a quantidade máxima de horas extras que policiais, bombeiros e agentes penitenciários são autorizados a fazer mensalmente.

As medidas, já em vigor, também possibilitam ao Poder Executivo cearense assinar convênios com a União e com outras unidades da federação para a cessão de policiais; estabelece regras de restrição ao uso do entorno dos presídios para prevenir fugas e garantir mais segurança, e autoriza o governo a pagar por informações que resultem na prisão de bandidos ou evitem ataques criminosos.

Segundo a Secretaria estadual da Segurança Pública e Defesa Social, 358 suspeitos de participar dos ataques a prédios públicos, ônibus e obras de infraestrutura foram presos ou apreendidos até esta manhã. Desde o começo dos ataques, no último dia 2, as forças de segurança pública também vêm apreendendo armas e explosivos. Só na tarde do último sábado (12), cerca de cinco toneladas de explosivos foram encontradas em um depósito clandestino.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também confirmou, hoje (14), que enviará mais policiais rodoviários para o estado a fim de reforçar as ações da superintendência cearense. A quantidade de agentes e a data que eles chegarão ainda estão sendo definidas, segundo a assessoria do órgão subordinado ao Ministério da Justiça. Será o segundo grupo de policiais rodoviários federais deslocado para se somar ao efetivo local.

Agência Brasil

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Beto disse:

    Oxente! Anteriormente as forças federais resolviam?

  2. Jaildo disse:

    Convoca para trabalhar mais uns dez anos. A maioria deve ter menos de 50.

  3. Tom disse:

    Não sei como o governador tem uma aprovação de quase 100%, enquanto a segurança estava numa situação dessa; A não ser que o governo quebrou o pacto de convivência com as facções criminosas, apesar que vindo de petralhas, tudo é possível. Não sei o que acontece, mas se ter uma idéia, até o Obama e o mundo caiu na conversa de luladrão, dizendo que Eike era um dos homens mais rico do planeta, que o Brasil era a 3a economia do mundo, que a fome e a miséria tinha sido extinta no Brasil e que Brasil seria o maior produtor mundial de petróleo, quando na verdade Eike era quebrado, o desemprego e a miséria estava aumentando, o Brasil despencava e a Petrobrás afundava no mercado. E isso é pt, perda total

ELEIÇÕES 2018: TSE autoriza envio de tropas federais para reforçar segurança de 97 municípios do RN

O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou nesta quinta-feira (06) o envio de tropas federais para 97 municípios do Rio Grande do Norte durante as eleições 2018. O apoio das Forças Armadas é para garantir a ordem e a segurança do pleito de 7 de outubro. A solicitação feita pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte e enviada ao TSE no último dia 24 de julho foi aceita integralmente. Entre os municípios que irão receber o reforço estão Mossoró, Caicó, Pau dos Ferros, Macaíba, Assú, São José do Mipibu, Goianinha , Nova Cruz, entre outros.

A segurança do pleito também foi tema de reunião entre o presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador Glauber Rêgo e o governador Robinson Faria.

Além da presença das tropas federais, o RN terá um Gabinete de Gestão Integrada (GGI) que irá acompanhar em tempo real o andamento das eleições, inclusive com conexão direto com Brasília, onde o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) acompanhará as eleições em todo o país.

Em todo o RN serão 1551 locais de votação que deverão contar com policiamento das forças federais, estaduais e municipais. O presidente do TRE-RN irá solicitar o reforço também da Guarda Municipal.

FORÇAS FEDERAIS – ELEIÇÕES 2018

ZONAS QUE SOLICITARAM APOIO DAS TROPAS FEDERAIS

ZONA SOLICITANTE – MUNICÍPIOS PARA OS QUAIS FORAM SOLICITADAS TROPAS FEDERAIS

Macaíba e Bom Jesus

São José de Mipibu e Vera Cruz

São Paulo do Potengi, São Pedro, Santa Maria e Riachuelo

Espírito Santo, Goianinha, Tibau do Sul e Jundiá

12ª

Passa e Fica e Nova Cruz

13ª

Santo Antônio, Serrinha, Passagem e Várzea

14ª

São Miguel do Gostoso

15ª

São José de Campestre, Serra de São Bento, Monte das Gameleiras e Lagoa D’Anta

16ª

São Bento do Trairi, Japi e Santa Cruz

17ª

Lajes

18ª

Afonso Bezerra e Angicos

19ª

São Tomé, Barcelona, Rui Barbosa e Lagoa de Velhos

20ª

Bodó, Cerro Corá, Currais Novos e Lagoa Nova

22ª

Cruzeta

24ª

Parelhas

25ª

Caicó

26ª

Serra Negra do Norte, Jardim de Piranhas, São João do Sabugi e Ipueira

27ª

Jucurutu e São Rafael

30ª

Macau e Guamaré

31ª

Campo Grande, Janduís e Triunfo Potiguar

33ª/34ª

Mossoró

35ª

Apodi

36ª

Caraúbas

37ª

Rafael Godeiro

39ª

Umarizal, Olho D’Àgua do Borges e Frutuoso Gomes

40ª

Pau dos Ferros, São Francisco do Oeste e Francisco Dantas

42ª

Luís Gomes

43ª

São Miguel e Venha Ver

44ª

Monte Alegre, Brejinho, Lagoa Salgada e Lagoa de Pedras

45ª

Itaú, Felipe Guerra, Rodolfo Fernandes e Severiano Melo

47ª

Pendências, Alto do Rodrigues e Carnaubais

49ª

Upanema, Governador Dix Sept Rosado e Tibau

53ª

Boa Saúde, Serra Caiada, Sitio Novo e Tangará

54ª

Ipanguaçu

58ª

Baraúna e Serra do Mel

65ª

Marcelino Vieira, Rafael Fernandes, Água Nova, Encanto e Riacho de Santana

67ª

Ares, Georgino Avelino e Nísia Floresta

68ª

Campo Redondo, Coronel Ezequiel, Jaçanã e Lajes Pintadas

TOTAL:

39 Zonas – 97 municípios