Três bandidos são presos e um é morto após arrastão em residência na Zona Sul de Natal e tentativa de fuga

Atualizado às 10h40

Três assaltantes foram presos e um quarto bandido foi morto durante uma troca de tiros com policiais militares no bairro Candelária, na Zona Sul de Natal na manhã desta sexta-feira (11), quando os criminosos tentavam fugir após um arrastão a uma residência.

Segundo a Polícia Militar, os criminosos estavam dentro da casa quando as viaturas chegaram e fizeram um cerco ao imóvel. Na ocasião, os bandidos tentaram escapar pulando os muros de residências vizinhas. Houve perseguição, troca de tiros, três foram rendidos, e um dos bandidos foi baleado. Ele chegou a ser socorrido por uma das viaturas ao Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, mas não resistiu. Com o assaltante baleado os policiais apreenderam uma espingarda calibre 12.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Tarcísio Eimar disse:

    – + 1, q continue assim

  2. LULADRÃO disse:

    Que pena, todos os bandidos não terem morrido. Vão ser soltos na audiência de custódia e continuarão infernizando as pessoas de bem. Parabéns aos policias pela intervenção.

  3. Sérgio Nogueira disse:

    Ele morreu e provavelmente seja decretado luto de 3 dias.

  4. Pato Amarelo disse:

    Que a "famigerada" Audiência de Custódia não passe a mão na cabeça desses bandidos.

VÍDEOS: “Por favor, moço, me leva para o hospital. Eu vou morrer”, diz bandido baleado em Natal, após fazer família refém

Fotos e vídeos cedidos

Ocorrência foi registrada na manhã desta quarta-feira(18), na região Sul de Natal, no bairro Pitimbu, no conjunto Cidade Satélite. A Polícia Militar, rapidamente se dirigiu ao local, com apoio do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) e o BP Choque. Após fazer família refém, os suspeitos se entregaram. Segundo a Polícia, a residência invadida pelos bandidos pertence a um policial.

O detalhe da ocorrência ganha destaque para o pedido “aflito” de um dos bandidos, baleado conforme imagem abaixo, após fazer uma família passar momentos de terror: “Por favor, moço, me leva para o hospital. Eu vou morrer”.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Iapois disse:

    Ainda bem que não se referiu ao bandido como suspeito!

  2. Edu disse:

    Bala nesse FDP, se ele pudesse tinha matado toda a família. A sociedade tem que reagir, LULA leva pra tu, tomara que não aconteça com sua família.

  3. LULA disse:

    E se fosse um filho seu? O que farias? mandava matar? Ou mandava pra cadeia pela justiça?

    • Chico disse:

      Se for pra cadeia no dia seguinte estará solto

    • semesperança disse:

      Lula, você tem algum filho nesse condição? Senão, adote essa criança e coloque no seio de sua família. SE ele fizer alguma coisa com vc, lhe dê mais carinho…

  4. 357 disse:

    Marminino, uma carrada de bala tinha poupado ele da dôr!!!

  5. Alyson disse:

    Na hora de roubar, não pensou nisso.

  6. PIOSERÁ disse:

    Como pode o pobre bandido não ser socorrido imediatamente? que família injusta! só porque ficaram reféns desses pobres bandido. É muita maldade. Acho que não vou nem dormir hoje.
    kkkkkkkk
    Bandido bom é bandido no ITEP

  7. guilherme disse:

    se fosse eu dava um comprimido de mil gato kkkkkkkkkkkkkkkkkk va prum inferno

FOTOS: PM prende suspeito de assaltar residência na Zona Sul de Natal

IMG-20151224-WA0018 IMG-20151224-WA0019Policiais do 5º Batalhão de Polícia Militar (5º BPM) prenderam na noite desta quarta-feira (22) Thiago Raniere de Morais Maia, 30 anos, suspeito de ter cometido um roubo a uma residência rua Padre Raimundo Brasil, Nova Descoberta, na zona Sul de Natal.

Com ele a PM apreendeu um RV calibre 38, com 06 munições de mesmo calibre e produtos que foram levados durante um assalto praticado por duas pessoas.

Após saber da ocorrência, a PM realizou diligências e localizou um carro do tipo Pálio, de cor cinza e placa DMJ 5995, que tinham sido abandonado no conjunto Monte Belo. Logo em seguida, Thiago Raniere foi encontrado nas proximidades.

O suspeito foi reconhecido pelas vítimas e o material apreendido com ele foi apresentado ao delegado de plantão da zona Sul para os procedimentos cabíveis.