Saúde

Tratamentos alternativos e sem comprovação para a Covid-19 podem provocar efeitos colaterais graves, alerta Sesap

O desenvolvimento da vacina para a Covid-19 ainda está em fase de produção e testes, portanto, enquanto o processo de imunização em massa da população não for uma realidade, é preciso ter responsabilidade e ficar atento às informações desencontradas e sem comprovação que são veiculadas sobre tratamentos alternativos. Texto foi enviado pela assessoria de imprensa da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap).

De acordo com o médico da Coordenadoria de Operações de Hospitais e Unidades de Referência (COHUR) e responsável pelo Comitê Técnico Assistencial da Covid-19 do RN, Ricardo Volpi, “mesmo diante de uma pandemia, nós, médicos, não podemos perder a racionalidade de filtrar, dentro desses estudos, aqueles que realmente apresentam sua eficácia confirmada através de metodologia confiável”.

Medicamentos como a cloroquina/hidroxicloroquina, ivermectina, zinco, vitamina D, entre outros, foram apontados como possíveis tratamentos para o novo coronavírus, porém nenhum deles se mostrou realmente eficaz no combate à doença. Os fármacos são usados para tratamentos distintos e podem provocar efeitos colaterais graves quando usados de forma irresponsável.

Segundo Volpi, “alguns ensaios clínicos apontam a não eficácia da cloroquina/hidroxicloroquina mesmo em fases iniciais da doença quando comparados a um grupo controle. Da mesma forma, nenhum ensaio clínico controlado aponta para benefícios da ivermectina”.

O médico explica que, “a maioria dos infectados pelo coronavírus não apresentarão sintomas graves da doença, o que faz muita gente atribuir esse benefício a algum medicamento que tenha feito uso. Porém, devemos levar em consideração, a enorme quantidade de pessoas que fizeram uso de cloroquina/hidroxicloroquina, ivermectina e outras drogas alternativas e mesmo assim apresentaram sintomas mais graves ou foram a óbito”.

Além dos efeitos colaterais, o uso dessas substâncias pode provocar uma falsa sensação de segurança, o que faz com que as pessoas sintam-se protegidas e parem de seguir as recomendações quanto ao uso de máscaras e o isolamento social.

O Governo do Estado segue um protocolo de prevenção e tratamento para diminuir o impacto da doença na saúde da população. Porém, a melhor forma de combater a Covid-19 é prevenindo o contágio. Para isso, é importante seguir as recomendações de manter o isolamento social, quando necessário sair de casa, usar a máscara de proteção e fazer a constante higienização das mãos. A responsabilidade pela saúde coletiva é de todos. É preciso seguir rigorosamente as recomendações e evitar o máximo de contato possível.

Opinião dos leitores

  1. Todos esse medicamentos são usados diariamente por bilhões de pessoas no mundo todo. Agora são nocivos à saúde, de repente. Sei.

  2. É por causa dessa postura extremamente cautelosa da SESAP que o estado do RN não consegue sair desse alto percentual de leitos críticos ocupados. Nesse sentido, o protocolo adotado pela prefeitura do Natal, baseado em estudos observacionais e na experiência clínica da Unimed e da Hapvida para tratamento precoce, faz por merecer nossos elogios. A SESAP deveria rever sua postura técnica e admitir que vem falhando seguidamente nessa pandemia. A governadora precisa abraçar o tratamento precoce de maneira urgente se quiser sobreviver politicamente.

  3. ESSA SESAP TÁ SEM CREDIBILIDADE.
    NÃO DÁ UMA DENTRO.
    A INCOMPETÊNCIA SE INSTALOU DENTRO.
    CADÊ OS RESPIRADORES?
    CADÊ OS 11.300 DEFUNTOS??
    NÃO SABEM DE NADA, PURA INOPERÂNCIA.

  4. Não tem crédito. É da equipe do Governo incompetente do Estado, que não fez até agora nada para resolver os problemas causados pelo coronavirus. Tenho vários amigos que foram curados tomando a INVERCTINA. Não conheço nenhum remédio que tenha comprovação científica para ser usado. Pergunto qual a magica que está sendo feito para a população ser curada, usando um remédio com comprovação científica, se não existe. Cobro uma explicação???????????

  5. Ou seja, vá para casa e espere a falta de ar para ser entubado. Todas as vidas ainda importam, Sesap ?

  6. Sugestões para acabar com este debate:
    1 ) fazer um teste na cúpula do governo , na cupula da secretaria de Saúde e no comitê científico. Se forem detectados traços de medicamentos utilizados nos protocolos preventivos deveriam pedir demissão do cargo.

    2) fazer um estudo randomizado. Quem for contra o uso de protocolos (azitromicina, HDC, CLQ, ivermectina, Zinco…) se cadastra neste grupo e caso adoeça recebe o tratamento sintomático.
    No outro grupo se cadastram as pessoas que aceitam serem tratadas pelo protocolos.
    No final seria feito a comparação destes dois grupos. A secretaria de Saúde poderia lançar esta pesquisa, iria ajudar muito a ciência.

  7. Nunca vi um povo tão complicado.
    O Protocolo da SESAP é NADA. FICAR ISOLADO. Por quanto tempo?
    Depois, pra aparecer, vão mentir e dizer que venceram a Covid.
    Se um medicamento desses salvar uma vida em 1000 casos, já valeu a pena.
    O que é deprimente e altamente depressivo, é você ir ao médico, ele passar antitérmico e remédio pra dor e lhe mandar pra casa, apenas esperar.
    Pra que serviu a consulta? Pra essa medicação não precisa de médico.
    A entrevista de Dr Luiz Alberto foi esclarecedora e muito convincente.
    O maior prazer do ser humano, do Médico, é trazer a cura ou a melhora para a enfermidade.
    Se houver a mínima possibilidade, de usar, até porque, ciência é feita de experimentos.
    Se dependêssemos do Estado, estávamos las casos, basta olharmos as testagens, que não fizeram nenhuma.
    Zero pra Eles.

  8. Meu senhor diga uma coisa mais concreta e mais explícita para leigo.
    Coloque em negrito o texto do final do parágrafo " quando usados de forma irresponsável ".
    Os doutores que recomendam os fármacos tem feito de forma responsável e optativa para o leigo.
    Ou é falta de assunto esse alerta ou para complicar a decisão do cidadão.
    Queremos q as pessoas vivam, sobrevivam e tenham saúde.
    Quem quiser q fique enxugando gelo até a morte chegar.
    Aqui tomamos e estamos muito bem obrigada.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *