Vermelhou no América.

O torcedor americano que achar que o América pode disputar uma final do segundo turno pode começar a acreditar em mula sem cabeça e, em Saci Pererê. A matemática nessa hora não conta. Você pode ate ser desorganizado por algum tempo, mas não pode ser desorganizado por todo o tempo.

A situação do América esse ano é uma soma de desmandos e, falta de foco. A agenda positiva que o clube tenta colocar em ação, não anda porque sempre tem fatores negativos no meio, sejam questões políticas internas, sejam declarações infelizes de dirigentes ou, sejam resultados negativos dentro do campo.

O América já algum tempo só vive na UTI e, continuando assim ou, piorando para um mergulho técnico ou físico do Rubro, quem se prejudica mais é o ABC e, o Futebol do RN.

Não se iludam ABCcistas, o alvinegro forte passa pelo o América também forte.

Precisa-se desse equilíbrio e dessa competitividade. Já se vão oito anos sem um título Estadual e, mais um ano sem Copa do Brasil em 2012. Se, no fim de semana, confirmar as tendências, a partir de terça teremos grandes mudanças na Sede da Rodrigues Alves.

Se o América quiser alguma vitória esse ano, olhe para a Série C a partir de agora e ponto.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Karl Leite disse:

    Parabéns pelos comentários sobre o América. A situação e difícil e lamentável. Enquanto se preocupava em detratar o rival ABC… O ABC se preparava e hj encontra=se estruturado. São coisas da vida,

  2. Na época em que o nosso amigo Augusto escreveu o seu artigo, o contraditei dizendo que o futebol se nivela por cima jamais por baixo. Ao longo desse tempo o América não plantou um abacaxi. Cultivou uma plantação deles. Cabe agora torná-la rentável aprendendo com as lições das derrotas, da mesma forma como o ABC aprendeu. Mais uma vez Parabéns pelos comentários.

  3. Não desejo que amanhã o ABC sejá fraco e o América forte. EU prefiro os dosi times fortes. Eu ter o prazer de assistir um futebol de alto nível. De voltar a ver jogadores do porte de um Souza, um Danilo Menezes, um Rodrigo Tabata um Nonato, enfim, desfrutar do prazer indelével e iniguálavel de sacanear os meus amigos abecedistas, que hoje, são os americanos de ontem.

  4. borgesneto12 disse:

    O América paga hoje pela arrogância dos seus dirigentes. De hoje e de ontem. Talvez, até, de sempre. Eles jactavam-se da Pousada do Atleta em Capim Macio e malhavam o ABC pelo "buraco da Vila Olímpica". Arrotavam soberba por causa da sede social em detrimento da Frasqueira, que não possuía um clube para comemorar títulos e fazer festas. Venderam ilusões com o CT de Japecanga, a primeira subida à Série "A" em 96 e a Copa do Nordeste de 98. E, não satisfeitos apenas com o sucesso do seu clube, desdenhavam do adversário. E o ABC? Não passa da corrente. Só ganha estadual. Diziam sorrindo cinicamente. Passados quase 15 anos, o América não possui mais a Pousada do Atleta, 2/3 da sede social foram vendidos, o CT não prepara jovens jogadores , o estadual – antes desdenhado – não conquista desde 2003, se encontra na Série "C" do Brasileiro e não tem onde jogar com a demolição do Machadão. Ah! E o Frasqueirão, estádio do ABC? Serve não para o América. É um lamão, um programa de índio… O tempo passa mas a presunção está lá, arraigada ao escudo vermelho. A quem interessar possa nesse tempo de páscoa: "Os exaltados serão humilhados. Os humilhados serão exaltados".

  5. Quem não se lembra do artigo escrito por Augusto Azevedo Rebaixamento ou Morte? Sempre achei que o América não pode ser forte sem o ABC e vice versa. Queiram ou não os apaixonados torcedores, a verdade é clara. O América é vítima dos seus próprios erros dentre os quais estão a desorganização, o oportunismo e o amadorismo de seus dirigentes. Queiram ou não o América de hoje é o ABC de ontem. (cont.)(cont)

  6. Bruno: Parabéns pela lúcida análise sobre o momento pelo qual passa o América Futebol Clube. Compartilho integralmente da sua opinião, que, aliás, de minha parte não é nova. Que o diga, o nosso amigo Augusto Azevedo quando equivocadamente defendia o nivelamento por baixo do futebol do RN. (cont)
    ABC

  7. Fernando Pereira disse:

    Você só consegue ser forte se tiver um inimigo forte e, infelismente precisamos do América forte?!!?. O que aconteceu é que, enquanto o América de forma desorganizada brincava de passaer nas séries B e uma vez na série A (saco de pancadas), o ABC FC, que eles diziam sem série, cuidou de sua estrutura e profissionalização dos setores dentro da instituição. Se plantou abacaxí, vai ter que colher abacaxí. Muito bom o artigo.

COMENTE AQUI