Vivo lança primeiros smartphones com sistema operacional Firefox OS

LG-Fireweb-D-300-445x296Os brasileiros terão a partir desta terça-feira uma alternativa a Android, iPhone e Windows Phone. A Vivo lançou nesta terça-feira no país os primeiros smartphones com sistema operacional Firefox OS, desenvolvido em parceria com a mesma fundação sem fins lucrativos responsável pelo navegador de internet Mozilla Firefox.

O sistema operacional Firefox OS é de código aberto e trabalha com a linguagem HTML5, usada em muitos sites da Web, o que torna mais fácil a criação de aplicativos para a plataforma.

Segundo o presidente da Vivo, Antonio Carlos Valente, os aparelhos, com “seus preços agressivos para o mercado de smartphones”, são a principal aposta da operadora para o Natal. Os telefones são fabricados pela sul-coreana LG e pela chinesa Alcatel One Touch e não apresentam grande sofisticação.

– A plataforma funciona bem em hardwares mais leves, o que permite a oferta de modelos mais acessíveis para grande parte da população brasileira – afirmou Valente.

O LG Fireweb é o mais robusto deles e também está sendo lançado no Brasil agora. Com câmera de 5 megapixels, processador de 1 Ghz e 2 GB de memória interna, o aparelho sai por R$ 499 no plano pré-pago. No plano Vivo Smartphone Ilimitado 60, custa R$ 99. Já o Alcatel Onetouch Fire, com câmera de 3,2 megapixels, tem preço de R$ 199 no pré-pago e de R$ 29 no plano 60.

– Quando lançamos o Mozilla Firefox, muitos disseram que não daria certo com o argumento de que não havia espaço no mercado para mais um browser de internet. Quando criamos esse sistema para smartphones, ouvimos a mesma crítica. Mas acreditamos que é importante ter alternativas, pois um mercado com dois ou três competidores tende a se estagnar – afirmou Jay Sullivan, chefe de operações da Fundação Mozilla.

Embora os preços sejam agressivos, o Firefox terá que se empenhar no estímulo à criação de aplicativos para a plataforma, fator crucial na decisão de compra do consumidor. Embora seja mais fácil escrever aplicativos para o sistema e ele já conte com apps importantes como eBay, Wikipédia e Huffington Post, o Firefox OS não tem aplicativos como Skype e WhatsApp. Segundo Sullivan, a Mozilla tem se esforçado para conquistar softwares locais e o sistema está sendo lançado no Brasil com mais de 50 apps brasileiros, como Galinha Pintadinha, Decolar e Itaú.

– Estamos trabalhando com evangelistas de aplicativos no país. Mas acredito que, com os smartphones chegando às lojas, o interesse dos desenvolvedores vai aumentar muito – disse o executivo da Mozilla.

O LG Fireweb é fabricado no Brasil, em Taubaté (SP), e já está incluído na chamada Lei do Bem, que dá incentivos tributários a smartphones nacionais. Já o celular da Alcatel chega importado, mas o presidente da Alcatel One Touch no Brasil, Marcos Daniel, diz que companhia estuda fabricá-lo em Manaus.

O Firefox OS já foi lançado na Europa, na Colômbia e na Venezuela e deve chegar em breve a Peru, Uruguai e México. Embora o sistema seja lançado com exclusividade pela Vivo no Brasil, os smartphones são desbloqueados e funcionam com chips de qualquer operadora.

O Globo