Acusados de duplo homicídio em Nova Parnamirim são indiciados

A delegada Patrícia Gama, da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) de Parnamirim pediu o indiciamento dos acusados de assassinar aposentada Olga Cruz de Oliveira Lima, 61 anos, e Tatiana Cristina Cruz de Oliveira, 36, mãe e filha respectivamente, no último dia 07, em Nova Parnamirim.

De acordo com o inquérito, que encontra-se em análise na promotoria da Vara da Infância e Juventude de Parnamirim, João Batista Caetano Alves, 28, e sua esposa, Marlene Eugênia Gomes, 28, deverão responder por latrocínio (roubo seguido de morte), tentativa de homicídio (contra a filha de Tatiana) e furto. A nora de Marlene, Danúzia de Freitas Valcácio, 22, foi indiciada somente pelo furto.

Memória

Um crime brutal foi registrado no dia 7 de maio no bairro de Nova Parnamirim, na Grande Natal. A aposentada Olga Cruz de Oliveira Lima, 61, e a estudante Tatiana Cristina Cruz de Oliveira, 36, respectivamente mãe e filha, foram encontradas mortas dentro de casa, na Rua Raimundo Lopes Chaves, por vizinhos na manhã de ontem. As vítimas apresentavam sinais de espancamento, tortura e lesões de arma branca.

Olga foi encontrada no chão do banheiro, enquanto que Tatiana estava amarrada a uma cadeira em um dos quartos da casa.

Fonte: DN Online