Dólar reduz alta após marcar R$ 5 e fecha o dia cotado a R$ 4,78

Foto: Adriana Toffetti/A7 Press/Estadão Conteúdo

Após abrir o dia negociado acima dos R$ 5, o dólar reduziu a alta e saltou 1,38% nesta quinta-feira (12). Com a variação, a moeda norte-americana passou a valer R$ 4,786, maior patamar nominal desde a criação do Plano Real.

A alta aconteceu apesar do anúncio do Banco Central de um leilão de venda à vista de até US$ 2,5 bilhões para esta quinta-feira, cancelando o anúncio de venda de até US$ 1,5 bilhão feito no dia anterior.

Às 9h11, o dólar avançava 5,68%, a R$ 4,9890 na venda. O contrato mais negociado de dólar futuro tinha alta de 3,88%, a R$ 5,0105.

R7

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Neto disse:

    Eu não li isso. Pra falar uma asneira dessas, no mínimo é eleitor do Bozo

    • Neco disse:

      Vá ler sobre o custo de carregamento das reservas. Especulador lava a burra. Há um nível adequado. Complicado, né? Sim, eleitor do Bozo. Pelo seu nível é de Haddad.

    • Neco disse:

      Tem mortadela que pensa que reserva é grana pra gastar como der na telha.

  2. Cidadão disse:

    O BC queimou muito as reservas internacionais hoje.
    Reservas economizadas no governo PT!

    • Neco disse:

      Manter essas reservas custam uma montanha de dinheiro.
      Tem mais é que se livrar de uma parte mesmo.

COMENTE AQUI