Estado acumula rombo de R$ 3,6 bilhões nos últimos três anos na previdência

Nos últimos três anos, o déficit previdenciário do Poder Executivo acumulou prejuízo de quase R$ 3,6 bilhões, revelou em levantamento o jornal Tribuna do Norte.

De acordo com a publicação, a situação começou a se deteriorar em 2005, quando o Estado transferiu para o IPERN toda a conta dos aposentados e pensionistas, e se agravou a partir de 2014, quando os saldos dos fundos previdenciários começaram a ser sacados sistematicamente.

De acordo com o texto, registram déficit previdenciário o Tribunal de Contas do Estado e a Assembleia Legislativa, com quase R$ 22 milhões, cada um. Já MPRN e TJRN, além da Defensoria Pública, somam, juntos, superávit previdenciário de R$ 180 milhões.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. francisco nunes disse:

    Prova viva da incompetência do Presidente do IPERN, que lá está por mais de 04 anos.

  2. Raimundonvf disse:

    Esses Poderes é quem deve pagar as aposentadoria dos funcionários pra isso rececbem seus. Duodecimos e não o Estado RN, o Governo tenha coragem de deixa de pagar tenha coragem . WS AZ

  3. Junior_100 disse:

    Continue a terceirizar tudo e procure as contribuições previdenciárias para o IPERN…
    Nessas pesquisas nuncam focam nos vazamentos financeiros das contribuições previdenciárias. Por que será??

  4. Cristi disse:

    Quem estiver com tempo ou próximo a se aposentar, não se aposente, pois em 2 anos, se todos vcs se aposentarem o regime quebra e adeus aposentadoria. A partir do colápso o governo pagará, talvez em dia, valores até o teto da previdência, quem ganhar mais ele dará um cheque plastificado para não envelhecer e fará o pagamento quando fizer mais um empréstimo ao Banco Mundial. Fica a dica.

  5. Lexiton disse:

    E ainda tá querendo raspar o fundo do fundo!

    • M. D. R. disse:

      Pense uma administração financeira de pior qualidade do GOVERNO ROBINSON.
      Em três anos, um déficit de bilhões e outros setores da economia como estão? No momento se RENUNCIAR séria melhor para o RN.

COMENTE AQUI