Menina de um ano morre por demora em conseguir vaga na UTI

A menina Vitória, de um ano e três meses, chegou ao hospital infantil Sandra Celeste com problema no coração e infecção generalizada. Mas por falta de vaga na UTI, ela passou mais de sete horas sendo atendida no improviso e veio a falecer.

A única saída diante da falta de vaga foi usar um respirador manual. A cada 15 minutos equipe se revezava com o equipamento.  Cinco dos oito médicos do local, se dedicaram à menina.

Mesmo conseguindo vaga na UTI do Cloves Sarinho, sete horas depois de ter dado entrada no Sandra Celeste,  a menina não resistiu.

Assista a matéria do RN TV 1ª edição mostrando a angústia da família:

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Gileno-cabral disse:

    Ironicamente não, mas contraditoriamente esse anjinho que se foi chamava-se:
                         V I T Ó R I A!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Ironicamente sim, a nossa GOVERNADORA ROSALBA é Médica, Pedriatra e a sua vitória trouxe o descalabro para a Saúde do RN!!!!!!!
                         VITORINHA, ESSE ANJINHO DE APENAS UM ANO E TRES MESES DE VIDA, PARTIU PARA ILUMINAR OS QUE JÁ VIVEM JUNTO AO PAI!!!!
    E nós ficamos aqui, a espera que os maus governantes tomem medidas efetivas para que novas derrotas não ocorram, motivadas pela forma inoperante com que conduzem as gestões na área da saúde!!!!!!!!!!
                           VITÓRIA VIVE, VIVA A VITÓRIA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  2. Tarzia Maria De Souza disse:

    Uma  vergonha isso!! crianças tendo que pagar com a vida pela incompetência da administração do governo que nao está nem ai pra saúde pública do povo, e nao digo do governo atual , isso ja vem de muito antes! Vergonha

COMENTE AQUI