Onze são detidos em Blitz da Lei Seca na Avenida Ayrton Senna; um ainda se complicou acusado de tentativa de suborno

Onze motoristas foram detidos por embriaguez ao volante durante uma blitz da Polícia Militar e o Departamento de Trânsito do Rio Grande do Norte na madrugada desta quinta-feira (5), na Avenida Ayrton Senna, zona sul de Natal.

Segundo a PM, a blitz da Lei Seca ainda apreendeu um total de 31 habilitações. Não bastasse o flagrante, ainda segundo a PM, um dos motoristas sob efeito de álcool também foi preso por corrupção ativa. Ele teria tentado subornar os policiais oferecendo R$ 100. Todos eles foram encaminhados para a delegacia de Plantão zona sul.

As blitzen ocorreram em dois pontos: nas Avenidas Ayrton Senna e Engenheiro Roberto Freire, iniciadas simultaneamente por volta da meia-noite. Ao todo, 20 pessoas participaram da Operação, que contou com o apoio do Comando da Polícia Rodoviária Estadual.

De acordo com o Coordenador do Detran, Adryano Barbosa, 480 motoristas foram submetidos ao teste do bafômetro. Ele discriminou também que em levantamento realizado pelo Departamento, houve o registro de 1.162 retenções de CNHs nos quatro primeiros meses do ano. Destes, 303 foram enquadrados como crime, ocorrendo a trangressão ao artigo 306, quando a concentração no sangue é maior que 0,34 miligramas de álcool por litro de ar. Neste caso, o condutor é levado para a delegacia e pode ficar preso de seis meses a três anos, além da multa e suspensão do direito de dirigir.

Caso, mesmo com a CNH suspensa, o infrator seja flagrado conduzindo qualquer veículo, o Código de Trânsito prevê a cassação do direito de dirigir obrigatoriamente por dois anos. Após esse período, o interessado poderá requerer sua reabilitação, submetendo-se a todos os exames necessários à habilitação.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. henrique disse:

    Quem reclama e quem tem rabo preso, vão reclamar ao papa.

  2. Francisco Dias disse:

    Alguém poderia explicar como uma avenida intermunicipal ligando as cidades de Parnamirim e Natal, e estando as duas com trânsito municipalizado pode receber uma ação da Polícia Rodoviária Estadual? Procurei na internet e a competência da PRE está restringida aos rodovias ESTADUAIS.
    Quanto ao DETRAN o CTB não lhe dá competência para realização de blitz ou fiscalizar condutor e documentação.
    Como não sou da área fico me perguntando se não há abuso nessa atuação.

  3. André Filgueira disse:

    Nunca retém carro com documento atrasado, nunca pegam ninguém com CNH vencida, nunca pegam carro roubado… por quê? Porque simplesmente só mandam soprar no bafômetro, pra mostrar números pra sociedade. Só prenderam os motoqueiros semana passada, na Roberto Freire, porque estavam sob perseguição.

COMENTE AQUI