Procurador de MG que chamou salário de R$ 24 mil de ‘miserê’, recebeu R$ 124 mil nos dois meses seguintes

Foto: Reprodução

O procurador de Justiça do Ministério Público de Minas Gerais Leonardo Azeredo dos Santos, que se se envolveu em uma polêmica ao julgar como ‘miserê‘ seu salário de R$ 24 mil, recebeu bem mais do que isso em agosto e setembro. Ele foi beneficiado com R$ 124 mil nos dois meses.

O valor a mais veio por conta de indenizações e remunerações retroativas. Azeredo tirou licença médica em setembro, retornando no dia 7 de novembro.

Em agosto, o procurador recebeu um salário de R$ 35.462,22. Porém, com as indenizações, o provento foi a R$ 76.794,29.

Em setembro, o holerite, com os complementos, foi a R$ 47.235,56. Somados os dois meses, Azeredo recebeu R$ 124.029,85.

Relembre a polêmica aqui no Justiça Potiguar.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cristian disse:

    Bora estudar cambada de invejosos, só assim poderemos subir ao Olimpo e pisar nos outros.

  2. Maria disse:

    NOJO desses sujeitos sisudos e que precisam ser constrangidos sobre esses abusos em publico.
    Isso é uma vergonha, todo mundo sabe do trem da alegria que rola na justica e MP e nada se faz.
    Tem que ganhar força um movimento abaixo regalias: 90 dias licenca premio, 60 dias ferias, ate 30 folgas por plantao, 20 dias recesso e RESTA QUASE 6 MESES DE EMPREGO, pq trabalho que é bom nada.
    Alem de toda essa folga, chove beneficios pagos com nosso dinheiro como celular top e contas pagas, tabletes, auxilios diversos e ainda inumeras indenizações retroativas que viraram ordinarias.
    O portal da transparencia prova toda essa realidade.
    CHEGAAAAAAAAA

  3. Felipe disse:

    PQP
    Os abusos que essas categorias estão cometendo é inaceitável.
    Temos que mudar a lei e a brecha que esta permitindo esses abusos.
    É um verdadeiro tapa na cara dos trabalhadores!
    Esses caras não tem moral para julgar corruptos!

  4. Geo disse:

    Canalhas, falso moralista!
    Só pensam em dinheiro, a situação ficou abusiva e revoltante.
    Fim de regalias e respeito ao teto já!

  5. Joaquim disse:

    Esse pessoal da justiça e d MP são o câncer do Brasil!
    O povo precisa fazer pressão para acabar a farra dessa turma, cheia de regalias e penduricalhos para driblar o teto.
    Tem que tirar o poder da caneta desse pessoal , pois a farra de benefícios administrativos em proveito proprio ficou escancarada!
    CHEGA!!!

  6. David disse:

    Quem não chora não mama. São uns verdadeiros fdps

COMENTE AQUI