RN recebe mais 14.500 doses da vacina Coronavac nesta segunda-feira; finalização de profissionais de saúde e início de imunização de idosos acima de 75 anos em meta

Foto: Divulgação/Governo do Estado de São Paulo

O Governo do Estado informa em suas redes sociais que o Rio Grande do Norte recebe na manhã desta segunda-feira (25) mais um lote de vacinas contra a Covid-19.

Serão 14.500 doses da Coronavac para finalização da vacinação dos profissionais da saúde(grupo prioritário de linha de frente) e início da imunização em idosos acima de 75 anos.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Tico de Adauto disse:

    Se não fosse o butantan e a DoriaVac a coisa tava parado nesse país.

  2. Lourenço disse:

    Esse tal de Natalense é mais um inepto, metido a sabido, papa bola, que provavelmente nunca fez nada na vida e acha bonito escrever asneiras. Deveria saber que poucos são os que ainda caem nessa lorota de esquerda.

  3. Tom França disse:

    Como explicar então, que o RN foi o único Estado da federação que o governo (?) não implantou um hospital de campanha? Só prefeituras como a de Natal e de outras cidades, tiveram essa atitude! Melhor não digitar nada, pra não cair na vergonha de digitar besteira!

  4. Roberto Carlos disse:

    O presidente Bolsonaro já vacinou mais que todos os países da América Latina. Parabéns presidente.

    • Natalense disse:

      Roberto Carlos, incrível né? O mesmo que defendia tratamento precoce – sem eficácia; o mesmo que negava a pandemia; o mesmo que não é exemplo de liderança só pelo mínimo gesto de se negar a usar máscara em público. Esse presidente é o pior gestora da história da humanidade. Não há outra figura histórica inigualável ao presidente da república brasileira. Lembrando, já são mais de 200 mil mortos no Brasil. Incompetente!

    • Neco disse:

      Já ouviu falar em proporção?
      Tratamento precoce salva vidas. Toda doença, sobretudo curável, é assim.
      Parece que a big farma fez um bom trabalho de lavagem cerebral, para
      empurrar caríssmos remédios recém-patenteados.

    • Natalense disse:

      A única opção é o isolamento social, uso de máscara com responsabilidade é o que se recomenda a OMS. O presidente não faz nada disso e pior, aconselha uso de cloroquina e outros anti-helmíntico.

  5. Carla disse:

    Finalizacao dos profissionais de saude??? Ainda nem finalizou os que estao no front. Falta toda a classe praticamente…

  6. Natalense disse:

    Parabéns Governadora pela transparência das ações do governo estadual nessa crise histórica que vitimou mais de 200 mil pessoas aqui no Brasil. Enquanto isso, ficará o registro para história de que o presidente da república jogou contra as ações no combate a pandemia por ser um negacionista terraplanista, inimigo assumido da razão e ciência em pleno século XXI.

    • Neco disse:

      Quanta besteira. a) países muito mais ricos e estrurados com muito mais mortes por milhão; b) vacinas chegando pouco depois da liberação. O resto é uma narrativa de vigaristas derrotados que tentam impor as suas mentiras com base na repetição.

    • Natalense disse:

      Sim Neco, "besteira" para os negacionistas. O presidente já está marcado na história como péssimo gestor, fora outros adjetivos que não vou citar. Responsável direto pelo coas no Brasil e da incompetência em solucionar crises. Quem usa estratégia de mentiras é o presidente, sua família e seguidores, logo o rótulo de vigarista não me cabe.

    • Ricardo Carvalho disse:

      Imagine o tamanho do contracheque dessa figura covarde que se esconde sob o manto do anonimato (Natalense) pra defender a esquerda, trabalho excelente para gente preguiçosa! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Natalense disse:

      Obrigado pelo elogio Ricardo Carvalho. Seguirei trabalhando mais ainda depois do "excelente".

    • Ricardo Carvalho disse:

      Parasita fica feliz quando é detectado! kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Natalense disse:

      Ricardo, já que gosta dos meus comentários, vou já pedir emprego ao BG. Quem sabe a audiência dele aumente ainda mais!

COMENTE AQUI