Sistemas SIG-UFRN – 10 anos

cartaz_sigsCom a responsabilidade de planejar, coordenar, organizar, executar e avaliar as atividades de informática da UFRN, a SINFO (Superintendência de Informática) tem como objetivo nortear as atividades do projeto de desenvolvimento e administração dos sistemas computacionais de natureza corporativa, gerenciar a estrutura da rede e elaborar políticas de informática. Nessa perspectiva no ano de 2004 surgem os sistemas integrados SIGs (SIGAA, SIPAC e SIGRH).

SIGAA (Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas)
Automatiza as atividades da área acadêmica e auxilia os gestores desta área em suas decisões, por meio dos módulos de graduação, pós-graduação (stricto sensu e lato sensu), ensino técnico, ensino médio e infantil, submissão e controle de projetos e bolsistas de pesquisa, submissão e controle de ações de extensão, submissão e controle dos projetos de ensino (Monitoria e inovação), registro de relatórios da produção acadêmica dos docentes, atividades de ensino a distância e um ambiente virtual de aprendizado (turma virtual).

SIPAC (Sistema Integrado de Patrimônio, Administração e Contratos)
Apoia as operações nas gestões das unidades da UFRN responsáveis pelas finanças, patrimônio e contratos, o sistema integra a área administrativa desde a requisição (material, prestação de serviço, suprimentos de fundos, diárias, passagens, hospedagem, material informacional, manutenção de infraestrutura) até o controle de orçamento interno.

SIGRH (Sistema Integrado de Gestão de Planejamento e de Recursos Humanos)
Responsável por automatizar os procedimentos de recursos humanos como: marcação e alteração de férias, cálculos de aposentadoria, avaliação funcional, dimensionamento de força de trabalho, controle de frequência, concursos, capacitações, atendimentos online, serviços e requerimentos, registros funcionais, relatórios de RH, dentre outros.

A partir de 2009 outras instituições começam a utilizar a tecnologia dos sistemas, isso em regime de cooperação, onde a SINFO/UFRN faz esclarecimento de dúvidas e realiza capacitações, além de montar a estrutura tecnológica para a transferência de tecnologia e conhecimento das instituições cooperadas. Ao todo, são mais de 30 (trinta) instituições que utilizam a tecnologia dos sistemas dentre elas temos a DPRF (Departamento da Polícia Rodoviária Federal), Ministério da Justiça (MJ) e INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social).

Na cooperação a diretoria dos sistemas visualiza uma oportunidade de aprimorar cada vez mais a tecnologia dos SIGs, onde eles devem se adequar às situações cotidianas de cada instituição. No Wokshop, promovido anualmente pela SINFO/UFRN, as instituições explanam os desafios, vantagens e trocas de experiências dos sistemas.

Os sistemas estão em constante construção, fazemos de nossos usuários grandes parceiros para o aprimoramento constante, dentro das possibilidades das autarquias competentes, essa DÉCADA dos SIGs ratifica que bons projetos se fazem com o pluralismo de ideias é nisso que os sistemas se fundamentam.

Blog da SINFO – http://sistemasdaufrn.blogspot.com/

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Franklin Colle disse:

    Crédito:
    Blog da SINFO – http://sistemasdaufrn.blogspot.com/

  2. rafael disse:

    Precisa explicar para a população como foi o processo de doação de um bem publico para ser explorado comercialmente por uma empresa privada, nada para se orgulhar.

COMENTE AQUI