Geral

Site de namoro cristão exige submissão ao marido e proíbe “fornicação”

Foto: Shutterstock

O Dominion Dating, plataforma norte-americana criada pelo pastor Brandon Durham, do Texas, Estados Unidos, propõe algo diferente do que os aplicativos de paquera convencionais costumam oferecer. Nele, solteiros cristãos podem encontrar sua cara metade, mas tudo sob as tradições definidas na Bíblia.

O acordo de adesão causou polêmica entre movimentos feministas. Isso porque o usuário tem que se comprometer com a “liderança masculina” da família, “acreditando que Deus dotou os homens com autoridade real e limitada para governar bem para o bem da humanidade”, diz o site.

Já as mulheres, ainda de acordo com os termos de adesão, devem assumir seu “domínio no lar como dona de casa e companheira, em alegre submissão a um marido”. Além disso, os casais formados através do aplicativo devem “ser frutíferos e se multiplicar”, conforme decretado na Bíblia.

E, é claro, a pureza sexual é essencial para a plataforma. Por isso, “fornicação, assistir pornografia, vestir-se com sensualidade ou falta de recato e ter pensamentos lascivos” são coisas proibidas para os solteiros.

IG

 

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Justiça nega 3ª dose de vacina a empresário que alega falta de anticorpos e ser portador de comorbidades

Foto: Getty Images

O empresário Jandir José Milan, de Mato Grosso, recorreu à Justiça para exigir a terceira dose da vacina contra a Covid-19, alegando que as duas anteriores não criaram anticorpos suficientes. Na quinta-feira (29), o juiz Gerardo Humberto Alves Júnior negou o pedido e condenou Jandir ao pagamento das custas e despesas processuais.

Milan fez o pedido após três testes sorológicos indicarem que ele não adquiriu carga de “anticorpos neutralizantes” suficiente contra o vírus. Na petição, a defesa do empresário argumenta que ele é portador de oito doenças cardíacas consideradas agravantes para a covid-19.

Foto: divulgação

Pelo calendário de vacinação de Cuiabá, o empresário foi vacinado —devido às comorbidades— com a primeira dose da vacina em 12 de abril e com a segunda dose em 10 de maio.

Na decisão que nega o acesso a uma nova dose de vacina, o juiz Gerardo Humberto Alves Silva Junior, da 4ª Vara Especializada da Fazenda Pública do TJ-MT (Tribunal de Justiça do Mato Grosso), evoca uma nota técnica da Sociedade Brasileira de Imunizações que “não recomenda a realização de sorologia para avaliar resposta imunológica às vacinas”.

“Tanto a infecção natural quanto a vacinação estimulam o sistema imunológico de forma mais ampla, gerando também anticorpos não neutralizantes (…) que exercem importante papel na proteção contra a covid-19”, diz a nota.

Além da negativa, o juiz extinguiu o processo e determinou que o empresário pague todas as despesas processuais. A defesa de Milan diz que vai recorrer.

“Não é 3ª dose, mas dose de reforço”, diz defesa

A dose solicitada por Milan, de acordo com a petição, deveria ser de imunizante diferente da CoronaVac —fabricante das duas doses iniciais— e AstraZeneca, por alegar risco de trombose. No pedido, consta o nome do médico Luiz Antônio Raio Granja como solicitante da nova dose e com essa especificidade.

Ao UOL, o advogado Marco Marrafon, que representa Milan, disseque o empresário não é “anticiência”, mas que teme pela sua vida.

“A gente respeita a decisão judicial, mas vai recorrer porque a situação dele é muito específica e especial. Acreditamos que todos vão tomar dose de reforço, por conta da atualização da vacina, então o pedido é basicamente uma antecipação da dose de reforço para ele”, afirma Marrafon.

Porém, o juiz Gerardo Humberto Alves concluiu sua decisão afirmando que ações como a de Milan “contribuem para a pulverização e superficialidade do debate” e “enfraquecimento das ações do Ministério da Saúde”. E, ao contrário dos argumentos da defesa, também afirmou que a petição não tem embasamento científico e busca “atender interessa meramente individual”.

Marrafon, entretanto, afirma que a falta de um consenso científico para os testes de anticorpos garante o pedido e rechaça a ideia de ser um pedido de “sommelier de vacina”.

“Os exames levam à comprovação científica de que há dúvida, e geram um caso concreto. Uma única dose, diante das milhões compradas, é fácil para o estado, entendemos que não vale a pena arriscar a vida de um ser humano”, diz o advogado.

UOL

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Bolsonaro impõe sigilo de 100 anos sobre informações dos crachás de acesso dos filhos ao Planalto

Foto: reprodução/Redes Sociais

O governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) determinou o sigilo de 100 anos sobre informações dos crachás de acesso ao Palácio do Planalto emitidos em nome dos filhos Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) e Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

A existência dos cartões utilizados pelos filhos do presidente para ingressar na sede do governo foi informada pela própria Presidência da República, em documentos públicos enviados à CPI da Covid no último mês.

As informações foram reveladas pela revista Crusoé, que teve acesso aos documentos emitidos pela Secretaria-Geral da Presidência encaminhados por meio da LAI (Lei e Acesso à Informação).

“As informações solicitadas dizem respeito à intimidade, à vida privada, à honra e à imagem dos familiares do senhor Presidente da República, que são protegidas com restrição de acesso, nos termos do artigo 31 da Lei nº 12.527, de 2011”, diz trecho do documento da Secretaria-Geral da Presidência que informa sobre existência de crachás.

Os termos citados pelo Planalto determinam que as informações pessoais relacionadas à “intimidade, vida privada, honra e imagem” terão acesso restrito, independente da classificação de sigilo. O prazo máximo estabelecido foi de 100 anos.

Entre abril de 2020 e junho de 2021 a Crusoé havia mostrado que o vereador do Rio de Janeiro Carlos Bolsonaro havia visitado o Palácio do Planalto 32 vezes.

Uma outra planilha que teria sido elaborada pela Casa Civil mostra que o acesso ao terceiro andar do Planalto e ao gabinete da Presidência eram de livre acesso ao vereador do Rio.

Já o deputado Eduardo Bolsonaro esteve no gabinete do pai em três momentos, todas concentradas no mês de abril de 2020.

UOL

Opinião dos leitores

  1. Ah se a única falcatrua desse presidente inepto fosse esconder o acesso ao Planalto desses filhos que não trabalham NADA … Haja ração de capim cloroquinado para ainda acreditar nessa família das rachadinhas…

    1. Pense num cabra para conversar farofa, deve ser esse o F do seu apelido, vida de desocupado deve ser triste 😢.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Espanha libera entrada de voos do Brasil a partir do dia 3 de agosto

Foto: Arnd Wiegmann/Reuters

A Espanha liberou a entrada no país de voos partindo do Brasil, depois de interromper as conexões em fevereiro deste ano, por causa da pandemia de covid-19. O anúncio foi feito hoje (31) pela embaixada espanhola no Twitter e vale a partir do dia 3 de agosto, para familiares de cidadãos espanhóis e para quem tem visto de longa duração, incluindo estudantes.

“A partir do dia 3 de agosto serão permitidos os voos desde o #Brasil para a #Espanha para membros da família de cidadãos espanhóis e portadores de vistos de longa duração, inclusive estudantes. É estabelecida uma quarentena obrigatória para todos os passageiros”, publicou a embaixada na rede social.

No dia 22 de julho a Espanha já havia reaberto suas fronteiras, com restrições, para pessoas de 23 países, mas o Brasil tinha ficado de fora da lista.

Na quarta-feira (28), o secretário-geral do Itamaraty, Fernando Simas Magalhães, se reuniu com o embaixador da Espanha no Brasil, Fernando García Casas, para tratar do assunto, em especial a situação dos estudantes.

As exigências sanitárias para entrar na Espanha incluem um certificado que pode ser o de vacinação, de recuperado de covid-19 com mais de 11 dias ou o teste diagnóstico negativo com no máximo 48 horas. Qualquer um dos certificados deve ser traduzido para o espanhol, inglês, francês ou alemão.

Para a vacinação serão aceitos passageiros que tenham tomado as duas doses da Pfizer, AstraZeneca ou Coronavac pelo menos 14 dias antes da chegada à Espanha, sendo dispensado nesses casos os testes diagnósticos adicionais. A comprovação é feita por meio do certificado digital do Ministério da Saúde, o Conecte SUS, com tradução oficial da embaixada que pode ser requerida pela internet.

Independente da nacionalidade ou da situação de vacinação, todos os viajantes que cheguem à Espanha a partir do Brasil deverão passar por uma quarentena de dez dias, a ser feita no hotel ou domicílio escolhido pela própria pessoa.

As informações foram publicadas no Boletim Oficial do Estado espanhol hoje  e tratam das restrições impostas a países com alto risco sanitário para covid-19, segundo critérios de avaliação como taxa de incidência da doença por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias e percentual da população vacinada.

O Brasil, a África do Sul, Argentina, Bolívia, Colômbia e Namíbia foram incluídos na categoria de alto risco, estabelecendo a quarentena para os ocupantes de voos procedentes destes países, para que possa ser feito o acompanhamento e rastreio de possíveis casos importados da doença. Viagens de turismo à Espanha continuam proibidas.

Agência Brasil

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

CPI: Senadores pedem quebra de sigilo de Jovem Pan, Allan dos Santos e mais seis

Foto: Pedro França/Agência Senado

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19 deve votar na próxima terça-feira (3/8), no primeiro dia de retorno das sessões após 15 dias de recesso, oito requerimentos de quebra de sigilo de donos de sites, de uma produtora de documentários e da rádio Jovem Pan, sob a alegação de que disseminaram informações falsas no âmbito da pandemia. Os requerimentos foram apresentados na última sexta-feira (30).

No caso da Jovem Pan, o pedido partiu do relator, Renan Calheiros (MDB-AL). Os outros foram assinados por ele e pelo senador Humberto Costa (PT-PE). Os requerimentos seguem o mesmo padrão, e apontam que todos seriam “grandes disseminadores das chamadas ‘fake news'”.

Além da rádio, os senadores pediram quebra de sigilo bancário de Allan dos Santos, do site Terça Livre, que também é alvo do inquérito das Fake News, que está no Supremo Tribunal Federal (STF).

Também foram atingidos pelos pedidos: Raul Nascimento dos Santos, do site Conexão Política; a empresa Eretz Galil Tecnologias Educacionais (Paulo de Oliveira Eneas), do site Crítica Nacional; a produtora Brasil Paralelo; a produtora Farol Produções Artísticas, do site Senso Incomum; Tarsis de Souza Gomes, do site Renova Mídia; e José Pinheiro Tolentino, do site Jornal da Cidade Online. Os senadores também querem pedir informações sobre o site República de Curitiba, para saber quem são seus responsáveis.

As aprovações dos requerimentos já são consenso entre os senadores de oposição e independentes ao governo que formam maioria na CPI, e são intitulados de G7 (ou G6, com a saída de um dos senadores).

Correio Braziliense

Opinião dos leitores

  1. Aí pode dizer que esse circo pegou em merda viu, basta só Augusto Nunes pra calar a boca desses palermas. Não sou contra nem a favor do governo Bolsonaro, alias não votei nele mas agora penso em votar, só por causa dessas coisas que estão acontecendo. Acompanho os pingos nos Is há anos, os caras não defendem ninguém, mas falam a verdade e o que está errado como esse circo aí da CPI. Vai Renan, engole corda e leva os caras pra depor kkkkk

  2. Todo governo usa dinheiro pra divulgação dos trabalhos realizados no poder público, vcs não passam de pessoas q perderam a boquinha da época de Lula e hj estão a todo custo querendo encontrar um crime contra o presidente. Esse tal d Tomara passa o dia inteiro postando mer…

  3. Vixe! Mas a mamata de dinheiro público não tinha acabado?! Ah, os únicos que não podem mamar eh a globolixo… Entendi!

  4. Se quebrar… vai encontrar!
    O bunda abastece essa emissora pra passar o dia falando bem desse governo medíocre.

  5. Acertar um direto. Com isso será possível entender como esse jornalismo se tornou um puxadinho do governo. Para esse jornalismo comercial, o governo, considerado um desastre pela população, não faz nada de errado. Quando ocorre um erro não é dele. Aumenta gás, eles apoiam; Dez aumentos de gasolina em seis meses, eles apoiam; aumento do desemprego, eles apoiam; aumento da fome, da miséria, apoiam; o povo comando osso, apoiam, comendo pé de galinha, apoiam; 550 mil mortes, apoiam; presidente debocha das mortes, apoiam; Agride a mae de jornalistas, apoiam; agride jornalistas mulheres, apoiam. O bolsodoido caga, peida pela boca, apoiam. Ao quebrar as contas será possível entender e$$e apoio.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

COVID: Brasil registra 910 óbitos e 37 mil novos casos nas últimas 24h

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil neste sábado (31):

– O país registrou 910 óbitos nas últimas 24h, totalizando 556.370 mortes;

– Foram 37.582 novos casos de coronavírus registrados, no total 19.917.855.

– Com mais 24.162 pessoas recuperadas, o Brasil chega a 18.619.542 pacientes curados do coronavírus. Outras 741.943 pessoas estão em acompanhamento.

A média móvel de mortes nos últimos sete dias é de 989 e de casos, 35.332, menor patamar desde fevereiro.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Após motociata, Bolsonaro volta a criticar atual sistema de votação: ‘não aceitaremos farsa’

Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender neste sábado, 31, a necessidade de mudanças no atual sistema de votação. Durante evento com motociclistas em Presidente Prudente, no interior de São Paulo, ele defendeu “eleições limpas, da forma que o povo deseja”.

“Não aceitaremos uma farsa”, acrescentou Bolsonaro a uma plateia de apoiadores, sem fazer referência direta ao voto impresso. Na última quinta-feira, o presidente havia apresentado, durante transmissão ao vivo nas redes sociais o que chamou de ‘indícios’ ao mesmo tempo, admitiu não ter provas de irregularidades.

Bolsonaro e seu grupo político defendem eleições com a impressão de comprovante em papel, como forma de garantir, segundo o presidente, que não haja fraudes. No evento de hoje, Bolsonaro disse desejar a democracia. Logo em seguida, qualificou a palavra utilizada (“democracia”) ao acrescentar: “Mas repito, eleições democráticas”.

O presidente também disse que o seu governo “acredita em Deus, respeita a família e rende homenagem a militares”. Além disso, disse que “sabia que não seria fácil”, mas que era preciso “mudar o destino do Brasil”.

“Agradeço a Deus por minha vida. Este evento de hoje marca também nossa vida. Não existe satisfação maior para político que ser recebido desta forma em qualquer lugar do Brasil”, afirmou o presidente. “Mais importante que a própria vida é a nossa liberdade”, acrescentou.

Bolsonaro disse ainda que, na função de presidente da República, faz o que o povo quer que seja feito. “Tudo faremos para que nosso Brasil seja realmente uma grande nação”, disse, sem dar detalhes a que se referia. “Não dou recado, apenas transmito o que recebo de vocês”, acrescentou, também sem explicar a referência.

Para esta tarde, está prevista uma visita de Bolsonaro ao Hospital de Esperança, antigo Hospital Regional do Câncer, na cidade. O hospital será oficialmente credenciado ao Sistema Único de Saúde (SUS).

Com informações de Estadão Conteúdo

Opinião dos leitores

  1. Já deu com essa palhaçada, alguns motivos para não haver voto impresso, aumento de 500 milhões no custo das eleições, aumento da possibilidade de fraude através de estravio e perdas de votos, demora pra se ter um resultado final, aumento na compra de votos (pessoas menos instruídas vão pensar que o voto poderá ser descoberto) e tudo isso por causa de uma insistência de um idiota que foi eleito a vida inteira dessa forma e nunca se provou fraude nenhuma.

  2. Não entendo porque muitos têm tanta resistência ao voto impresso.Até o jogo do bicho fornece ao jogador o comprovante. Se o hackers invadem sua conta corrente, os mais maiores conglomerados financeiros,computadores de grandes grupos empresariais, como não invadiríam o sistema de votação? VOTO IMPRESSO JÁ.

    1. Se você não entende não grite palavras de ordem. Vá se instruir para poder entender, porque isso não passa de uma tentativa de desacreditar a derrota desse infeliz.

  3. Esse é testado!
    Pode acreditar.
    Eleições limpas Já!!
    Quem não quiser cair se deite ou vá pra Venezuela, Cuba e Argentina.
    Rsrsrs.
    Primeiro turno no voto auditado.
    Vai ser maior a votação do que em 2018.
    Só que dessa vez, vai valer.
    Estamos de olho.
    Acabou a farça, o véi denunciou, só não vê quem não quer.

    1. Kkkkk. Acho muito linda a idolatria desse gado vei… Me lembra muito os idólatras do lulaladrao… Afinal, os dois são farinha do mesmo saco e seus seguidores a cada dia se parecem mais…

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

RN recebe mais 51,6 mil doses da Coronavac e totaliza 436,4 mil doses de imunizantes entregues pelo Ministério da Saúde em 12 dias

Foto: Divulgação/Aeroporto SGA

Chegou ao RN na tarde deste sábado (31) mais um lote de vacinas produzidas pelo Instituto Butantan. Foram 51.600 doses da Coronavac, distribuídas pelo Ministério da Saúde.

Somadas às 60.010 doses da Pfizer que chegaram pela manhã de hoje, o RN totaliza 113.610 vacinas recebidas neste sábado.

Considerando os últimos doze dias, o RN recebeu 436,4 mil doses ao todo.

Vacinas entregues pelo Ministério da Saúde ao RN nos últimos doze dias:

Pfizer: 116,9 mil doses
AstraZeneca: 178,8 mil doses
Coronavac: 140,7 mil doses

Total: 436,4 mil doses

Opinião dos leitores

  1. Só uma pergunta, onde estão essas vacinas? Quase 400 mil só essa semana. João Pessoa já vacina 27+. Palhaçada dessa governadora. Foi meu pior voto nessa louca. #FORAFATIMA

  2. Quero um comentário do Renan e da esquerdalhada.
    Rsrs
    Se lascaram.
    Mais uma.
    Mito reeleito em primeiro turno.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

OLIMPÍADA: Confira a programação do Brasil na noite de sábado (31) e madrugada e manhã do domingo (1º)

Foto: Clive Rose/Getty Images

Depois de vencer mais uma medalha de bronze, dessa vez no tênis e de maneira histórica, na sexta-feira, o Brasil pode voltar ao pódio neste sábado, dessa vez na natação.

Bruno Fratus entra na piscina às 22h30 (Brasília) buscando a medalha na final dos 50m livre, uma das principais provas da natação nos Jogos Olímpicos. Natação que, inclusive, está em seu último dia em Tóquio e irá distribuir medalhas durante a noite e a madrugada!

Ainda teremos brasileiros no hipismo, atletismo, vôlei de praia, tênis de mesa por equipes, wrestling e a seleção masculina de vôlei enfrentando a França.

Veja o calendário completo do dia 9 das Olimpíadas:

Olimpíadas: principais destaques dos Jogos – sábado (31):

  • 19:30 – 04:00 Golfe Masculino (final)
  • 22:00 – 01:00 Tênis de mesa Equipes femininas (oitavas de final)
  • 22:10 – 23:10 Ciclismo BMX Park feminino (final)
  • 22:30 – 22:37 Natação 50m livre masculino (final)
  • 22:35 – 23:45 Atletismo Arremesso de peso feminino (final)
  • 22:37 – 22:44 Natação 50m livre feminino (final)
  • 22:44 – 23:05 Natação 1.500m livre masculino (final)
  • 23:05 – 00:50 Vôlei BRA-FRA (masculino – 5ª rodada)
  • 23:15 – 23:26 Natação Rev. 4x100m medley feminino (final)
  • 23:20 – 00:20 Ciclismo BMX Park masculino (final)
  • 23:36 – 23:47 Natação Rev. 4x100m medley masculino (final)

Olimpíadas: principais destaques dos Jogos – domingo (1º)

  • 00:00 – 02:10 Vela 470 feminino (regatas 7 e 8)
  • 00:00 – 08:00 Tênis Duplas femininas (final)
  • 00:00 – 08:00 Tênis Duplas mistas (final)
  • 00:00 – 08:00 Tênis Simples masculino (final)
  • 00:10 – 02:20 Vela 470 masculino (regatas 7 e 8)
  • 02:30 – 02:58 Vela Laser masculino (final)
  • 02:30 – 05:30 Tênis de mesa Equipes masculinas (oitavas de final)
  • 03:00 – 04:15 Saltos ornamentais Trampolim individual 3m feminino (final)
  • 03:00 – 05:10 Vela Finn masculino (regatas 9 e 10)
  • 03:30 – 03:58 Vela Laser radial feminino (final)
  • 05:00 – 05:35 Ginástica artística Solo masculino (final)
  • 05:45 – 06:20 Ginástica artística Salto feminino (final)
  • 06:18 – 06:51 Boxe Peso médio masculino (quartas de final)
  • 06:30 – 07:05 Ginástica artística Cavalo com alças masculino (final)
  • 07:10 – 09:02 Atletismo Salto em altura masculino (final)
  • 07:15 – 07:50 Ginástica artística Barras assimétricas feminino (final)
  • 07:30 – 09:00 Handebol GER-BRA (masculino – 5ª rodada)
  • 07:50 – 09:00 Esgrima Florete por equipes masculino (final)
  • 08:20 – 09:37 Atletismo Salto triplo feminino (final)
  • 08:30 – 11:00 Badminton Simples feminino (final)
  • 09:50 – 09:51 Atletismo 100m masculino (final)

Com informações de ESPN

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Mourão nega renúncia e diz que segue no governo Bolsonaro ‘até o fim’

Foto: reprodução/Twitter

O vice-presidente Hamilton Mourão foi às redes sociais neste sábado, 31, para afastar a possibilidade de renunciar ao cargo e dizer que segue o governo Jair Bolsonaro “até o fim”, apesar das críticas do chefe do Planalto.

“Desde 2018 tenho viajado pelo Brasil e muitas pessoas falam que votaram na chapa JB-Mourão por confiar em mim. Em respeito a essas pessoas e a mim mesmo, pois nunca abandonei uma missão, não importam as intercorrências, sigo neste governo até o fim”, escreveu Mourão no Twitter.

O posicionamento ocorre após novas críticas feitas pelo presidente Bolsonaro à atuação de Mourão e notícias veiculadas na imprensa de que o vice estaria sendo aconselhado a renunciar ao cargo.

Na última segunda-feira, 26, Bolsonaro afirmou que “por vezes” Mourão atrapalha o governo. Em entrevista à rádio Arapuan, da Paraíba, o presidente disse que a função de vice é similar a do cunhado: “Você casa e tem que aturar, não pode mandar embora”, afirmou.

Conforme a CNN informou, Mourão teria sido aconselhado por um general da reserva próximo a ele no início desta semana a renunciar ao cargo. Mourão teria respondido que não seria ainda o momento para deixar o governo. O vice-presidente, escolhido por Bolsonaro para compor a chapa da candidatura presidencial em 2018, tenta agora emplacar uma candidatura ao Senado no próximo ano e já flertou com a possibilidade de se lançar ao governo do Rio Grande do Sul.

Com informações de Estadão Conteúdo

Opinião dos leitores

  1. Será que é verdade?
    Deixa de lorota Mourão.
    O senhor vivia no anonimato.
    Para de falar besteiras.
    O Sr não tem votos.
    Que eu saiba, tinha Janaina, Malta e o Príncipe na vossa frente.
    Como os outros não acreditaram, caiu em vosso colo.
    Essa a verdade.
    O resto e fake news.
    De lá para cá, o Sr tem uma vaga de senador no RS.
    Vai encarar???

  2. Ele foi aconselhado por um militar da alta cúpula do exército a cair fora, para não manchar sua honra no governo do banda suja.
    Dizem que o miliciano não tem moral de nada mais, que o centrão já mija com a porta aberta no palácio do planalto.

    1. É duro tratar um paciente cheio de vermes como você (BRASIL), a gente só quer o bem desse país, liberdade e prosperidade para os filhos desse solo. É duro, é árduo, mas nós vamos conseguir! Amanhã TEM!!!

  3. No final do mês após a quebra do teto salarial deferida por Bolsonaro, Mourão embolsa mais de 100 mil……por isso cumprirá a missão até o fim. Enquanto isso, o povo tá na fila do osso.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Movimentos de direita realizam motociata e passeata em defesa do voto impresso auditável

Em defesa do voto impresso auditável em prol da transparência nas eleições, os movimentos de direita do Rio Grande do Norte realizam, neste domingo (01/08) um ato Patriótico Conservador. Os potiguares sairão às ruas em passeata e em motociata. Os manifestantes se reunirão em dois pontos distintos. Com ambas concentrações marcadas para as 15h, o ponto de encontro da motociata será no Ponto 7, próximo ao Praia Shopping, em Ponta Negra, que sairá em direção ao Midway, local em que os manifestantes dos dois pontos se encontrarão. O ato nacional está confirmado em 27 estados, além do Distrito Federal.

Nos locais de concentração estarão sendo coletados alimentos não perecíveis em apoio à Campanha Estrada Solidária promovida pela PRF e que visa arrecadar alimentos para doação a instituições beneficentes. No RN, já são 39 entidades cadastradas.

“O fortalecimento da democracia passa por um sistema eleitoral confiável. Então, é de extrema importância que a população saia às ruas para lutarmos por transparência no processo eleitoral”, pontua o coordenador do evento Pethersonn Roryz.

Opinião dos leitores

  1. A fraude já foi exposta várias vezes, mas agora vão ser mais escancarados, já que até aqui não conseguiram derrubar o presidente.

    1. Quando foi mostrada a fraude? Na live do Bozo ele não mostrou nada.

  2. O problema não é o voto auditável impresso… O voto aparece na tela antes de cada CONFIRMA e o eleitor nem olha e já aperta a tecla verde. Com a impressão em papel, o eleitor vai levar mais tempo na cabine, vão precisar de mais urnas e mesários, mais gastos, etc… E ainda assim, O bolsonarismo tem o único intuito de tumultuar as eleições e favorecer um golpe. Acordem….Essa mentira dita pelo presidente cagão não tem que se tornar verdade, afinal ele nem apresentou as provas que tinha…

  3. Não entendi até agora porque tanto medo desses esquerdistas do voto impresso pela impressora do TSE .??
    Alguém me explique.
    Porquê esse medo???

    1. Estou esperando Bozo PROVAR a fraude que ele denunciou como ele afirmou que faria. Se não PROVAR, o denunciado será ele.

  4. Dia 1/8 tem que ser gigante. Não pode ficar ninguém em casa. Vamos pra rua 🇧🇷

  5. O método do MINTOmaníaco das rachadinhas eh criar factoides pra esses seguidores idolatras mentecaptos dele terem o que ruminar … Vão arrumar o que fazer! O MINTOmaníaco vai perder de todo jeito gado véi…

  6. EU NÃO VOU VOTAR NA URNA ELETRÔNICA ANO QUE VEM!!! FAÇA IGUAL EU PATRIOTAS, ESCREVAM O NOME DO BOLSONARO EM UM PAPELZINHO E BOTEM EMBAIXO DA URNA ELETRÔNICA! E DEPOIS ANULEM O VOTO 😎👉👉

  7. É interessante perceber que o mito deles foi eleito com a urna eletrônica. Teria sido ele a fraude ?

  8. Isso já morreu esqueçam isso. Eu pensei q o mito iria mostrar uma urna onde o técnico apertava Jair e aparecia a cara de Lula kkkkk

  9. Tanta coisa pra esse presidente fazer em prol da população brasileira, e esse homem só pensa em voto auditável impresso …. Triste realidade a nossa 😧

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *