Geral

Tremor de terra na plataforma continental, no litoral do RN, volta a ser registrado nesta quinta-feira

Localização epicentral simbolizada pela estrela vermelha no mapa. Foto: LabSis

Nesta quinta-feira (22), às 13h48 UTC, um tremor de terra, de magnitude preliminar 2.1 mLv, foi registrado na plataforma continental, no litoral do estado do Rio Grande do Norte. O evento foi registrado pelas estações sismográficas localizadas no município de João Câmara, que contém duas estações atualmente, e uma estação sismográfica no município de Riachuelo.

Na última segunda-feira (19), outro evento também foi registrado pelas estações sismográficas operadas pelo Laboratório Sismológico da UFRN na região da plataforma continental. O evento ocorreu às 04h39 UTC e teve sua magnitude preliminar calculada em 1.9 mR.

O LabSis segue monitorando e divulgando a atividade sísmica da região Nordeste em tempo real.

Com LabSis

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Tremores na Espanha causam inquietação; primeiro-ministro pede calma

Mais de meio milhão de pessoas que vivem em Granada, no Sul da Espanha, acordaram hoje inquietas, depois do sobressalto causado durante a noite por três tremores de magnitude superior a quatro graus, seguidos de 30 réplicas menores.

“Vários sismos fizeram tremer Granada de novo esta noite. Compreendo a preocupação de milhares de pessoas. É tempo de manter a calma e seguir as indicações dos serviços de emergência”, disse o primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, em mensagem no Twitter.

As televisões espanholas mostram imagens, publicadas por populares nas redes sociais, de pessoas com casacos por cima de pijamas que saíram no meio da noite para as ruas, apesar do recolher obrigatório na região por causa da pandemia de covid-19.

Os três tremores de terra quase consecutivos tiveram o seu epicentro na localidade de Santa Fé, a cerca de 10 quilômetros de Granada, e magnitude de 4,2 graus, 4,2 e 4,5, de acordo com o Instituto Geográfico Nacional espanhol.

No sábado passado (23) um tremor de terra de 4,4 graus de magnitude já tinha sido sentido nas localidades de Atarfe e Santa Fé.

Desde o início de dezembro do ano passado, ocorreram cerca de 300 sismos na região, explica o Instituto Geográfico, dos quais cerca de 40 foram sentidos pela população”.

O sismo de sábado apenas causou alguns danos, como pequenas fendas ou queda de objetos (livros, pratos) no epicentro, segundo a instituição.

O Instituto Geográfico espanhol informou que essa atividade sísmica “é habitual” na região, “especialmente dentro da zona central da Cordilheira Bética”, um maciço montanhoso no sul da Espanha, que tem a maior atividade sísmica da Península Ibérica, devido à “convergência entre a placa africana e a placa euroasiática”.

Agência Brasil, com RTP

 

Opinião dos leitores

  1. Esse Ze não acerta em nada, um completo imbecil, ainda bem que todos vêem, kkkkkkkkkkkkk. Verdade Calígula, só que não hora que a cama treme ele está assobiando.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *