Bolsonaro faz ajustes em discurso de posse

Jair Bolsonaro passou a manhã na Granja do Torto fazendo ajustes no discurso de posse, segundo o irmão Renato – que circulou pela área externa, falou com jornalistas e posou para selfies.

Ele disse que Bolsonaro está tranquilo. “Está com a família, está preparando o discurso dele agora. Então, está normal, uma coisa simples. Igual à casa de vocês, não tem mistério.”

O Antagonista

Toffoli citará Cazuza e Renato Russo em discurso de posse na presidência do STF

O ministro Dias Toffoli, 50, toma posse na presidência do STF (Supremo Tribunal Federal) nesta quinta (13) com um discurso recheado de referências de sua geração. Citará, entre outros, Cazuza e Renato Russo. E falará sobre o momento eleitoral do país.

Pedro Ladeira/Folhapress

AMPULHETA 

Ele dirá que “o tempo não para [Cazuza]” e que o Brasil não está em crise, mas em transformação. E afirmará, como na poesia de Renato Russo, que “o futuro já não é mais como era antigamente”.

GENTE GRANDE 

“O jogo democrático traz incertezas”, dirá ainda o ministro. “A coragem de se submeter a elas faz a grandeza de uma nação. Não podemos ficar presos ao passado. Não podemos deixar o medo e o ódio entrar em nossas vidas, como no clássico [filme] ‘O Segredo dos seus Olhos’.”

Mônica Bergamo – Folha de São Paulo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Wanderley disse:

    Será um tributo à vida louca?

  2. Jean disse:

    Picareta safado!

  3. Bazuca disse:

    Já sei que o herói morreu de overdose, tal como os heróis de muitos.

    • Cris disse:

      Renato não morreu de overdose, mas se de pneumonia decorrente da AIDS.

    • Ceará-Mundão disse:

      Não foi de overdose mas foi de uma moléstia adquirida em função de maus hábitos. Talvez tenha contraído AIDS até mesmo por intermédio do consumo de drogas. Enfim, nenhum dos dois servem como "heróis" nem exemplos para ninguém. E digo isso como alguém que gosta de suas músicas, principalmente do Renato Russo.

  4. euzim disse:

    Ele poderia cantar " Atua piscina está cheia de ratos/ Pois as ideias não correspondem aos fatos…"

  5. Brasil é verde e amarelo disse:

    Esse PTralha de carteirinha irá soltar tudo oque NÃO PRESTA…..so nesse país das bananas aonde um advogado de partido vira ministro,

    • Pato Amarelo disse:

      Exatamente, igualzinho ao outro Ministro do STF , o carequinha que era advogado dos tucanos há pouco tempo.
      Parafraseando Renato Russo : " Que País é esse ???"

    • Ceará-Mundão disse:

      O "advogado dos tucanos", como vc diz, até agora tem se comportado bem. Nada há, até o momento, que macule sua atuação como ministro do STF. Ele é autor de famoso livro de Direito Constitucional, vc sabia? Referência na área.

    • Leo disse:

      O eleitor do fascista esqueceu de dizer q os ministros tucanos (gilmar e o carequinha) livram bandidos tdos os dias, inclusive o Temer.

Veja íntegra do discurso de posse de Raquel Dodge na PGR: ‘Ninguém deve estar acima da lei’

Raquel Dodge assina termo de posse ao lado do presidente Michel Temer (Foto: Foto: MPF)

A nova procuradora-geral da República, Raquel Dodge, afirmou nesta segunda-feira (18), que o Ministério Público deve garantir que ninguém esteja acima da lei, nem abaixo da lei.

A afirmação foi feita na cerimônia de posse da nova chefe da Procuradoria Geral da República. A solenidade foi acompanhada pelo presidente Michel Temer e os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE) e do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia.

“O Ministério Público deve promover justiça, zelar pela democracia, zelar pelo bem comum e pelo meio ambiente. Assegurar a voz a quem não tem e garantir que ninguém esteja acima da lei e ninguém esteja abaixo da lei”, disse.

Primeira mulher a assumir o comando do Ministério Público, Raquel Dodge chefiará a PGR pelos próximos dois anos. Ela assume a cadeira ocupada por Rodrigo Janot, que encerrou o mandato após quatro anos à frente da PGR.

Desde 1987 no Ministério Público Federal, ela foi indicada para o comando da PGR por Temer, em junho. Raquel Dodge ficou em segundo na eleição da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR), atrás de Nicolao Dino, candidato apoiado por Janot. A indicada por Temer foi aprovada pelo Senado em julho.

No discurso, Dodge afirmou estar certa de que não tem “faltado recursos necessários e instrumentos legais” para que o Ministério Público cumpra sua função. “Estou certa que o Ministério Público continuará recebendo do Executivo o apoio necessário”, afirmou.

Corrupção

A procuradora-geral disse ainda que a instituição tem obrigação de exercer com igual ênfase a acusação criminal e a defesa de direitos humanos. Ela ressaltou que, para muitos brasileiros, “a situação continua difícil” e eles “sofrem efeitos da corrupção”.

“Quarenta e um brasileiros assumiram este cargo, alguns em ambiente de paz e muitos sob intensa tempestade. A nenhum faltou a certeza de que o Brasil seguirá em frente porque o povo mantém a esperança em um país melhor, interessa-se pelo destino da nação, acompanha investigações e julgamentos, não tolera a corrupção e não só espera, mas também cobra resultados.”, disse.

Ela afirmou ainda que o Brasil passa por “processo de depuração” e destacou a importância da harmonia entre as instituições na atuação dos órgãos de justiça.

“O Ministério Público, como defensor constitucional do interesse público, posta-se ao lado dos cidadãos para cumprir o que lhe incumbe claramente a constituição de modo a assegurar que todos são iguais e todos são livres, que o devido processo legal é um direito e que a harmonia entre os poderes é um requisito para a estabilidade da nação”, afirmou.

Discurso

Leia a íntegra do discurso de posse de Raquel Dodge:

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. AUREO MARCOS RODRIGUES disse:

    “DENÚNCIA – NOTICIA-CRIME”.
    Devo informar, que o caso do EX-PRESIDENTE LUIZ INACIO LULA DA SILVA é igual o caso que está acontecendo aqui no TJ-MT, pois as IRREGULARIDADES dentro do Poder Judiciário, e dentro do Ministério Público, são tão grandes, pois a Constituição Federal está sendo violada, por quem jurou defendê-la.

    Devo informar que a JUSTIÇA neste País, “NÃO” está sendo aplicada de forma equitativa, pois o CORPORATIVISMO está dominando as Autoridades Judiciarias Fiscalizadoras e essa OMISSÃO, fere a Democracia e o Estado Democrático de direito e põem em risco toda “SOCIEDADE CIVIL BRASILEIRA”, pois se não tiver uma CORREÇÃO já, o PODER JUDICIÁRIO, vai acabar com, o nosso Estado Democrático de direito e vai voltar os tempos da “DITADURA”, pois é somente a “SOCIEDADE CIVIL” e os membros do “LEGISLATIVO e do EXECUTIVO” que são desqualificados e presos, mais quando precisa aplicar a lei nos membros do PODER JUDICIÁRIO, ou do MINISTERIO PÚBLICO, os infratores são “PROMOVIDO” ao invés de ser “PRESO” e os processos são arquivados o ficam parados conforme mostra a notícia de fato junto a PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA sob. o nº. 1.20.000.000.442.2014.11 e o PEDIDO DE PROVIDÊNCIA-notícia-crime junto o CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA sob. o nº. 0005456.67.2014. 2.00.0000.

    Devo informar, que Aqui no Estado de MATO GROSSO, já ASSASSINOU o Juiz Leopoldino Marques do Amaral, que denunciou por nove anos a Magistratura, pois aqui, a Magistratura age ao contrário do Direito, sempre contrariando as provas dos autos, violando a Constituição Federal e outros Códigos de Leis, para favorecer criminosos, pois a criação do CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA, foi com base nessas IRREGURALIDADES da época.

    Devo informar, que hoje a Magistratura em conluio com um GRUPO DE CRIMINOSOS, tenta assassinar o RECLAMANTE AUREO MARCOS RODRIGUES, e sua Família, dentro de sua própria CASA, através dos feitos códigos: 25711/2010, 23280/2010, 30799/2011, 52869/2013, 53330/2013, 53410/2013, 53461/2014, 53464/2014, 53803/2014, 53806/2014, 53840/2014, 53856/2014, 53864/2014, 53865/2014, 53883/2014, 54014/2014, 54433/2014, 54434/2014, 55321/2015, 56490/2015, 56619/2015 e 58446/2016, 58447/2016 e 58866/2016 em tramite junto a Comarca de Porto Esperidião e no feito sob o código nº: 908166/2014 e 926933/2014, em tramite junto o Fórum de Cuiabá, pelo fato do CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA, ter mandado a Reclamação disciplinar nº. 0000627-87.2007, para dentro do TJ-MT, e após baixou a portaria 104 de 10 de março de 2009-CNJ, para fazer uma inspeção no TJ-MT, que levou o afastamento de dez Magistrados, e após formou um CORPORATIVISMO, para brindar Autoridade Corrupta e favorecer bandido.

    Devo informar, que esses fatos levou a Ministra Corregedora Nacional ELIANE CALMON, a abrir o PP: 0004098-72.2011.2.00.0000, em desfavor do próprio CNJ, TJ-MT e CGJ-TJ-MT, por violação a resolução 135/2011, sendo que o PP, tramitou durante (5) cinco anos, colhendo informações de Magistrados corruptos, e até hoje o CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA, não deu uma resposta para o caso, do RECLAMANTE AUREO MARCOS RODRIGUES.

    Devo informar, que essa perseguição dos MAGISTRADOS DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE MATO GROSSO, é motivada pelo fato do RECLAMANTE, ser o REPRESENTANTE da denúncia feita ao CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA, que motivou o feito 50/2008, que tramitou junto a CORREGEDORIA GERAL DE JUSTIÇA DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE MATO GROSSO, que motivou a PORTARIA 104 DE 10 DE MARÇO DE 2009-CNJ, que investiga salários de Magistrados, que está ainda em fase de investigação, conforme afirmou o CORREGEDOR NACIONAL, JOÃO OTAVIO DE NORONHA, A IMPRENSA, pois a PORTARIA, não autoriza o pagamento aos MAGISTRADOS do TJ-MT, e o dinheiro recebido de forma ilícita, pelos Magistrados, com base e fundamento no PP. 0005855-96.2014.2.00.0000, tem que ser devolvidos aos cofres públicos.

    Devo informar, se não tiver providência, para conter esses fatos criminosos instaurado pelo CNJ, pode considerar, que a decisão do Ministro corregedor Nacional, JOÃO OTAVIO DE NORONHA, de janeiro de 2017, em que foi autorizado o pagamento de R$ 29.593,08, a Juíza “GRACIENE PAULINE MAZETO DA COSTA”, referente a diferenças de substituição de entrância, foi OMISSA e CRIMINOSA, pois esse privilégio dado a Juíza, pelo Corregedor, foi uma forma, de pôr um “CALA BOCA NA JUIZA”, para ela não relatar os PEDIDOS DO RECLAMANTE AUREO MARCOS RODRIGUES, requerido em sala de audiência nos termos do artigo 40 do CPP, pois a decisão (PP. 0005855-96.2014) é específica e não é extensiva a outros casos.

    Devo informar, que o TERMO DE INTERROGATÓRIO, prestado pela RECLAMANTE AUREO MARCOS RODRIGUES, no Processo código “184771”, na data de 28 de julho de 2015 na sala de audiência da 2ª Vara Criminal da Comarca de Cáceres/MT, PROVA, que a Juíza GRACIENE PAULINE MAZETO DA COSTA, ouviu todos os fatos criminosos narrados pelo RECLAMANTE, onde foram requeridas providências nos TERMOS do artigo 40 do CPP.

    Devo informar, que durante o interrogatório do RECLAMANTE AUREO MARCOS RODRIGUES, o mesmo afirma perante a Juíza GRACIENE PAULINE MAZETO DA COSTA , que ele foi o responsável da DENÚNCIA, que deu início a “OPERAÇÃO ARARATH”, pois o RECLAMANTE, fez inúmeros PEDIDO DE PROVIDÊNCIA, perante a Policia Federal, e na data de 14 de novembro de 2013, dois AGENTES DA POLICIA FEDERAL de CACERES, estiveram na propriedade do RECLAMANTE, e solicitou que o RECLAMANTE, percorresse a SERVIDÃO DE PASSAGEM, que dá acesso a propriedade do Traficante APARECIDO RODRIGUES e outros AUTOR do feito código 30799/2011, 52869/2013, onde os AGENTES, tiraram as coordenadas com GPS, que prova a existência de outra SERVIDÃO DE PASSAGEM, que deu início ao inquérito da OPERAÇÃO ARARATH.

    Devo informa, que bater de frente com qualquer desses atores do Direito é ser perseguido por década, veja o caso do RECLAMANTE ÁUREO MARCOS RODRIGUES, que impetrou EXCEÇÃO DE SUSPEIÇÃO em desfavor do Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso, através do PJE, sob o nº 1003594-66.2016.8.11.0000, 1003576-45.2016.8.11.0000 e 1008885-13.2017.8.11.0000, com objetivo de livrar de ser ASSASINADO dentro de sua própria CASA.

    Devo informar que a Douta Desembargadora Maria Helena G. Póvoas, disse através do EMBARGO DE DECLARAÇÃO sob o n. 176471/2015, que a competência para apurar os fatos são dos ORGÃOS CORRECIONAIS, veja as palavras da Desembargadora.

    “(…) outrossim, quanto à conduta das autoridades mencionadas no arrazoado, pode o excipiente acionar os respectivos órgãos correcionais, providência para qual não necessita do intermédio desta Relatora(…).

    Devo informar, que a Douta Desembargadora Maria Helena G. Póvoas, reconheceu ser “SUSPEITA”, para julgar o EMBARGO DE DECLARAÇÃO sob o n. 118706/2017, pois o Juiz CLAUDIO DEODATO, não prestou as informações sobre o oficio n. 163/2017, de 29/09/2017, como AGRAVADO e os autos foram conclusos, e a Relatora deu como SUSPEITA, nos termos do artigo 145 § 1º do NCPC. (prova ver site do TJ-MT).

    Portanto gostaria que a acessa-se o site da página olhar jurídico com o tema: “JUIZ CONSEGUE NA JUSTIÇA BLOQUEIO DE VIDEOS QUE O ACUSAM DE VENDA DE SENTENÇA”, ou acesse a página do ENOCK, com o tema: JUÍZA EDLEUZA ZORGETTI MANDA RETIRAR VÍDEOS CONTRA JUIZ CAJANGO, para a “ as AUTORIDADES e a SOCIEDADE BRASILEIRA”, ver na área de comentário os fatos criminosos narrados nos últimos PEDIDOS DE PROVIDÊNCIAS, feitos publicamente ao Procurador Geral “RODRIGO JANOT e ao Ministro Corregedor JOÃO OTAVIO DE NORONHA, para as Autoridades Competentes Fiscalizadoras, tomar as providências nos termos do artigo 40 do CPP e artigo 129 inciso I e artigo 144 inciso I, todos da Constituição Federal, para o caso não ficar igual da deputada Marielle Franco, o do Juiz Leopoldino Marques do Amaral.

    Devo informar que esse é um pedido de “SOCORRO” para a PRESIDENTE do CNJ, “CARMEM LUCIA” e para o Ministro Corregedor Nacional “JOÃO OTAVIO DE NORONHA” e para os demais Conselheiros do CNJ, nas RECLAMAÇÕES DISCIPLINARES sob. o nº. 000627.87-2007, 0002877-54.2011, 0003921-74.2012, 0005308-72.2012, 0002894-22.2013, 0005819-88.2013, 0005805-07.2013, 0002227-02.2014, 0005456-67.2014, 0004098-72.2011.2.00.0000, 0006795-56.2017.2.00.0000, 0000125-65.2018.2.00.0000, 0000127-35.2018.2.00.0000, 0000128-20.2018.2.00.0000 e 0000992-58.2018.2.00.0000, em tramite junto o CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA. (prova ver processo no site do CNJ).

    Devo informar, que esse é um pedido de SOCORRO, para a PROCURADORA GERAL DA PROCURADORIA DO MINISTERIO PÚBLICO FEDERAL, “RAQUEL DOGE” na Notícia-crime sob o PGR-00069940/2018, composta de 221 folhas, que foi enviado na data de 19/02/018, via correios através da AR. DY 245.887.820BR, e um pedido de SOCORRO, na Notícia-crime sob o n. 20180025612/2018 e na Notícia -crime sob o n. 20180053167, que podem ser acessadas no PORTAL DE TRANSPARÊNCIA DO MPF.

    Devo informar, que esse é um PEDIDO DE SOCORRO ao “CONGRESSO NACIONAL”, para os SENADORES, abrir uma “CPI”, para apurar as IRREGURALIDADES, e pôr na CADEIA as Autoridades corruptas, que teve acesso aos fatos e as provas dos autos como Relator, e prevaricou no cumprimento do seu dever funcional, determinando o arquivamento dos feitos para favorecer GRUPO DE BANDIDO, pois não tem ninguém acima das Leis desse País e todos devem responder pelos seus CRIMES.

    PEDE e ESPERA AS PROVIDÊNCIAS. 08/05/2018. AUREO MARCOS RODRIGUES. Denunciante.

  2. Botelho Pinto disse:

    Para os coxinhas o importante é que a recessão está acabando. Eles não entendem que foram os políticos corruptos mesmos que provocaram a recessão apenas para tomar o poder.

  3. Geddel disse:

    OOOOLHA A PIZZA AÍÍÍÍÍ GEEENTEEE !!!!!!!

    • MB disse:

      Está sendo instalada na PGR uma grande pizzaria. Sugiro batizar com esse nome: PizzariaTemer-Geddel.

  4. Pato amarelo disse:

    Essa encenação toda chega a dar nojo.

  5. Arthur disse:

    CENAS DE REALISMO FANTÁSTICO NO BRASIL

    Quadrilhão no poder, Geddel com medo de estupro, moralistas calados, panelas silenciosas, Blairo Maggi mantido ministro, o golpe revelado por Janot, Gilmar gravado por Joesley… e as instituições que funcionam plenamente no Bananão; Macondo não é páreo para o realismo fantástico da política brasileira, diz o jornalista Leonardo Attuch.
    A SANGRIA ESTÁ SENDO ESTANCADA"

    • Teobaldo disse:

      Interessante nisso tudo é que Joesley, cria de Lula e alimentado por Dilma não tem 01 gravação do condenado e sua sucessora. Os dois foram os maiores avalistas da distribuição de recursos públicos as empresas da JBS. Sem esquecer que Joesley foi cabo eleitoral de Fachin na vaga para o STF e Janot teve seu assessor direto deslocado para ser advogado dos irmãos Batista.
      Aliás Joesley não tem nada contra Lula, apenas contra Temer.
      Se Temer for corrupto, que seja investigado e processado, se existirem provas, que venha a condenação.
      Quem tem corrupto condenado de estimação é o PT.
      Quem apoia corrupto é o PT

    • Comedor de Coxinha disse:

      Teobaldo, q é do Ceará, nao tem vergonha de ter colocado no governo bandidos com estirpe.
      Teobaldo, provas contra o seu bandido de estimação TEMER e tb seu candidato a governo, ARCIO, EXISTEM, diferente de Lula. Entendeu ou Quer q eu desenhe?

  6. Sandra disse:

    Operação abafa

  7. Heineken disse:

    Bla Blá Blá……

Conheça as 15 medidas anunciadas pelo novo presidente do TJRN em seu discurso de posse

O desembargador Expedito Ferreira de Souza assumiu a Presidência do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte para o biênio 2017-2018 na última quinta-feira (5) elegendo o lema “Valorização e Produtividade” como eixo principal de sua gestão. Durante seu discurso de posse, o novo presidente do TJRN elencou 15 medidas que serão perseguidas com o objetivo de melhorar a prestação de serviço da Justiça Estadual potiguar. Para isto, Expedito Ferreira destacou a importância de magistrados e servidores para “a construção de uma gestão participativa, criativa e inovadora”, que preste o serviço que os cidadãos esperam e precisam do Judiciário do RN, com celeridade e maior quantidade de julgamentos. Confira abaixo as medidas anunciadas pelo desembargador presidente.

Principais projetos na área de Produtividade:

1. Formação de comissão especial para, no prazo de 90 dias, apresentar minuta do projeto da Nova Lei de Organização Judiciária. Objetivo é traçar uma divisão racional e coerente de competências e estrutura funcional.

2. Implementação de toda política de priorização do primeiro grau, em observância às diretrizes do Conselho Nacional de Justiça.

3. Formação de comissão para apresentar, no prazo de 60 dias, alternativas para o redimensionamento da força de trabalho entre os mais diversos órgãos componentes da Justiça de primeiro grau. Objetivo é enfrentar o problema crônico do equilíbrio entre os recursos humanos disponíveis e as necessidades de cada área judicial, segundo sua competência específica, para uma boa e adequada prestação de serviço, com um número cada vez maior de julgamentos.

4. Formação de comissão para apresentar, no prazo de 60 dias, projeto de resolução destinado à implantação de secretarias judiciais integradas para o processamento de demandas distribuídas às diversas varas judiciárias de mesma competência.

5. Instituição de grupos de trabalho para o fortalecimento da atividade dos magistrados, cuja finalidade será o incremento de uma atuação cooperativa entre juízes, visando aumentar o quantitativo de atos judiciais decisórios, como despachos, decisões e especialmente sentenças.

6. Estruturação de serviço de contadoria judicial, com o qual será possível arquivar processos julgados em menor espaço de tempo.

7. Adoção de modelo de governança diferenciada para as execuções fiscais. Objetiva agilizar a tramitação dos processos desde o início, e poderá resultar em aumento significativo de recursos devidos, por contribuintes inadimplentes, ao Estado.

8. Dotar as unidades judiciárias e administrativas de toda a infraestrutura necessária ao funcionamento regular de suas atividades.

9. Implantação do serviço de informações processuais, vinculado à Secretaria Judiciária do Tribunal de Justiça, à direção do Foro e à Coordenação dos Juizados Especiais. Objetiva assegurar mais rapidez no acesso à informação e maior funcionalidade aos serviços das secretarias judiciais.

10. Implantação do núcleo de governança estratégica, para que servidores e magistrados possam apresentar suas ideias e, caso estejam alinhadas às metas e objetivos estratégicos da gestão e do Conselho Nacional de Justiça, venham a se transformar em projetos institucionais, contribuindo para o aperfeiçoamento das ações do Poder Judiciário do Rio Grande do Norte.

11. Instituição do projeto “Residência em Tecnologia da Informação com ênfase jurídica”, em parceria com o Instituto Metrópole Digital da UFRN. Seguindo modelo exitoso da Residência Judicial, tem o objetivo de trazer para o Poder Judiciário conhecimento na área de TI, criando canais de atuação interdisciplinar que contribuam para a qualificação efetiva dos serviços judiciários.

Ações para a valorização de magistrados e servidores:

1. Constituição de comissão para apresentação, no prazo de 60 dias, de minuta de Projeto de Lei com previsão de data base para reajuste dos servidores do Poder Judiciário do Rio Grande do Norte.

2. Desenvolvimento de estudos técnicos pela mesma comissão para a elaboração, em 60 dias, de projeto destinado à reformulação do Plano de Cargos e Salários dos Servidores da Justiça Estadual.

3. Formação de comissão destinada à elaboração de proposta de resolução voltada à instituição do “Prêmio por Produtividade”, individual e coletivo, a ser concedido, respectivamente, aos servidores e às unidades jurisdicionais de maior engajamento na execução das atividades que lhes são atribuídas.

4. Implantação do Sistema Integrado de Gestão da Justiça. O dispositivo irá integrar as atividades administrativas a serem executadas e compreenderá a gestão de orçamento, pessoas, patrimônio, compras, interligando os diversos setores da administração, para atuação em bloco.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Josué Ribeiro dos Santos disse:

    Que realmente venham dias melhores para melhorar o nosso judiciário.

  2. Joana disse:

    Kkkkk
    O povo pensando que vinha um realista para acabar a farra e aí vem é um defensor de regalias….
    A justiça estadual paga mais que a federal e ainda tem um auxílio moradia de 5mil e auxílio alimentação de de 1.600, isso tem que acabar

  3. Paulor disse:

    Pelo amor de Deus, porque ele não falou em acabar com esses fubiterfugios absurdos como o auxílio moradia,vale refeição etc…

  4. Brasileiro disse:

    Esse o negócio é gastar !!!!
    Na justiça estadual o problema não é salário é ma vontade …entre na justiça federal e sentirão a diferença de atendimento..com educação dós servidores ,mas na estadual ,só falta te baterem,em toda a sala ,em toda secretaria existe um cartaz enorme ..se desacatar funcionário no exercício da função …..bla bla bla ,traduzindo eles são mal educados e preferem colocar um cartaz

  5. Roberto disse:

    Volta Dr. Cláudio Santos! Futuro governador.

  6. sementender disse:

    E o concurso? é melhor fazer parceria com a UFRN?

  7. Helio Motta disse:

    Nem bem esquentou a cadeira e já está prometendo data base para aumento de salário para os marajás?
    Fazem concurso para 1ª grau, depois de malabarismos legais conseguem aumento para ganhar 15, 20 mil reais, e ainda querem mais?!?!?!?
    Trabalhar e prestar um serviço acima do nível mínimo, nada né?
    O Judiciário vive em um universo paralelo mesmo… só pode.

  8. Luiz Fernando disse:

    Espero que faça os "Deuses" trabalharem.