Justiça Federal do RN condena designer gráfico por distribuir cenas de pornografia infantil

Foto: Reprodução

O designer gráfico Edson Mascena Júnior foi condenado pela Justiça Federal no Rio Grande do Norte pelo crime de adquirir e difundir imagens de pornografia infantil. A perícia encontrou 22.747 arquivos de imagem nos arquivos ativos. O conteúdo trazia, inclusive, imagens de crianças nuas e até em posições completamente devassadas.

A sentença impôs pena de 3 anos e 5 meses e 25 dias de reclusão, que foi convertida em restritiva de direito, com prestação à comunidade por igual período e a prestação pecuniária no valor de R$ 3.000,00. Além disso, ele pagará 10 dias-multa com cada dia-multa equivalendo a meio salário mínimo.

O portal Justiça Potiguar detalha aqui.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luanacruz disse:

    Pena bizarra de uma legislação ultrapassada

  2. Raimundo disse:

    Isso é uma pena para pedófilos?
    É uma piada né?

    • Cidadão Indignado disse:

      Essa pena é a que prevê o CPP – Código de Processo Penal; simples assim. Essa legislação medíocre é que tem que ser alterada. O magistrado somente aplica a lei.

    • Bruno Lira disse:

      Concordo plenamente, Cidadão Indignado!