Tunai e Quarteto Linha no Projeto Seis e Meia

José Luiz Pederneiras © 2011Tunai é a atração do Projeto Seis e Meia desta terça-feira, dia 26 de Maio. Com mais de 30 anos de carreira, músicas como “As aparências enganam”, “Olhos do coração”, “Eternamente”, “Certas canções”, “Rádio experiência”, “Sintonia”, “Sobrou pra mim”, “Meu amor” e “Frisson” marcaram sua história, seja pela sua voz ou de cantores renomados, como Elis Regina, Fafá de Belém e Ivete Sangalo. A atração local fica por conta do Quarteto Linha, que abre a noite às 18h30 no Teatro Alberto Maranhão. Ingressos disponíveis na bilheteria do Teatro.

Cantor e compositor, Tunai tem no DNA a musicalidade. Irmão do também cantor e compositor João Bosco, chamou atenção em um festival da Escola Nossa Senhora das Dores, cantando bossa nova aos 11 anos e iniciou sua carreira no quarteto de Ouro Preto (Paulinho, Zé Andrade e Nilberto, assim como o João, todos estudantes de Engenharia) e Tunai no baixo, instrumento que adotou quando tocava no “Mafra Filho e seu Conjunto” que animava as domingueiras dançantes no Pontenovense Futebol Clube, substituindo o então baixista titular, Jair, que trabalhava no Banco do Brasil e fora transferido da cidade. Do Mafra Filho cujo repertório era Bossa Nova, Jazz, Foxtrote, Bolero, Samba etc, nasceu o JBS (Jovem Brasa), com muito Beatles, Rolling Stones, sucessos da Jovem Guarda, muito Rock e Blues. Em 1977, João Bosco o apresentou ao letrista Sergio Natureza, com quem viria mais tarde a produzir boa parte de sua obra e seus maiores sucessos. Desde então, parcerias importantes marcaram a sua vida e obra, com canções aclamadas nas vozes de grandes cantores do país.

Tânia Alves e Dodora Cardoso no projeto Seis e Meia

Instagram Tânia Alves e Dodora Cardoso (1)Há mais de 30 anos, Tânia Alves fazia história na televisão protagonizando a primeira minissérie da Rede Globo, Lampião (Nelson Xavier) e Maria Bonita (Tânia). Hoje, a atriz dedica seu talento também em shows de música cantando principalmente bossas e boleros. Nesta terça-feira, ela será a atração principal do Projeto Seis e Meia. O show de abertura fica por conta de Dodora Cardoso, a partir das 18h30, no Teatro Alberto Maranhão.

INGRESSOS PROJETO SEIS E MEIA

Tânia Alves e Dodora Cardoso

Local: Teatro Alberto Maranhão

Valor: R$ 50,00 (inteira) e R$ 25,00 (meia)

Telefone: (84) 3211-7196, (84) 3232-9704

Tânia Alves e Dodora Cardoso no projeto Seis e Meia nesta terça

Instagram Tânia Alves e Dodora CardosoHá mais de 30 anos, Tânia Alves fazia história na televisão protagonizando a primeira minissérie da Rede Globo, Lampião (Nelson Xavier) e Maria Bonita (Tânia). Hoje, a atriz dedica seu talento também em shows de música cantando principalmente bossas e boleros. Nesta terça-feira, ela será a atração principal do Projeto Seis e Meia. O show de abertura fica por conta de Dodora Cardoso, a partir das 18h30, no Teatro Alberto Maranhão.

Projeto Seis e Meia será retomado em março no TAM

As cantoras Rita Ribeiro e Khrystal serão as grandes atrações da volta do Projeto Seis e Meia, neste ano de 2015, dia 31 de março, no palco do Teatro Alberto Maranhão. Outras  atrações locais e nacionais estão sendo cotadas para dar continuidade ao projeto que continuará com o mesmo formato, sendo realizado duas terças-feiras por mês, com ingressos a preços populares e buscando valorizar o melhor da Música Popular Brasileira da nova e da antiga geração.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lígia disse:

    Que notícia boa! Adoro este projeto.

Falta de interesse adia licitação para o Projeto Seis & Meia

A licitação aberta pela Fundação José Augusto para empresas e produtores culturais interessados em assumir a realização do Projeto Seis e Meia foi adiada para o próximo dia 27 de junho. A previsão era receber propostas até ontem, mas apenas uma empresa enviou proposta para o setor de licitações da FJA para participar do pregão presencial.

De acordo com o edital publicado, R$ 400 mil estão em jogo: R$ 300 mil para shows nacionais e locais do Seis e Meia em Natal e Mossoró, mais R$ 100 mil para apresentações musicais  durante o mês de agosto, período que o Governo Estadual pretende realizar grande evento alusivo às comemorações do Dia Mundial do Folclore para transformar Natal na capital mundial da cultura popular.

“Vamos seguir o que determina a legislação, e republicar o edital para novo pregão presencial daqui a, no mínimo, oito dias úteis”, adiantou Rômulo Robson, do setor de licitações da Fundação. “Como temos as festas de São João nesse período, a nova data deve ficar para o próximo dia 27 de junho”, disse. Rômulo não informou o nome do único proponente que entregou proposta para realizar o Seis e Meia nos próximos oito meses.

Será muito difícil aparecer outra empresa, essa verba não tem condições de se manter o Seis & Meia num nível que ele merece.

Projeto Seis e Meia de Volta

A Presidenta da Fundação José Augusto anunciou hoje a volta do Projeto Seis e Meia.

Será uma apresentação por mês, tanto em Natal quanto em Mossoró.

“Não temos orçamento para abrigar mais de um, até porque estamos pagando os débitos da gestão passada com o Seis & Meia.” Disse Isaura Rosado.

Nesse novo formato, Isaura ainda disse que quer privilegiar a qualidade com grandes nomes da MPB e, de revelações novas ao invés de ter quantidade com nomes comuns.