Prefeitura do Natal abre processo seletivo para professores do ProJovem Urbano

Foto: Manoel Barbosa

A Prefeitura do Natal divulgou no Diário Oficial do Município dessa segunda-feira (04) o Edital Nº 01/2019, que trata do Processo de Seleção Simplificado para Contratação Temporária, a fim de integrar o Cadastro de Reserva de Professores, para atuação no Programa Nacional de Inclusão de Jovens – ProJovem Urbano. A processo seletivo é conduzido pela Comissão Permanente de Concurso Público da Secretaria Municipal de Educação (COMPEC-SME)

O Processo Seletivo se dará através de análise curricular, de caráter eliminatório e classificatório, para as disciplinas de Língua Portuguesa, Matemática e Língua Inglesa. Poderão participar da seleção os candidatos com idade mínima de 18 (dezoito) anos na data da contratação e com habilitação específica para o cargo selecionado. Vale ressaltar que será reservado um percentual de 5% das vagas para pessoas com deficiência.

A remuneração é de R$ 1.907,00 para os professores aprovados, que irão cumprir a carga horário de 30h semanais, distribuídas de segunda à sexta-feira, no período noturno, das 18h às 22h, e aos sábados, nos turnos matutino e/ou vespertino.

Os profissionais selecionados atuarão como educador de Ensino Fundamental, ministrando aulas dos componentes curriculares, utilizando material fornecido pelo ProJovem Urbano.

A inscrição será realizada pela internet, do dia 04 ao dia 11 de fevereiro de 2019, e efetivada mediante pagamento de taxa de R$ 60,00 (sessenta reais). O candidato precisa ter habilitação em nível superior – licenciatura plena – em Letras Língua Portuguesa, Língua Inglesa e em Matemática; certificado em curso de conhecimentos básicos de informática; e experiência profissional no Ensino Fundamental, na Educação de Jovens e Adultos ou no ProJovem de, pelo menos, um ano, a partir de 2008.

A inscrição deverá ser efetivada, no período de 05 a 12 de fevereiro de 2019, das 8h às 13h, na sala da COMPEC – sede da Secretaria Municipal de Educação, sala 509, Rua Fabrício Pedroza, 915, Areia Preta, Natal/RN. Para isto, o candidato precisa entregar a seguinte documentação: formulário de inscrição; boleto bancário e comprovante de pagamento; foto 3X4; original e cópia do RG e CPF; certidão de quitação eleitoral, emitida pelo TSE; original e cópia da quitação do serviço militar, para candidatos do sexo masculino; original e cópia de diplomas e certificados; e, para pessoa com deficiência, laudo médico que comprove sua condição.

O resultado parcial será publicado no DOM, no dia 14 de fevereiro de 2019, e o resultado final, no dia 20 de fevereiro de 2019. O concurso será homologado pela SME após a publicação do resultado final. O Processo Seletivo terá validade de janeiro/2019 a janeiro/2020. Para ter acesso ao edital, o formulário de inscrição e o boleto bancário, estarão disponíveis na página da Prefeitura Municipal do Natal, no site: www.natal.rn.gov.br/sme/.

 

Inscrição para professores temporários do Projovem Urbano começa na sexta-feira

A Secretaria Municipal de Educação (SME), por meio da Comissão Permanente de Concurso Público (COMPEC), informa que as inscrições para o Processo Seletivo Simplificado de contratação temporária de professores para atuarem no Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem Urbano), em Natal nas disciplinas de Língua Inglesa, Ciências Humanas e educadores de qualificação profissional em Telemática terá inicio nesta sexta-feira, 27 de março até o dia 01 de abril.

O Edital, o formulário de inscrição e o boleto bancário para pagamento da taxa estarão disponíveis na internet, na página da Prefeitura Municipal do Natal, www.natal.rn.gov.br. As inscrições serão efetivadas até o dia 01 de abril, das 08h ao meio-dia e das 14h às 17h, na COMPEC, sala 409, localizada no 4º piso da Secretaria Municipal de Educação, rua Fabrício Pedrosa, 915, Areia Preta.

O procedimento para as inscrições obedecerá as seguintes etapas: preenchimento do formulário de inscrição e impressão do boleto bancário, acessando a página da Prefeitura Municipal do Natal -www.natal.rn.gov.br/sme; pagamento da taxa de inscrição, em qualquer agência do Banco do Brasil, até meia-noite do dia 01 de abril.

Após pagamento da taxa de inscrição, entregar o comprovante na COMPEC, até o meio dia de segunda-feira, dia 06 de abril, em envelope tamanho ofício, junto com os documentos informados no edital, com exceções do comprovante de pagamento, ficha de inscrição, foto, os demais documentos precisam de apresentação de cópias e originais.

O seletivo abre vagas para professores de Língua Inglesa, professores de Ciências Humanas, educadores de qualificação profissional em Telemática.

A solicitação de isenção de taxa de inscrição deve ser feita na sala da COMPEC, sala 409, localizada no 4º piso da Secretaria Municipal de Educação, nos dia 27 a 30 de março, no horário das 8h ao meio dia.

Projovem Urbano está com matrículas abertas; estudantes receberão bolsa

A Secretaria Municipal de Educação (SME) informa que estão abertas as matrículas para o Projovem Urbano. Para se inscrever no Programa, o jovem precisa ter a idade entre 18 e 29 anos, saber ler e escrever e não ter concluído o Ensino Fundamental. O prazo de inscrição vai até o dia 31 de outubro. Os estudantes do Programa vão receber mensalmente, um auxílio financeiro (bolsa) no valor de R$ 100,00 (cem reais). As aulas estão previstas para começar no dia 17 de novembro.

De acordo com a coordenadora do Projovem Urbano, Luzineide Martins Costa Moraes, o objetivo do programa é promover a inclusão social dos jovens brasileiros de 18 a 29 anos que, apesar de alfabetizados, não concluíram o Ensino Fundamental, assim elevando o grau de escolaridade e buscando a reinserção na escola e no mundo do trabalho, de modo a propiciar oportunidades de desenvolvimento humano e exercício efetivo da cidadania.

Os jovens que se inscreverem no Projovem Urbano edição 2014 – 2016 concluirão o Ensino Fundamental em apenas 18 meses (1 ano e seis meses). Para as matrículas serão necessários os seguintes documentos: Carteira de Identidade (original e cópia); CPF (original e cópia); Comprovante de residência (original e cópia); Histórico Escolar. Caso o aluno não disponha deste último documento ele pode realizar um teste de proficiência sobre leitura e escrita que vai ser apresentado a ele, no ato da matrícula.

Para receber o auxílio financeiro (bolsa) no valor de R$ 100,00 (cem reais), os estudantes precisam atender algumas condicionalidades que são: cumprir frequência de 75% da carga horária exigida pelo Programa. E cumprir também com 75% dos trabalhos escolares exigidos pelos professores/educadores.

As matrículas serão realizadas na escola/núcleo onde o jovem irá estudar, ou seja, o interessado tem como escolher entre o núcleo próximo a sua residência ou próximo ao local de trabalho. As aulas e as matrículas dos jovens serão realizadas no turno noturno, nas seguintes escolas:

locais de inscrição