VÍDEO: Parede Barragem Passagem das Traíras, na Região do Seridó, pode ser arrancada com as mãos

As atenções sobre as barragens foram intensificadas em todo o Brasil depois da tragédia Brumadinho, em Minas Gerais. No Rio Grande do Norte, cinco estruturas estão comprometidas e apresentam graves problemas, uma delas é a Barragem Passagem das Traíras, uma das mais importantes do Estado e está localizada na Bacia do Rio Piranha-Assu, na fronteira dos municípios de São José do Seridó, Jardim do Seridó e Caicó. O vídeo de um morador da região já circula nas redes sociais e chama a atenção para a instabilidade do “concreto”. Conforme imagens feitas por Alcino Inácio, é possível perceber a facilidade que a parede tem em cair e se desfazer.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. caicó disse:

    obra mau feita e mau fiscalizada

  2. disse:

    A barragem tem 24 anos, não 14. Tudo com o tempo vai se fragilizando… Querendo ou não é a lei da natureza, é ridículo culpar o governador que a construiu, o problema é que como qualquer contrução ela necessita de manutenção, então, ao invés de culpar o gestor que a realizou… Culpe quem não efetuou as manutenções preventivas!

  3. Luciana Morais Gama disse:

    Cadê o IDEMA e o IBAMA??

  4. Serginho Lisboa disse:

    Se foi feita em 95 não tem 14 anos. Ou então esse video foi feito em 2009. Não entendi.

  5. Fernando disse:

    VIXE, foi feita com cuspe!!
    Kd a secretaria que fiscalizou essa bela obra?

Polícia deflagra Operação Pecado Original na região do Seridó e prende 34 integrantes de facção criminosa

Uma investigação conduzida pela Delegacia de Polícia Civil de Caicó resultou na deflagração da Operação Pecado Original com o intuito de prender integrantes de uma facção criminosa, na manhã desta sexta-feira (23), em diversas cidades da região do Seridó. Durante a Operação, que teve a coordenação da Diretoria de Polícia Civil do Interior (DPCIN) e o apoio de outras equipes da Polícia Civil e da Polícia Militar, foram efetivadas as prisões de 34 investigados, mediante o cumprimento de mandados de prisão temporária e preventiva. Um adolescente também foi apreendido. Entre os 34 presos, 11 são mulheres e 23 são homens.

Das 34 prisões efetivadas, 12 delas foram cumpridas mediante mandados judiciais em desfavor de criminosos que já estavam detidos no sistema penitenciário. Durante a Operação, foram apreendidas armas, drogas e dinheiro. “A Operação Pecado Original foi bastante exitosa e com certeza teremos uma redução nos índices de criminalidade nas cidades desta região”, destacou a delegada-geral da Polícia Civil, Adriana Shirley.

O objetivo da Operação foi prender criminosos que são membros de uma facção que atua no Estado, os quais estavam praticando crimes como tráfico de drogas, roubo e até homicídios. A ação foi batizada com o nome de Pecado Original em referência ao apelido do líder da facção criminosa e também a forma como ele aliciava pessoas a ingressarem no crime.

A Operação foi efetivada nas cidades de Jardim de Piranhas, Serra Negra do Norte, Caicó, Jucurutu, Jardim do Seridó e Itajá. Também foram cumpridos mandados judiciais na cidade de Campina Grande, no Estado da Paraíba. As investigações revelaram que havia uma grande conexão de ações entre as cidades de Caicó e Jardim de Piranhas.

A Operação também contou com a coordenação dos delegados Leonardo Germano e Ricardo Brito da Polícia Civil de Caicó, em conjunto com o comandante da 5ª Companhia Independente de Polícia Militar (5ª CIPM), Major Aderlan. A ação contou com o trabalho do serviço de inteligência da 3°DRP, de equipes de delegacias de todo o Estado e equipes da Polícia Militar, especialmente as equipes da 5°CIPM.

Listagem dos presos na Operação:

1 – Flavio Ferreira de Carvalho Junior

2 – Fernando Dutra da Silva

3 – Eliedson Bezerra Dutra

4 – Ricardo Domingos dos Santos

5 – Renato Domingos dos Santos

6 – Gabriel Medeiros da Silva

7 – Jonatan de Oliveira Bezerra

8 – Tiago Dheivid Alves de Araújo

9 – Ana Carolina Silva

10 – Wellington Belo de Araújo

11 – Diego Darlison dos Santos Silva

12 – Michel Franklin Ferreira

13 – Joenio de Araújo Fernandes

14 – Necifran Costa Santos

15 – Edson Lopes da Silva

16 – José Carlos Pereira de Melo

17 – José Elton Bezerra

18 – Ardiles Medeiros Dutra

19 – Anderson de Paiva Silva

20 – Joana Vilma Nogueira

21 – Joalina Paulina da Silva

22 – Alcileide Munize de Oliveira Silva

23 – Carlindo da Silva

24 – Washington Luiz de Oliveira

25 – Ailton Medeiros dos Santos

26 – Aline Fernandes de Sousa

27 – Aline Muriele Lima

28 – Daliane Raysila Vieira Dantas

29 – Fabio de Oliveira Barbosa

30 – Julio Santos Correia

31 – Pamela Ramos da Silva

32 – Raiane Silva de Oliveira

33 – Monica do Nascimento Souza

34 – Leonara Santos de Oliveira

 

Operação Áries prende 28 suspeitos por tráfico de drogas na região de Currais Novos

operacao policia civilFoto: 190 RN

A Delegacia de Polícia Civil de Currais Novos, em parceria com a Polícia Militar, deflagrou a Operação Áries, nas primeiras horas da manhã desta terça-feira (17), com o objetivo de prender suspeitos que realizavam o crime de tráfico de drogas na região.

A ação policial, que é resultado de sete meses de investigação, prendeu 28 pessoas, sendo 11 mulheres e 17 homens, e apreendeu três adolescentes. Eles foram detidos em cumprimento a mandados de prisão preventiva, nas cidades de Acari, Caicó, Currais Novos e São Vicente.

A “Áries” contou com o trabalho de 150 policiais civis, que fazem parte do efetivo das 10 Delegacias Regionais de Polícia Civil e da Divisão de Combate ao Crime Organizado (Deicor), Delegacia de Capturas e Polinter (Decap) e da 4ª. Delegacia de Polícia de Natal, e de 90 policiais militares da capital e do interior, incluindo homens do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE). O helicóptero Potiguar 1, da Secretaria de Segurança e Defesa Social (Sesed), deu apoio durante toda a Operação.

As investigações da Operação Áries, que é uma alusão a coragem, força, determinação, começaram em abril deste ano e foram conduzidas pelo delegado Antônio Pinto e pelo delegado Paulo Ferreira. Além das prisões efetuadas nesta terça-feira (17), a Polícia Civil conseguiu prender durante os meses de investigação 32 suspeitos em flagrante.

 

Casal é feito refém e agredido por criminosos na região do Seridó

Um casal passou por momentos de terror nas mãos de assaltantes no distrito de Toró de Baixo, localizado a dois quilômetros do Município de Currais Novos na região do Seridó. O fato aconteceu por volta das 20h dessa terça(10), quando três homens invadiram a chácara de um morador para realizar um assalto.

No local estavam o proprietário e sua esposa. Eles foram rendidos pelo trio armado que chegou a agredir o casal com socos e coronhadas. Segundo as vitimas, eles levaram objetos da residência e uma quantia em dinheiro que não foi informada.

A Polícia Militar (PM) já identificou um dos autores do crime, que é um menor de idade que é acusado de vários delitos nas redondezas. As vítimas foram atendidas no Hospital Regional de Currais Novos e não correm perigo de morte.

A Polícia Militar segue em diligências para prender os suspeitos do crime, mas até o fechamento desta matéria ninguém foi preso.

190 RN, com informações do Blog do Edmilson Souza

http://190rn.com/casal-e-feito-refem-e-agredido-por-criminosos-na-regiao-do-serido/