Política

Temer condiciona ajuda financeira ao RN à aprovação de projeto fiscal na AL

por Dinarte Assunção

Em reunião com a bancada federal do Rio Grande do Norte nesta terça-feira (16), em Brasília, o presidente Michel Temer e sua equipe econômica sinalizaram todas as medidas que estão ao alcance da União para socorrer o Estado, mas condicionaram a ajuda à aprovação do ajuste fiscal que está em tramitação na Assembleia Legislativa.

“O governo federal já sabe que o Estado tem a menor folha e custeio do Brasil, que não gastou errado, e que o problema é previdenciário. O governo federal nos vê como um case da previdência, um modelo que vai explodir em outras unidades da federação. Por isso, do que precisamos nesse momento? Da aprovação do ajuste enviado à Assembleia Legislativa para diminuir o rombo nas contas públicas”, explicou o deputado Fábio Faria.

O parlamentar lembrou que atualmente, o rombo nas contas públicas mensal é de R$ 108 milhões. A expectativa é que o projeto de revisão da alíquota previdenciária forneça o maior impacto sobre as contas. Se ele for aprovado, com a contribuição passando de 11% para 14%, em sintonia com as demais medidas, o rombo diminuirá em 50%

Com a aprovação das reformas, o governo federal se mobiliza, então, para aportar a ajuda através da contratação de crédito para despesas da folha de pessoal.

Opinião dos leitores

  1. Quem vai cobrir o rombo do RN são os servidores que em.nenhum momento contribuíram para o caos financeiro que se instalou no RN.

  2. Diminuir os cargos da AL, TJ, e outros órgãos nem fala. Cortar os altos salários que estão acima do teto também não. Tem jeito não. Só um golpe militar mesmo.

    1. Concordo em gênero, número e grau. E, fechar às assembleias e o congresso Nacional.

  3. NÃO DEVERIA REPASSAR O DUODÉCIMO PARA O TJ. LÁ SÓ TORRA PARA PAGAR AUXÍLIOS PARA JUIZ E COMISSIONADOS.

  4. É imoral um negócio desse.
    Retirar as mordomias de quem ganha rios de dinheiro nada.
    Mais uma vez a conta vai pra conta dos pobres coitados.

  5. Essa ajuda é um presente de grego, aí no final algum milionário vai fazer um bom negócio com a venda dos patrimônios. E os servidores, digam até logo nos direitos estatutários.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Quase metade das mulheres brasileiras já foi assediada em ruas, transporte e bares, diz estudo

Foto: Reprodução

Quem não conhece ao menos uma mulher que, em algum momento da vida, foi vítima de assédio? A grande maioria dos brasileiros teve contato com mulheres que se tornaram alvo de um toque físico indesejado, comentários maldosos, um olhar fixo que incomoda, entre tantas outras importunações desagradáveis.

De acordo com a pesquisa do Instituto Cidades Sustentáveis, divulgada na quarta-feira (10), 47% das mulheres brasileiras, o que corresponde a um total de 42.467.472 milhões, já sofreram assédio em ruas, transportes públicos, bares, ambiente de trabalho e até mesmo na própria casa.

O objetivo do estudo do Instituto Cidades Sustentáveis, realizado juntamente com o Ipec (Inteligência em Pesquisa e Consultoria), foi de verificar a percepção da população brasileira sobre as desigualdades no país. Com entrevistas realizadas entre 1º e 5 de abril deste ano, os dados representam uma mostra de todo o Brasil, com uma margem de erro de dois pontos percentuais.

R7

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Exército reclama de expulsão do TSE e desiste de fazer substituição

Foto: TSE/Divulgação

O Exército reclamou formalmente ontem da expulsão pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) do coronel Ricardo Sant’Anna da comissão das Forças Armadas que fazia trabalho de fiscalização das eleições, e desistiu de indicar um substituto.

O coronel foi desligado do grupo pela Corte após virem à tona mensagens de viés político e desinformação sobre as urnas eletrônicas publicadas em redes sociais.

Por meio de nota interna, o Exército queixou-se da forma como o TSE conduziu o caso, excluindo o oficial sem consultar o Comando-Geral nem o Ministério da Defesa. “Baseado em ‘apuração da imprensa’ e de forma unilateral, sem qualquer pedido de esclarecimento ou consulta ao Ministério da Defesa ou ao Exército Brasileiro, o TSE ‘descredenciou’ o militar. Dessa forma, o Exército não indicará substituto e continuará apoiando tecnicamente o MD (Ministério da Defesa) nos trabalhos julgados pertinentes”, diz o comunicado da Força Terrestre.

Agência Estado

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Televisão

VÍDEO: Âncora tem crise de riso após estagiária reclamar de salário

Foto: Reprodução

Um momento inusitado, causado por um desabafo sincerão, tomou conta do telejornal SP1, da Globo, nessa quarta-feira (10/8). Tudo aconteceu quando a estudante Yasmin afirmou que não teria um salário alto e que sua família estava mais feliz com o novo emprego do que ela.

A reportagem comentava sobre as novas vagas de estágio que as empresas de São Paulo disponibilizaram e Yasmin contou, de uma forma bem desanimada, sobre sua vivência no novo emprego.

Assista:

“A Yasmin que está aqui trabalhando, ela começou o estágio no dia primeiro. A chefe que está aqui atrás liberou a gente falar com ela. A Yasmin estava me dizendo que o salário que ela vai ganhar, vai ajudar no orçamento de casa”, disse a repórter.

“Sim, sim. É pouca coisa, porque nosso salário não é muito alto, mas ajuda bastante em uma situação como a nossa”, respondeu Yasmin. Quando questionada se sua família havia ficado feliz com o cargo, ela diz: “Sim, sim, mais felizes que eu, na verdade.”

Âncora do programa, Alan Severiano até tentou dar continuidade no telejornal e começou a ler uma nota de serviço sobre os trabalhos em navios, mas não conseguiu conter uma crise de riso.

Metrópoles

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Maior humilhação da vida, diz atriz pornô após PT excluir filiação

Foto: Reprodução/Rede Social

Ester Caroline Pessatto, conhecida como Tigresa Vip na indústria pornográfica, disse na terça-feira (9.ago.2022) que o PT excluiu sua candidatura à deputada estadual pelo Mato Grosso.

“A maior humilhação que eu já passei em toda minha vida foi quando o PT excluiu a minha filiação”, disse a atriz em um vídeo publicado no YouTube.

Pessatto afirmou que a anulação se deu por uma movimentação do presidente do PT no Mato Grosso, Valdir Barranco, e da deputada federal petista Rosa Neide.

Tigresa afirmou que a decisão irá influenciar na tentativa de reeleição de Neide, pois perderá votos de “garotas de programa” e das atrizes pornôs.

Em maio, Pessatto conseguiu uma liminar que obrigava o PT de Mato Grosso a filiá-la, mas, segundo ela, sua candidatura foi barrada novamente quando foram oficializadas as convenções partidárias no Estado.

Poder360

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Enrocamento da Praia de Ponta Negra aguarda licença ambiental

Foto: Reprodução

Projeto prometido para melhorar um dos principais cartões postais de Natal e do Rio Grande do Norte, o enrocamento de Ponta Negra e a engorda da praia ainda dependem de licenças ambientais.

A Licença-Prévia (LP) para o enrocamento tem vencimento nesta quinta-feira (11), mas segundo a Prefeitura do Natal, já foi alinhado com o Instituto do Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do RN (Idema) que o aditivo para obtenção de uma segunda licença, que possibilitará o início das obras. Esta etapa do projeto possui orçamento de R$ 23 milhões.

“Como o Idema pediu essa condicionante, tivemos uma reunião e alinhamos que não haverá problema quanto a essa licença prévia, até porque foi uma nova exigência do órgão”, aponta o titular da Secretaria de Infraestrutura de Natal (Seinfra), Carlson Gomes.

Tribuna do Norte

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Filha que deu golpe de R$ 725 mi pôs faca no pescoço da mãe e a deixava sem comida

Foto: Reprodução/redes sociais

Investigações conduzidas pela Polícia Civil do Rio de Janeiro (PCRJ) revelam detalhes sobre os abusos sofridos pela francesa Geneviève Boghici, de 82 anos. A idosa passou fome e chegou a ser ameaçada com faca no pescoço.

Ela foi vítima de um golpe aplicado pela própria filha, Sabine Boghici (foto em destaque), presa na manhã desta quarta-feira (10/8) na zona sul do Rio. O prejuízo atinge o montante de R$ 725 milhões em obras de arte, joias e dinheiro. O bando se passou por vidente para enganar a mulher.

Mantida em cárcere pela filha durante um certo período, a idosa conseguiu escapar no ano passado após usar uma chave reserva do apartamento. E denunciou o caso este ano à polícia. Em depoimento, Geneviève Boghici estima que seu prejuízo inicial foi de R$ 724.668.965,85.

Desse total, os investigadores recuperaram R$ 303,5 milhões. A idosa é viúva, desde 2015, de um grande colecionador de arte, o Eugenee Boghici, conhecido como Jean Boghici.

Prisões

Além de Sabine, acusada de subtrair da mãe 16 peças de artistas consagrados, foram presos Gabriel Nicolau Traslaviña Hafliger, Jacqueline Stanescos e a vidente Rosa Stanesco Nicolau.

Dentre os quadros levados, existiam trabalhos de renomados artistas, como Di Cavalcanti e Tarsila do Amaral. O nome que batiza a ação faz alusão ao quadro Sol Poente, de Tarsila – avaliado em R$ 250 milhões e encontrado por policiais embaixo da cama da Rosa Stanesco.

Metrópoles

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

TSE manda YouTube apagar vídeos de Lula com críticas a Bolsonaro

Foto: Bruno Rocha/Enquadrar/Estadão Conteúdo

O ministro Raul Araújo, do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), determinou nessa quarta-feira (10.ago.2022) que o YouTube retirar em até 24 horas vídeos em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) chama o presidente Jair Bolsonaro (PL) de “genocida”.

Araújo atendeu a um pedido feito pela campanha de Bolsonaro. A solicitação questiona trecho em que Lula afirma, sem citar diretamente o chefe do Executivo, que “o genocida acabou com o Minha Casa, Minha Vida”, em referência ao programa de financiamento de moradia.

“A gente não imaginava o Minha Casa Minha Vida. O genocida acabou com o Minha Casa Minha Vida e prometeu Casa Verde e Amarela. Eu quero dizer pra ele que vocês vão ganhar essas eleições pra mim, e que nós vamos voltar, nós vamos voltar, e que nós vamos voltar a fazer o Minha Casa Minha Vida, mas cada um vai pintar da cor que quiser”, disse Lula.

Segundo a defesa de Bolsonaro, a declaração consiste em propaganda eleitoral antecipada negativa contra o atual presidente da República. Araújo considerou o argumento “plausível”.

Poder360

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trânsito

Governo vai cadastrar e premiar motorista sem multa com desconto em taxas a partir de setembro

Foto: Luis Lima Jr/Fotoarena/Estadão Conteúdo

A ferramenta para adesão ao cadastro positivo de condutores será lançada em setembro. A informação é do secretário nacional de Trânsito, Frederico Carneiro. O motorista que não tiver multa nos últimos 12 meses poderá fazer a inscrição por meio da Carteira Digital de Trânsito ou pelo site da secretaria, para receber descontos, benefícios e incentivos.

Entre as vantagens que o motorista que não tiver cometido nenhuma infração no período de um ano poderá receber, o secretário cita, por exemplo, o Detran de Mato Grosso do Sul, que a partir de 2023, vai conceder 20% de desconto na renovação da CNH para o condutor positivo.

“Tem empresas de estacionamento que vão oferecer um cashback, um crédito, para aquele condutor utilizar em estacionamentos rotativos se ele for um cadastro positivo. Estamos conversando também com entidades de seguradoras e locadoras de veículos para oferecer essas vantagens. Até setembro, a gente vai disponibilizar a ferramenta pela Carteira Digital de Trânsito para que o condutor faça sua inscrição no cadastro positivo”, explica Carneiro.

“É importante destacar que o condutor precisará expressamente manifestar a sua intenção de ser inserido no cadastro positivo. A inserção não é automática”, orienta o secretário.

R7

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Importunações sexuais crescem 97,8% no Rio Grande do Norte

Foto: Divulgação

Foram registrados 176 casos de importunação sexual no Rio Grande do Norte, no período de 1 de janeiro a 30 junho de 2022, de acordo com dados da Polícia Civil.

Em comparação com o mesmo período de 2021, foram registrados 89 casos, num crescimento de 97,8%. Ainda de acordo com o levantamento, são crianças e adolescentes de 12 a 17 anos de idade as vítimas mais comuns.

Nessa faixa etária, houve aumento de 213,3% no número de casos, usando os mesmos parâmetros de tempo. Crianças de 0 a 11 anos também são vítimas recorrentes. Com elas, os casos saltaram de 6 para 15 registros. Em geral, não há um único padrão no perfil das vítimas, já que há também aumento entre pessoas de até 64 anos.

Tribuna do Norte

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

Goleiro Bruno é condenado por atrasar pensão de seu filho com Eliza Samudio

Foto: reprodução/Twitter

O goleiro Bruno Fernandes teve prisão decretada pelo atraso no pagamento da pensão alimentar de seu filho com Eliza Samudio, assassinada em 2010.

Conforme decisão da 17ª Câmara Cível do Rio de Janeiro, não há depósito desde janeiro de 2020, totalizando R$ 90,7 mil de débito.

A defesa do atleta tentou a revogação da medida, justificando o pagamento de quatro parcelas vencidas, no valor de R$ 9.700 cada.

Entretanto, conforme a desembargadora Marcia Ferreira Alvarenga, “a quitação parcial do débito alimentar não tem o condão de evitar a decretação da prisão”.

Em julho de 2019, a Justiça de Minas Gerais concedeu regime domiciliar semiaberto a Bruno. Ele foi condenado, em 2013, a 20 anos e nove meses de prisão, pelos crimes de homicídio triplamente qualificado, sequestro e ocultação de cadáver.

Eliza desapareceu em 2010, aos 25 anos, e foi considerada morta pela Justiça. Na época, o goleiro jogava no Flamengo.

Preso em 2010, Bruno ganhou direito ao benefício após ter cumprido o tempo necessário para progressão da pena, conforme está previsto na Lei de Execuções Penais (LEP).

CNN Brasil

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *