Tite convoca Gabigol, Rodrigo Caio e Santos para amistosos da Seleção contra Senegal e Nigéria; veja lista

Tite divulgou convocação da seleção brasileira nesta sexta — Foto: reprodução/Vídeo

O técnico Tite divulgou nesta sexta-feira a lista de 23 convocados para os amistosos da seleção brasileira contra Senegal e Nigéria, nos dias 10 e 13 de outubro, em Singapura. As principais novidades são o goleiro Santos, campeão da Copa do Brasil com o Athletico-PR, o zagueiro Rodrigo Caio e o atacante Gabriel Barbosa, do Flamengo, líder do Brasileirão.

O arqueiro, desta forma, recebe sua primeira chance na equipe principal do Brasil, enquanto Rodrigo Caio e Gabigol voltam a ser convocados – o zagueiro chegou a ser chamado por Tite nas eliminatórias para a Copa de 2018, e o atacante disputou a Copa América Centenário, com Dunga, em 2016 .

O meia Matheus Henrique, do Grêmio, e o lateral Renan Lodi, também foram chamados pela primeira vez para a Seleção principal – fechando a lista de Tite com uma novidade em cada setor do time.

Os jogadores que atuam no país vão perder duas rodadas do Brasileirão – a 24ª, nos dias 9 e 10 de outubro, e a 25ª, nos dias 12 e 13 de outubro. Alguns clubes acreditam que o longo deslocamento pode causar mais transtornos, entretanto.

O auxiliar pontual para as duas próximas partidas segue sendo o ex-jogador César Sampaio. O chefe de delegação será Bebeto, tetracampeão mundial em 1994.

O Brasil enfrenta Senegal no dia 10 de outubro, às 9h (de Brasília), no Estádio Nacional de Singapura. Três dias depois, no mesmo local, o rival será a Nigéria, também às 9h.

Confira a lista completa:

Goleiros: Ederson (Manchester City), Weverton (Palmeiras) e Santos (Athletico-PR);

Defensores: Daniel Alves (São Paulo), Danilo (Juventus), Alex Sandro (Juventus), Renan Lodi (Atlético de Madrid), Thiago Silva (PSG), Marquinhos (PSG), Éder Militão (Real Madrid) e Rodrigo Caio (Flamengo);

Meio-campistas: Casemiro (Real Madrid), Arthur (Barcelona), Fabinho (Liverpool), Matheus Henrique (Grêmio), Philippe Coutinho (Bayern de Munique) e Lucas Paquetá (Milan);

Atacantes: Everton (Grêmio), Firmino (Liverpool), Gabriel Barbosa (Flamengo), Richarlison (Everton), Neymar (PSG) e Gabriel Jesus (Manchester City).

Globo Esporte