Trio faz arrastão em casa de Candelária; quarto suspeito é preso por vizinho policial federal

A zona sul de Natal vem apresentando índices preocupantes de assaltos mais que comuns, se é que se pode definir desta maneira. O fato é que os bandidos perderam a noção do limite, realizam sucessivos arrastões em imóveis, ou mesmo, durante uma tentativa de roubo a um veículo, simplesmente atiram contra o motorista, sem a mínima preocupação com a vida.

O registro desta vez aconteceu na noite dessa quinta-feira (31 de outubro), no bairro de Candelária. De acordo com a Polícia Militar, por volta de 19h40, uma dona de casa foi abordada e rendida por três homens armados no instante em que abria o portão para entrar com seu veículo. No local estavam o marido, uma criança de colo e um amigo da família.  Na ocasião, todos eles foram feito reféns durante cerca de 15 minutos e viveram momentos de terror.

Por sorte, durante a ação, o amigo da família, que estava no primeiro andar do imóvel, percebeu a chegada dos assaltantes e entrou em contato com um vizinho policial federal.  Minutos depois, ele conseguiu render um motorista em um Cross Fox de cor preta, que, por imagens das câmeras de segurança, indicam que dava apoio aos três assaltantes, que realizaram um arrastão levando uma televisão de 32 polegadas, notebook, joias e cerca de R$ 600,00(seiscentos reais) em dinheiro. Na fuga, os marginais ainda levaram um veículo da família, porém , abandonaram uma hora depois no KM 6.

Já o detido pelo policial federal foi identificado como Manoel Batista dos Santos, de 34 anos, que já tinha passagem pela polícia. Ele negou participação no arrastão e disse que foi abordado no instante que seguia para a sua residência. O acusado “só vai” vai precisar  se explicar sobre as imagens em que passava lentamente em frente ao imóvel antes da chegada da dona de casa rendida para o desfecho da ação criminosa.