PRF informa interdição da BR-101 entre o Complexo do IV Centenário e a Árvore de Mirassol na tarde e noite desta sexta

A Polícia Rodoviária Federal informa que, devido às manifestações que se realizarão nesta sexta-feira (14/06), haverá reforço operacional para garantir a segurança dos usuários, inclusive dos manifestantes.

A interdição da rodovia BR 101 Sul, que será entre o Complexo do IV Centenário e a Árvore de Mirassol, tem a previsão de ocorrer entre as 17h e 20h.

A PRF sugere que a população planeje seus deslocamentos, evitando a citada rodovia nas imediações entre Potilândia e Mirassol, principalmente nos horários em que os manifestantes deverão ocupar a rodovia.

A Avenida Prudente de Morais, a Rua Jaguarari, a Via Costeira e o Anel Viário do Campus, por exemplo, podem servir de rotas alternativas entre o centro da cidade e a Zona Sul de Natal.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Vbg disse:

    Só neste país uma rodovia de alto fluxo nacional é interditada pra manifestações. Nem na França, pátria das manifestações, isto acontece. E com "proteção" da polícia!

    É uma casa da mãe Joana, mesmo.

VÍDEO: Registro de Canindé Soares, por todos os ângulos, da manifestação em Natal-RN em apoio ao governo Bolsonaro

O fotógrafo e mestre das imagens, Canindé Soares, disponibiliza em seu canal no Youtube o resumo da manifestação a favor do governo Bolsonaro, ato nacional, realizado em todo o país nesse domingo(25).

As imagens se iniciam com a chegada e concentração dos apoiadores, até seu ponto máximo, em que reuniu milhares de pessoas no fim da tarde, nas imediações do Midway, em Natal, e que saíram em caminha pela Avenida Salgado Filho

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. JEGUEDEGUE disse:

    Funcionários FANTASMAS da AL.

  2. Antonio Turci disse:

    Lembro que na manifestação de ontem não havia DELINQUENTES pixando o patrimônio alheio, bandidos (criancinhas de protegidos pelo E.C.A). Delinquentes foram presos por nossos dignos PM's mas a Governadora mandou soltar e, de quebra, puniu o Ofícial Superior que comandava a Grupo de Choque, reduzido-o a carimbador de papel, como punição, num setor burocrático da PM.

    • Ceará-Mundão disse:

      A narrativa tá boa, mas você misturou os fatos, entrelaçou estórias distintas.

    • Ana leticia disse:

      Por isso que LULADRAO a chamava de " mulher do grelo duro ou tubo de desodorante". Ele mesmo a achava grosseira, que era sua grande amiga, imagine os outros que ele nao gostava. Kkkkkk

    • Ceará-Mundão disse:

      Concordo com vc, Turci. Esse sujeito ai de cima resolveu plagiar meu pseudônimo. Sem criatividade, sem a mínima ética, coisa típica dessa corja esquerdopata, acostumada em mentir e enlamear a reputação alheia. Eu jamais diria tais asneiras. Que povinho mais ordinário…

    • Everton disse:

      Sai dai Ceará, quem diabos ia plagiar tu? No máximo foi um comentário 'bugado'.

  3. joao disse:

    Muito mais bonita e maior a manifestacao. lembrando que as pessoas vieram de suas casas pra pedir um país melhor, num domingo de lazer. .. Nao houve confusao.
    Nao foram estimuladas a faltar aula ou trabalho durante a semana, em porta de orgao publico pra ir a manifestacao, e nem pra soltar um corrupto ja condenado ou outra coisa "sensata" pra eles. Na manifestacao dos "úteis" tavam reclamando de contigenciamento pra universidade, alguns dias depois tavam querendo alugar por 25 mil um espaço privado, com dinheiro de fundacao que tem origem parte de doacao de empresas publicas e da propria universidade, que deveria ser usado pra as tais "pesquisas" e bolsas. O comportamento dos manifestantes, deixa a desejar, pedem ate o fim das policias.

  4. Severino disse:

    Se pode ter seus motivos para não se gostar de Bolsonaro, mas quem vai dizer que as pautas de ontem são ilegítimas? Só na cabeça de mistificadores.

  5. LULADRÃO disse:

    Impressionante a diferença no perfil dos manifestantes. Uns adoram a postura do quanto pior, melhor, os outros querem um país mais justo e bom para todos, sem corrupção e privilégios. Não podemos desistir de acreditar que um dia o Brasil estará acima de todos!

  6. Leandro disse:

    Parabéns. …..a esse povo consciente que luta por um país melhor. ………

  7. Maduro junior disse:

    O que esse povo acha que é? Porquê não faz essa manifestação na sexta? Porquê não bebem e fumam maconha? Porquê não picham, nem fazem baderna? Querem melhorar é? Aqui não tem jeito, tem que ser anarquisco

  8. Delano disse:

    Esse é o lado ordeiro, que lutam por uma sociedade mais justa, e que respeita o direito de ir e vir das pessoas, e lutam contra petralhada, centrão, corrupção, privilégios injustos e a anarquia. Um dia o bem prevalecerá.

Operação Lei Seca em Natal registra quarta autuação seguida para a mesma condutora; multas podem chegar a R$ 21 mil, informa Detran-RN

FOTO: DETRAN/RN

A Operação Lei Seca do Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) flagrou pela quarta vez uma mesma condutora dirigindo veículo sob influência de álcool pelas ruas da capital. Dessa vez a motorista foi abordada numa blitz montada na Rua da Saudade, bairro de Nova Descoberta, zona Sul de Natal.

De acordo com o coordenador da Operação Lei Seca, capitão Isaac Paiva, as infrações por alcoolismo na condução de veículos as quais a condutora foi alvo são todas de 2017 para cá, ou seja, em pouco mais de dois anos a mesma motorista foi flagrada quatro vezes. O dado mostra que somente em multa as autuações podem chegar a R$ 21 mil, já que reincidências na Lei Seca em menos de 12 meses gera valor em dobro na infração.

O capitão contou que outra irregularidade encontrada na abordagem foi que o veículo o qual era conduzido pela autuada estava com diversas pendências de infração, chegando a contabilizar R$ 29 mil em débitos. “O veículo foi removido ao pátio de apreensão do Detran e a cidadã autuada novamente”, informou o coordenador.

Durante a semana outras blitzen foram realizadas pela Operação Lei Seca, além de Nova Descoberta, as fiscalizações aconteceram na Via Costeira e na RN 160, na região de São Gonçalo do Amarante.

No total, foram fiscalizadas 643 pessoas, sendo 64 autuadas por embriaguez e 45 autos por infrações diversas foram contabilizados.

Peregrinação das 7 Igrejas acontece neste domingo em Natal

Peregrinação das 7 Igrejas, em 2018 (Foto: Brunno Antunes)

O Padre Francisco Fernandes e um grupo de fiéis organizam a quinta edição da Peregrinação das 7 Igrejas, que acontece no próximo domingo, 7 de abril. A concentração será às 6 horas, na Catedral Metropolitana, de onde os fiéis sairão em caminhada penitencial, passando pela Igreja de Nossa Senhora das Graças e Santa Teresinha, no Tirol; Igreja de Nossa Senhora de Lourdes, em Petrópolis; Igreja do Bom Jesus das Dores, na Ribeira; Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, na Cidade Alta; Igreja de Santo Antônio, na Cidade Alta; Igreja de Nossa Senhora da Apresentação (antiga Catedral), também na Cidade Alta, concluindo na Catedral Metropolitana, com a celebração da missa, às 11 horas, presidida pelo arcebispo, Dom Jaime Vieira Rocha.

Segundo Padre Francisco, a peregrinação consiste em uma caminhada penitencial, que tem por objetivo ser mais um instrumento de vivência da espiritualidade quaresmal, em vista da celebração da Páscoa.

As camisetas do evento podem ser adquiridas, ao preço de 30 reais, na Igreja Matriz do Bom Jesus das Dores, na Ribeira; no Seminário de São Pedro, no Tirol; ou ainda nas lojas Skisita Baby e Maria Cândida. A renda com a venda das camisetas em prol da manutenção do Seminário de São Pedro e também em prol da recuperação das torres da Igreja do Bom Jesus das Dores.

As informações são da Arquidiocese de Natal

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. sergio disse:

    O povo passando necessidade em Moçambique e a penitência em Natal é passear de igreja em igreja. Volta Jesus!!!!

Família será indenizada após ter casa inundada por águas da Lagoa do Conrado, no bairro Dix-Sept Rosado, em Natal

Uma família que teve sua casa inundada pelas águas da Lagoa de São Conrado, no bairro Dix-Sept Rosado, em Natal, será indenizada, por dano moral, pelo Município de Natal, com o valor de R$ 5 mil para cada membro (pai, mãe e filha), totalizando 15 mil, mais incidência de juros e correção monetária.

A sentença é do juiz Cícero Martins de Macedo Filho, da 4ª Vara da Fazenda Pública de Natal. Ele também julgou procedente o pedido de dano material e condenou Município de Natal a pagar aos autores os danos emergentes no valor de R$ 15.660,00, mais incidência de correção monetária e juros moratórios.

A família, casal e uma filha, ajuizaram a ação ordinária indenizatória por danos morais e materiais contra o Município de Natal, alegando no dia 14 de junho de 2014, a Lagoa de São Conrado, a qual fica localizada nas proximidades da residência dos autores, sendo esta localizada à Rua Professor Pedro Alexandrino, Dix-Sept Rosado, teria transbordado e inundado a residência dos autores, o que lhes teria causado prejuízos de ordem moral e material.

Alegam que a inundação se deu pelo esgoto da lagoa e por toda a rua, transbordando água imunda e fétida, o que teria causado, além dos danos materiais, prejuízos de ordem moral, já que os autores teriam sido expostos a problemas de saúde, constrangimentos e humilhações.

Sustentam também a omissão do ente público ao deixar de atuar preventivamente na realização de obras com a finalidade de evitar enchentes decorrentes da ineficiência do sistema de drenagem de águas pluviais, sendo, por outro lado, de conhecimento público as inundações às residências situadas nas imediações.

O Município de Natal alegou a aplicabilidade, ao caso, da responsabilidade subjetiva e que estariam ausentes os requisitos para responsabilização da prefeitura. Afirmou ainda a inexistência de ato ilícito e nexo de causalidade e que estão presentes excludentes de responsabilidade tais como: caso fortuito e força maior, culpa de terceiro. Defendeu também a não comprovação das alegações dos autores.

Prejuízos

Segundo o magistrado, chuvas com densidade pluviométrica causadoras de estragos não é novidade em Natal. Salientou que, periodicamente, todos os anos, observa-se esta realidade, visto que as chuvas constantes, aliadas a falta de estrutura preventiva, têm ocasionado danos de ordem material aos natalenses tais como: casas destruídas, automóveis submergidos, equipamentos e aparelhos eletroeletrônicos danificados, etc, etc, etc.

Também comentou que tem-se notado danos de natureza extrapatrimonial na esfera moral, através da morte de um ente querido ou uma lesão permanente física que acomete a vítima em decorrência das chuvas na cidade. Diante disto, indagou: tratar-se-ia de um evento imprevisível, classificado como força maior ou caso fortuito? Haveria algum responsável por isto? Teria como ser evitado tais infortúnios?

Como resposta, entende que não se trata de um evento imprevisível, classificado como força maior ou caso fortuito. Da mesma forma, considera que é o poder público na seara municipal o responsável por não evitar os estragos causados nestas hipóteses e, ainda, entende que certamente tais infortúnios poderiam ser evitados sim.

Situação que se repete

“Observamos que nas hipóteses de alagamentos, desabamentos, enchentes, enxurradas e congêneres causadores de dano de ordem material e/ou moral, decorrentes de chuvas periódicas, não há mínima possibilidade de pretender compará-las a força maior, muito menos a caso fortuito, isto porque a situação se repete ano a ano”, comentou.

No caso, documentos dos autos identificam a inundação da residência dos autores, tendo o nível da água subido até 1,35 m, conforme Laudo de Vistoria emitido pela Município do Natal, inclusive destacando os danos a vários eletrodomésticos, móveis e utensílios que guarnecem a casa, inferindo-se daí, portanto, pela responsabilização do Município, visto que estas enchentes decorrentes das chuvas ocorrem frequentemente naquela localidade, e isto é corroborado, ainda, pelas fotos juntadas ao processo pelos autores.

Nas circunstâncias do caso, o magistrado entendeu que a prefeitura incidiu em omissão culposa, na modalidade negligência municipal, causadora do evento danoso enchente ou inundação das imediações da Lagoa de São Conrado, ocorrida em decorrência da má prestação do serviço que lhe era imputado.

“O Município de Natal deveria ter promovido, e não o fez, de forma eficiente, a necessária limpeza e ampliação de bueiros e galerias pluviais, melhor coleta de lixo das ruas, ou mesmo por intermédio de melhor conservação de canais e comportas e fiscalização intensiva e preventiva, obras de drenagem e manejo de águas, entre outras atividades, e não podemos deixar de mencionar também campanhas educativas para toda população em todas as mídias de publicidade quanto a não jogar lixo nas ruas”, finalizou.

TJRN

 

Homem é espancado por moradores em Natal, vai à Delegacia fazer queixa, e acaba preso por tentativa de estupro contra filha adolescente

Policiais civis da 6ª. Delegacia de Polícia de Natal prenderam em flagrante um pai, de 35 anos, suspeito de ter tentado estuprar a sua filha, uma adolescente, 16 anos, nesta segunda-feira (28). A garota, que não mora com o suspeito, foi buscar um aparelho celular na casa do pai no bairro Pajuçara, Zona Norte de Natal. Ao chegar na residência dele, o homem forçou a menina a tentar tirar a roupa, com uso de violência.

“A adolescente gritou e um vizinho foi até ao local, ao ouvir os gritos de socorro. Quando o vizinho chegou, viu o pai tentando estuprar a adolescente. O pai alegou que a menina estava gritando porque ele estava dando uma surra nela, pelo fato da filha estar se envolvendo com pessoas erradas. Neste momento, a filha falou que o pai estava tentando a estuprar e o homem saiu correndo pela rua”, descreveu a delegada Michele Barros, da 6a. Delegacia de Polícia de Natal.

Após a afirmação da adolescente, o homem foi espancado por moradores. Após as lesões, o pai foi à Delegacia fazer um registro contra os moradores. A Polícia Civil decidiu averiguar as circunstâncias e descobriu que o homem era um suspeito por crime e não uma vítima. “Diante disso, o pai agressor foi preso em flagrante delito por tentativa de estupro e a filha foi encontrada escondida na casa de uma moradora”, declarou a delegada Michele Barros.

FOTO: Guarda Municipal em Natal recupera caminhão de mercadoria minutos após ser roubado

Agentes da Ronda Ostensiva da Guarda Municipal do Natal (Romu/GMN) conseguiram recuperar na tarde dessa segunda-feira (21), um caminhão de placas QGM 2722 que havia sido tomado de assalto minutos antes da ação dos guardas municipais. O veículo foi localizado pela guarnição da GMN no bairro de Santa Catarina, na zona Norte da capital.

De acordo com o relato da vítima, homens armados surpreenderam o motorista no momento em que ele realizava entrega de mercadoria em um ponto comercial situado no conjunto Jardim Progresso, também na região da zona Norte da Cidade. Os bandidos anunciaram o assalto e tomaram as chaves do caminhão, sendo o mesmo levado com todo o carregamento de produtos que estava dentro do automóvel.

Logo em seguida, uma guarnição da GMN que patrulhava o Terminal de Ônibus do Loteamento Jardim Progresso foi acionada pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp). “Com a ajuda da vítima saímos em diligência em busca do caminhão roubado e com apoio de outra viatura da GMN e de uma guarnição do 4º Batalhão de Polícia Militar conseguimos fechar saídas e lograr êxito recuperando o veículo”, relatou um dos guardas que participou da perseguição.

Pressionados com a perseguição dos guardas municipais os assaltantes acabaram por abandonar o veículo numa rua de pouca movimentação e partiram em fuga. O caminhão recuperado foi entregue ao motorista vítima dos ladrões.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Breno Fariaa disse:

    Parabéns guerreiros! 👏👏👏👏🏅👍🏻

Morte de recém-nascido após cirurgia gera condenação ao Hospital Antônio Prudente de Natal

Os desembargadores que integram a 3ª Câmara Cível do TJRN julgaram caso de imperícia em procedimentos hospitalares e, desta vez, manteve a condenação imposta ao Hospital Antônio Prudente de Natal ou ‘Hospital da Hapvida’ como é mais conhecido em Natal, o qual foi condenado em primeira instância ao pagamento de indenização por danos morais, no valor de R$ 18 mil para uma então usuária dos serviços, cujo filho recém nascido faleceu após um procedimento cirúrgico. O valor deverá ser corrigido monetariamente pelo INPC a partir da publicação da sentença (Súmula nº 43 do STJ) e de juros de mora de 1% ao mês desde a citação. A relatoria é do desembargador Amaury Moura Sobrinho, decano do TJRN, e atual corregedor geral de Justiça estadual.

O Hospital moveu a Apelação Cível nº 2017.016889-2, por meio da qual alega, dentre outros pontos, que não agiu com negligência e efetuou todas as diligências cabíveis em relação à gestante e ao seu filho recém-nascido, cuja morte não decorreu de conduta da unidade de saúde (ausência de nexo de causalidade), tendo sido prestado o atendimento pré-natal e pós-parto de acordo com o quadro apresentado e todos os atendimentos cabíveis para resguardar a vida de ambos.

Contudo, a decisão destacou que a prestação de serviços à saúde é considerada uma relação de consumo, devendo ser aplicado, portanto, o Código de Defesa do Consumidor e, com relação à direitos do consumidor, impera a teoria da responsabilidade objetiva, nos termos do artigo 14 da Lei nº 8.078/90, a qual reza que “o fornecedor de serviços responde, independentemente da existência de culpa, pela reparação dos danos causados aos consumidores por defeitos relativos à prestação dos serviços, bem como por informações insuficientes ou inadequadas sobre sua fruição e riscos”.

“No caso concreto, o Hospital reú obrigou-se a prestar serviço médico, cuja obrigação é de meio, ou seja, ele não se responsabilizou por curar o recém-nascido ou evitar a morte decorrente de causas congênitas, mas, sim, por proporcionar o melhor tratamento possível. Isto não ocorreu, pois deixou de realizar exame à disposição e indicado pela literatura médica”, reforça o desembargador.

O magistrado também ressaltou que, embora exista a impossibilidade de se concluir, de forma categórica, que o atendimento indicado pela literatura médica seria essencial para a preservação da vida do recém-nascido, tal reflexão não afasta a responsabilidade civil da ré, pois sua omissão causou a perda de uma chance de cura do paciente. “Diferente do alegado, não existe contradição nessa linha de raciocínio adotada na sentença”, define.

O caso

O parto ocorreu em em 12 de maio de 2011, às 10h41min, e, no dia seguinte, 13 de maio de 2011, o recém-nascido foi submetido a uma cirurgia para correção de atrésia de esôfago e, após o sucesso do procedimento, foi transferido para leito de UTI. No mesmo dia, por volta das 20h30min, ao comparecer ao Hospital, a autora percebeu que o bebê estava soluçando e, ao questionar a enfermeira, a profissional se prontificou a chamar a médica plantonista que estava dormindo.

Segundo os autos, dois exames haviam sido autorizados: ecocardiograma bidimensional com doppler e US abdômen total, mas o primeiro não foi realizado por ausência do médico responsável, que estava de plantão em outra unidade hospitalar e o segundo, que poderia ter diagnosticado uma má formação gastrointestinal, não chegou a ser realizado diante da necessidade do resultado do primeiro exame. Mesmo diante da falta de médico para fazer o exame cardíaco, o Hospital não teria disponibilizado outro profissional e, no mesmo dia, por volta das 13h, o recém-nascido faleceu.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Medeiros disse:

    A medicina vai se tornar inviável.
    Médico não é Deus !!

    • osvaldo disse:

      Medeiros, sabe ler?

      "Mesmo diante da falta de médico para fazer o exame cardíaco, o HospitalNÃO TERIA DISPONIBILIZADO outro profissional e, no mesmo dia, por volta das 13h, o recém-nascido faleceu".

  2. Sérgio Nogueira disse:

    Eu entendi certo? R$ 18 mil é o que vale uma vida?
    Se fosse o cachorro de um desembargador DUVIDO que ele não recebesse R$ 180 mil pelos danos morais…
    Eita Brasil véi.
    E ainda noticiam como se quisessem passar a imagem de "durões". Faz pena.

Operação tapa buracos retoma serviços nesta quinta-feira, com ruas e avenidas dos bairros de Candelária e Lagoa Nova

Nesta quinta-feira (17), a Operação tapa buracos, da Prefeitura do Natal, e tocada pela Secretaria Municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (Semov), retoma com os seus trabalhos de 2019. O destaque são serviços de manutenção de asfalto, rede de drenagem e paralelepípedos.

De acordo com o secretário Tomaz Neto, titular da Semov, as equipes do setor de Conservação irão trabalhar em todos os bairros, notadamente nas ruas e avenidas mais prejudicadas com o desgaste da malha viária. “Retomamos nesta quinta-feira pelos bairros de Candelária e Lagoa Nova. Com o andamento dos serviços de manutenção de paralelepípedos, aplicação de asfalto e manutenção da rede de drenagem. Nas próximas semanas, outros bairros e loteamentos irão entrar na programação”, explicou o secretário de Obras Públicas.

A partir desta quinta-feira, os serviços iniciam nas seguintes ruas e avenidas dos bairros de Candelária e Lagoa Nova:

Rua Alfredo Pegado Cortez, Av. da Integração, Rua Aguinaldo Gurgel Júnior, Rua Mirabeau Melo, Rua Paulo Lyra, Rua Moises Gosson, Rua Aluízio Bezerra, Rua Professor Luiz Carlos Teixeira, rua do Topázio, rua Lauro Bezerra, rua Aluízio Moura, rua João Damasceno, rua Miguel Rocha, rua Frei Henrique de Coimbra, rua Ataulfo Alves, Largo Interventor Ubaldo Bezerra, entorno da praça dos Eucaliptos, rua Beatriz Ramalho e Av. das Mansões.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Klyber Macedo disse:

    Gostaria de perguntar ao Prefeito, o motivo do asfalto das ruas de Natal ser tão ruim!!??
    Deduzo que seja por motivo de corrupção, ou quem sabe, problemas de cegueira, falta de óculos..

  2. Roberto disse:

    Enquanto o povo da zona norte não criar vergonha e continuar votando nesses figuras, será sempre assim, desde que me entendo de gente nunca vi fazerem um recapeamento geral na av. felizardo moura, mas na av, hermes da fonseca e av prudente de morais ai sim é sempre as privilegiadas.

  3. Carlos Machado disse:

    Essa operação não chega na ZN não? Para quem trafega nas imediações da ponte velha é um tornento.

    Infelizmente essas operacoes só abrangem áreas em torno da ZS.

    • João Maria disse:

      Amigo Carlos vc já deveria estar acostumando com os políticos, sempre foi assim e vai continuar, afinal eles só lembram dai em época das eleições, eu mesmo já
      escutei alguns dizer ser zona norte é diferente da zona sul.

Saúde registra mais de 15 mil casos de agravos respiratórios em crianças em Natal em 2018; veja bairros com maiores incidências

Durante todo o ano de 2018, foram registrados 15.685 casos de agravos respiratórios em crianças em Natal. Os dados foram divulgados pela Vigilância em Saúde de População Exposta a Poluentes Atmosférico (Vigiar Natal), do Departamento de Vigilância em Saúde.

Os bairros com maiores incidências estão localizados na zona Norte da capital potiguar, sendo Nossa Senhora da Apresentação o primeiro, com 2.371 casos, seguido por Pajuçara, com 1.709 e Lagoa Azul, com 1.548. Felipe Camarão, na zona Oeste, aparece com 1.194.

Do total de casos, a maioria, 6.678, foi definida como Infecção Respiratória Aguda (IRA). Asma (1.065) e bronquite (537) também figuram entre as enfermidades mais presentes nos pacientes atendidos.

Desde junho de 2016, Natal conta com quatro Unidades Sentinelas: Hospital Municipal de Natal, UPA Pajuçara, UPA Esperança e UPA Potengi. Elas são responsáveis pela captação e repasse desses dados.

Através do Vigiar, é possível fazer uma avaliação epidemiológica para o monitoramento de fenômenos onde o foco está na análise dos possíveis impactos à saúde de crianças menores de cinco anos que apresentem sintomas respiratórios como dispneia, falta de ar, cansaço, síbilos, chiados no peito e tosse.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. EDINEUZA jONES disse:

    TEM QUE SE FAZER UMA CONSCIENTIZAÇÃO , PARA O POVO DEIXAR DE FAZER QUEIMADA DE LIXO, MUITO COMUM NESSAS REFIÕES.

TRANSPORTE PÚBLICO: Linhas 22 e 71 terão itinerários unificados em Natal a partir de segunda; confira

Foto: Josenilson Rodrigues/Busão de Natal

Devido a sobreposição de itinerários entre as linhas 22 (Felipe Camarão/Rocas, via Bom Pastor) e 71 (Felipe Camarão/Ribeira, via Bom Pastor), a Prefeitura do Natal – por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU) – unificará o trajeto das linhas a partir de segunda-feira (14).

De acordo com a pasta, a linha passará a se chamar 22/71 (Felipe Camarão/Petrópolis/Rocas, via Bom Pastor) e não haverá perda de destinos com a unificação, sendo mantido o atendimento ao Bom Pastor, Alecrim, Cidade Alta, Petrópolis, Ribeira e Rocas. A linha contará com 11 veículos e fará 62 viagens, tendo um intervalo médio de 10 a 15 minutos entre viagens durante todo o dia.

Separadas, a linha 22 contava com oito veículos, 45 viagens e intervalo médio de 20 minutos no pico e 30 minutos no entre pico. Já a linha 71 contava com seis veículos, 40 viagens e intervalo médio de 15 minutos no horário de pico e de 25 a 30 minutos no entre pico. “Essa unificação vai melhorar a eficiência do sistema de transporte, eliminando itinerários sobrepostos, e melhorar o atendimento a população, reduzindo o tempo de espera nas paradas”, ressalta Clodoaldo Cabral, secretário adjunto de Transporte.

A operação da linha será monitorada pela STTU por 90 dias, podendo ocorrer ajustes após o período. Em caso de dúvidas os usuários podem ligar para o Alô STTU – no telefone 156 – ou perguntar pelo Twitter oficial, o @156Natal.

CONFIRA O ITINERÁRIO COMPLETO DA LINHA 22/71

VÍDEOS: Guerra de facções criminosas domina favela do Japão em Natal-RN, impressiona, assusta e intimida moradores

Conhecida favela do Japão, a comunidade Novo Horizonte, localizada no bairro das Quintas, zona Oeste de Natal, infelizmente, cada vez mais vive sob domínio de facções criminosas. Há meses, por exemplo, os moradores vivem dias de terror e medo por causa do conflito entre duas facções rivais: o Sindicato do RN, que assumiu o controle do crime no local, e o PCC, que segue em diversas tentativas de retomar o poder.

O resultado dessa onda de criminalidade pode ser conferida na quantidade de pessoas assassinadas na comunidade. São dezenas nos últimos três anos, e com características de execução que podem chegar ao grau mais absoluto de violência: algumas das vítimas, decapitadas. Na maioria dos casos, as pessoas mortas são do sexo masculino.

Mesmo com as rotineiras ações policiais na comunidade,  os bandidos promovem a desordem “ilhando” centenas de famílias em suas casas e sob o risco de serem atingidas por tiros. Um exemplo pode ser visto abaixo, em registro recente nesta semana que apresenta cerca de 15 homens armados invadindo algumas das ruas estreitas dos dois lados do rio das Quintas. Disparos, medo e cenário de guerra.

Veja abaixo vídeos com imagens impressionantes:

Reajuste de mais de R$100 mil no IPTU em shopping de veículos em Natal revolta lojistas

Lojistas e donos do Shopping Auto Mall e donos do ponto revoltados e indignados. Prefeitura do Natal dobrou valor do IPTU para 2019. Situação, que já era delicada, com valor anterior em R$ 91.886,42, passou para R$ 193.483,14. Reajuste avassalador de R$ 102.

Fotos: cedidas

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Raphael disse:

    Prefeitura falida …
    Pior que quem vai acabar se fudendo nessa historia é a classe" media" pq o pobre demais nunca pagou e o ricao tbm não paga entra na justiça. Sobra pra gente.

  2. Teixeira disse:

    Emquanto ISSO NA FRANCA! KKKKKKKKKKKKK.

  3. Joao disse:

    O reajuste nao deveria ser maior que a inflacao. Será que foi pq colocaram mais luzinha na arvore de mirassol? Entrar na justiça é perda de tempo pq é caro e demanda tempo. Inteligente sao os franceses pq sao mais eficientes e mostram como economizar.

    • M.D.R. disse:

      MPRN, que tome as providências. Um verdadeiro assalto oficializado.

  4. Alcides disse:

    Ente na justiça

  5. Flauberto Wagner disse:

    Este presentinho de Grego foi dado por nossos vereadores e deixado por Carlos Eduardo Alves.
    É importante explicar, que os nossos edis no apagar das luzes de Dezembro de 2017 aprovaram uma reforma fiscal toda elaborada pelo fisco municipal e pró município e totalmente contra os contribuintes, todavia, como não foi possível ser implantada em 2018, ficou tudo para 2019, ai o caso em tela é apenas uma situação no universos das minhas que vão surgir.
    Acredito eu, que de fato o que ocorreu para aumento de 102%, foi simplesmente a mudança da base de calculo do imposto através da reavaliação do imóvel ao preço de mercado atual, pois é assim que tá na lei.

  6. luiz disse:

    E vai piorar, sugiro que o blog faça uma reportagem que vai verificar o aumento absurdo também do IPTU residencial. Não há justificativa, o que a Prefeitura está fazendo é aumentar absurdamente todos os impostos como IPTU e Taxa de Lixo, com a conivência da Câmara Municipal e dos vereadores que não aprovam nada a favor do povo. Todos estão assistindo esse absurdo calados, tem que ir para a justiça, não vejo outra solução.

  7. Observador disse:

    Povo acomodado fazer como na Franca nao tem outro jeito

  8. Acorda Brasil disse:

    Ah, tolinhos… Quando vocês elegem alguém que defende um Estado cada vez maior vocês acham que o dinheiro para mantê-lo vem de onde?
    Boa sorte ao RN!

    • Júnior disse:

      O IPTU é municipal e não estadual, não tem nada a ver uma coisa com a outra!

  9. Anderson disse:

    É pra arrombar qualquer um!! Desculpas pela expressão chula, mas é revoltante.

PERTURBADOR: Mormaço segue em Natal neste fim de ano e previsão até sexta ultrapassa os 30º; confira

Reprodução: Clima Tempo

O mormaço segue pegando na capital potiguar neste fim de ano. Mais do que uma temperatura passando dos 30º, a sensação de calor vai muito mais além e tem deixa o cidadão perturbado. Até mesmo uma ducha gelada ou seu momento no ar-condicionado do veículo ou de um ambiente fechado não são suficientes. Principalmente durante o dia, em poucos minutos de exposição ao sol, você estará transpirando. Momento de hidratação intensa para evitar sintomas cada vez mais comuns na roda de amigos, como queixa de dores de cabeça ou mal estar. Segundo o portal Clima Tempo, a temperatura seguirá quente até sexta-feira(07)

Fotógrafa Leila Cunha Lima realiza exposição Deserto do Atacama nesta quinta em Natal

Nesta quinta-feira(29), a partir das 18h, na Officina Interiores, acontecerá a abertura da exposição fotográfica da Procuradora e fotógrafa Leila Cunha Lima. O tema será o Deserto do Atacama.

A mostra é um trabalho documental pessoal, com um olhar diferenciado, característicos aos amantes da fotografia. Para os admiradores dos registros com paisagens naturais, mais uma exposição de Leila Cunha Lima a partir de viagens.

“A fotografia é meu Caminho” é 10ª mostra no currículo de Leila Cunha Lima. Na série, a fotógrafa percorre o deserto chileno com olhar de descoberta, e suas lentem revelam além de paisagens exóticas, os seus habitantes – as aves nativas.

A referida exposição terá o apoio da Officina Interiores e da Inove-impressão. O evento ocorrerá na Avenida Afonso Pena, no bairro do Tirol, na Zona Leste de Natal.

(Fotos: Arquivo pessoal)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. José Augusto Galvão Pereira disse:

    Maravilha, foi de moto para o deserto do Atacama show