Pressão na Copa América? ”Ele fica, independente do resultado”, diz presidente da CBF sobre Tite

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Tite seguirá no comando da Seleção independentemente do resultado da Copa América. Foi o que garantiu Rogério Cabloco, presidente da CBF, nesta terça-feira, durante o congresso da Fifa em Paris. Às vésperas do início da competição, Cabloco classificou o treinador como o ”mais experiente e melhor qualificado para o cargo”, lembrando que a entidade conta com ele até 2022.

– Voltei a falar para ele no último sábado. Tite tem contrato até a Copa do Catar e até lá contamos com ele. Não há treinador algum com mais experiência e melhor qualificado depois de tudo o que ele já trouxe até hoje.

”O Tite fica com a gente independente do resultado”.

– Claro que a pressão existe e queremos o título. Todos carregam esse desejo. Jogadores, comissão técnica… Todos estão muito preparados e vão trabalhar por essa conquista. Vamos torcer para que ele venha – disse.

A convicção que teve ao falar de Tite, Rogério Cabloco não teve ao analisar o futuro de Edu Gaspar. O atual coordenador de seleções da CBF tem proposta do Arsenal.

– Sobre o Edu vamos tratar após a Copa América – frisou.

O presidente da CBF falou também sobre o futuro treinador do Brasil na Olimpíada de Tóquio, em 2020. O posto seria ocupado por Sylvinho, mas o ex-jogador deixou a CBF recentemente para assumir o comando do Lyon. Atualmente, a seleção olímpica está disputando o Torneio de Toulon sob o comando de André Jardine, técnico da seleção sub-20.

– Estamos tratando com três situações ao mesmo tempo, três seleções na rua. Feminina na Copa do Mundo, a equipe olímpica no Torneio de Toulon e a principal na Copa América. O Jardine está com a seleção olímpica, teve ótimo resultado no primeiro jogo. Amanhã (quarta) tem um grande desafio contra a França e vamos acompanhando. Vocês serão informados.

Globo Esporte