Saúde

Após contato com assessores diagnosticados com covid, Pazuello diz que não pode ir à CPI da Pandemia nesta semana

Foto: Anderson Riedel / PR

Sob a justificativa de ter tido contato com dois assessores que foram diagnosticados com covid-19, o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello informou à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia que não poderá comparecer ao Senado amanhã (5) para prestar esclarecimentos. A informação foi dada nesta terça-feira (4) pelo vice-presidente do colegiado, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

Como ministro que mais tempo ficou na pasta durante a pandemia do novo coronavírus – 10 meses – o depoimento de Pazuello, aprovado na semana passada pela CPI, é um dos mais aguardados, por isso, foi o único da semana que a comissão reservou um dia inteiro.

O ex-ministro que estava no comando da pasta no auge da crise da covid-19, deve ser questionado, entre outros assuntos, sobre a falta de oxigênio em Manaus, o número de mortes e infectados pela doença e demora na compra de vacinas.

Com o impedimento de Pazuello, uma nova data deve ser marcada para a ida do ex-ministro ao Senado, visto que muitos senadores resistem à possibilidade de depoimentos remotos. Senadores querem evitar que os convocados recebam orientações sobre como responder às perguntas, em depoimentos remotos.

Por decisão do presidente do colegiado, senador Omar Aziz (PSD-AM), o depoimento do antecessor dele, o médico Nelson Teich, que seria na tarde hoje foi adiado para amanhã.

Agência Brasil

Opinião dos leitores

  1. O País enfrentando a pior crise da sua história, tanto em termos de saúde, segurança, educação, economia, quanto em relação à falta de empatia com o próximo, e um bando de IDIOTAS discutindo se Bolsonaro é melhor do que Lula, ou o contrário. ACORDEM, e façam alguma coisa que não seja xingar aquele que pensa diferente, nos comentários dos blogs. Aliás, acho que ser comentarista em blogs virou profissão, dado o grande número de adeptos! Ou então é só falta do que fazer mesmo… Orar pelo fim da pandemia, e nos unir em prol dessa causa, como fizeram inúmeros países, parece impossível, mas plenamente normal, considerando o tipo de gente e a cultura que aqui existe.

    1. Esse espaço é mesmo para comentar as notícias postadas no blog, meu caro. Outras ações terão seus espaços próprios. Aqui, por exemplo, não parece ser o espaço mais adequado para orações.

  2. Que desculpa mais esfarrapada. Uma pessoa que só vive sem máscara está se lixando pra covid: tanto nega qdo pega, quanto transmite para todos.

  3. O Exército Brasileiro tem de rever urgentemente a formação e promoção em seus quadros. Um homem desses envergonha as Forças Armadas e a Nação. Lastimável!

  4. Essa CPI parece com uma raposa cuidando do galinheiro. Corruptos como juízes, incompetentes investigando possíveis “falhas”. E ainda tem a questão da suspeição de dois de seus mais notórios membros (Renan Calheiros e Jader Barbalho), cujos filhos são governadores e precisam prestar contas do dinheiro que receberam do governo federal. No Para, inclusive, já foi preso um bocado de gente. Essa CPI não é séria.

  5. A vídeo conferência é para esses casos desde o início da pandemia: o ex-ministro lá no local de sua insignificância e a comissão da CPI idem. Agora não comparecer pq manteve contato com um suspeito de Covid19, soa como assumir a culpa no cartório. Indo de astronauta garanto que não transmitirá a covid-19, ao contrário, sem máscara como foi ao shopping em Manaus, o bicho pega…

  6. CPI política, dominada por corruptos, não pode ser levada a sério. Um sujeito que defende e se alia a elementos como Renan Calheiros, Jader Barbalho ou até mesmo desse Aziz, que presidente a comissão e responde a processos de corrupção NA SAUDE do seu estado (AM), deve compartilhar do seu mesmo caráter. Um homem sério como o general Pazuello não pode se misturar com essa laia.

    1. E um sujeito que se alia a Roberto Jefferson merece o que?
      Hipócrita de butiquim.
      Não sabe nem o que fala.

    2. Quem lida na política não pode dispensar apoio, dependendo do “preço”. E coisa muito diferente de fazer uma aliança com corruptos para investigar pseudas irregularidades. Um corrupto famoso não pode agir como “juiz”. A maioria dos senadores dessa CPI deveria estar presa ao invés de tentar prejudicar o país. Mas, vc sabe disso. É impossível um debate construtivo com quem só pensa em recuperar suas “boquinhas” e não age de boa fé.

    3. Você se perde nos proprios “argumentos”. Se ser de direita honesta é ter funcionário fantasma com rachadinha e se aliar a corruptos, entao bolsonaro ta no caminho certo.

    4. Direita “Honesta” acho que entendi sua lógica: quando o corrupto for a favor do MINTO é política, mas quando o corrupto for contra o MINTO aí ele vira só um corrupto sem credibilidade… Ah tá!

    5. Não. Ele é honesto até que seja PROVADO o contrário. E não será sua opinião nem a perseguição da grande mídia militante que farão isso. Apoio de graça, sem contrapartida de corrupção, pode ser até o seu. Em 2022, vote no Bolsonaro, “cumpanhero”, que ninguém irá reclamar. Entendeu agora?

  7. Tá arregando??? O filho teu não foge à luta… Mas toma Cloroquina do tio Bolso… Passa na hora…

  8. Mais, vcs choram viu kkk calma meninos,. começou agora com renovação em 2022 , pode vim com o nove dedo , vitória será mais bonita ainda….chora naaao bbbbb chora não bbbbb

  9. Kkkkkkkkk
    Andou sem máscara em Manaus e agora vem com essa!
    General cagão ! Não vale uma estrela do uniforme!

  10. É, a desculpa que sobra é sempre essa: Botar a culpa nos outros e chamar os outros de corrupto.

    Típico de quem está afundando, querer se salvar puxando os outros.

    Bora gaaaaaaaadoooooooo

    O berrante tá tocando. Bora defender o homem.

  11. Com a defesa, o direita que se acha “honesta”.
    Esse infeliz estava desfilando no shopping sem máscara, facínora!
    Governo desastroso, das trevas.

  12. Quem tem, tem medo. Pazu deve estar com medo e a casa de vidro com mais medo ainda. Vão colocar a culpa no petê.

  13. Esse povo de Bolsonaro é tudo assim, são tudo brabo na Internet. Sara Winter, Daniel Silveira, Queiroz…

    É igual a cachorro MOLE, ladra, ladra, ladra…

  14. Eita, mas passear em um shopping em Manaus sem fazer o uso da mascara, pode né? vai tentar se esconder de todas as formas, mas não escapa não! …hahaha…tem um ditado lá no meu Seridó que diz a seguinte: “Bittencout tem medo”…hahaha

  15. Ihhhhhhhh… Arregou. Que coisa feia… Fugindo da raia, general ?
    Típico de bolsominion: fala fala e na hora de agir NADA!

    1. Essa CPI com esse presidente, Renan Calheiro como relator é a maior imoralidade já vista. O Relator Renan responde a mais de 40 processos na justiça.

    2. Maurício, mas eu pensei que o governo do MINTOmaníaco era amigo dos corruptos, afinal apoiou Lira pra presidência da Câmara, se juntou a Roberto Jefferson, Valdemar da Costa Neto, Ciro Nogueira, o próprio filho Flávio Bolsonaro que responde processo pro peculato, além de diversos outros condenados e investigados pela Lava Jato… Vc não entendeu ainda pq foi no governo do MINTOmaníaco que a lava jato foi enfraquecida e até perseguida? Ou vc só gosta de corrupto quando ele está apoiando o governo do MINTOmaníaco?

    3. Maurício, uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa. Bolsonarista é de uma laia especializada em mudar o foco do que se trata. Quando acuados já culpam tudo e a todos para desviar o foco. Cara, isso só funciona com quem é gado mesmo.

    4. Verdade, Mauricio, essa CPI não pode ser levada a sério por gente séria. Tem que dar uma canseira nesses vagabundos e deixa-los espernear. O presidente tem o apoio do povo de verdade e estáxaginfo de forma correta, pelo bem do país. E isso é o que importa. Deixa chorarem, é só o que lhes resta.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

EUA vão enviar doses de vacinas ao Brasil em breve, diz Bolsonaro

FOTO: LEONHARD FOEGER/REUTERS – 30.04.2021

O presidente Jair Bolsonaro disse, nessa quarta-feira (5), que o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, em breve enviará doses da vacina de Oxford/AstraZeneca contra a covid-19 ao Brasil.

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, havia dito anteriormente que o Brasil está buscando suprimentos de vacinas dos Estados Unidos para ajudar o país a lidar com a pandemia.

Lote da Pfizer

A Pfizer informou, em nota, que entregou, na noite desta quarta-feira (5), um lote com 628.290 doses da vacina contra covid-19 que desenvolveu com a alemã BioNTech ao PNI (Plano Nacional de Imunização), do Ministério da Saúde.

Na semana passada chegou ao Brasil o primeiro lote de vacinas da Pfizer contra a covid-19, com 1 milhão de doses, que começaram a ser distribuídas pelo ministério às capitais nesta semana.

R7, com Reuters

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

VÍDEO: Minuto na Câmara Municipal de Natal – solidária – (06-05-2021)

Minuto da Câmara de Natal no ar trazendo os assuntos mais importantes debatidos na última semana, na Casa, disponibilizado nesta quinta-feira(06).

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

BG publica hoje (6) pesquisa CONSULT/BG/96FM

O Blog do BG publica hoje (6), a partir das 18h15, pesquisa realizada em Natal, no final do mês de abril.

Foi realizada pesquisa de intenção de voto para o Governo do Estado e Senado em 2022, aprovação das gestões dos governos federal, estadual, municipal.

A pesquisa aferiu também a aprovação/desaprovação das mesmas gestões no combate ao Covid-19.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Rio Grande do Norte tem 84% das cidades em área de alerta para Covid-19

O levantamento mais recente do Indicador Composto, que reúne uma série de informações sobre o quadro da pandemia no Rio Grande do Norte, aponta que 84,8% da população potiguar está em área de alerta, entre o sinal amarelo (3 e 4 pontos) e vermelha (5 pontos). A análise por região mostra que apenas o Alto Oeste conta com mais da metade de sua população em áreas de sinal verde (1 ou 2 pontos), apesar de ainda contar com 11,3% em sinal vermelho. O documento foi publicado no início desta semana durante reunião do Comitê Científico da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap/RN).

 

Na outra ponta, a Região Metropolitana está com toda a população em sinal amarelo, seguida do Agreste (94,6%), do Oeste (88,2%) e do Vale do Açu (84,3%). O acompanhamento do indicador composto nas regiões, em comparação com o levantamento feito na última semana de abril, elenca que 78 municípios pioraram a situação, outros 80 mantiveram-se estáveis e apenas nove melhoraram de condição.

O indicador composto é fruto do trabalho da Sesap, do Comitê de Especialistas e da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), sob a coordenação do professor Kênio Lima. O estudo permite um monitoramento da pandemia em todo o Estado. O estudo reúne nove variáveis – casos ativos, ocupação de leitos, óbitos, entre outras – que traçam um olhar mais apurado sobre a situação de cada município e um escore que mostra a evolução a cada semana. Os dados servem de subsídio para a tomada de decisões na gestão da pandemia.

 

Reunião

Em reunião do Comitê de Especialistas da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) na noite desta terça-feira (4), os integrantes demonstraram preocupação com o atual momento da pandemia. O Indicador Composto aponta para uma piora em diferentes municípios potiguares.

A análise feita pela ferramenta aponta que o Rio Grande do Norte está há duas semanas com índices tanto de mortalidade quanto de casos confirmados com curva crescente. De acordo com o documento, as regiões Metropolitana de Natal, Oeste, Agreste e Vale do Açu estão em alerta vermelho para a taxa de casos ativos, o que corresponde a um aumento de casos confirmados.

Na visão do secretário de Estado da Saúde Pública, Cipriano Maia, o conjunto dos dados atuais não indica que seja para manter abertos ambientes que tenham alto risco de transmissão. “Os dados nos mostram que precisamos dar atenção mais ainda a todas as medidas de cuidado e evitar assim a transmissão desse vírus tão mortal para não chegarmos a uma terceira onda”, afirmou o secretário.

“Essa onda é mais grave e mais demorada. Ameaça o desabastecimento e, assim, o bloqueio de leitos tão necessários para a assistência. Estamos numa fase da onda que está demorando a baixar. É fundamental que a população compreenda que precisa retomar os cuidados e evitar aglomeração”, disse, durante a reunião, a infectologista Marise Reis, membro do Comitê.

Vacina da Pfizer será aplicada no SESI
Nesta quinta-feira (6), a Secretaria Municipal de Saúde de Natal (SMS Natal) vai dar início à vacinação com o imunizante da Pfizer, destinada às pessoas com idades de 55 a 59 anos do seguinte grupo de comorbidades: pessoas com deficiências permanentes cadastradas no Benefício de Prestação Continuada (BPC) e com doenças cardiovasculares e hipertensão arterial sistêmica.

O local de vacinação para o imunizante Pfizer será exclusivo no Ginásio do SESI, localizado na Av. Capitão-Mor Gouveia, das 8h às 16h. A SMS Natal vai disponibilizar na sala de vacinação um intérprete de libras. As pessoas com deficiências permanentes que não possuem cadastro no BPC serão contempladas de acordo com a comorbidade, obedecendo o critério da idade.

“Como a vacina da Pfizer exige uma logística de armazenamento diferente, sendo necessária sala de refrigeração no próprio local onde a vacina será aplicada, escolhemos o Ginásio do Sesi, nosso importante parceiro nessa jornada. O ginásio do Sesi também conta com acessibilidade”, explicou o secretário de Saúde de Natal, George Antunes.

De acordo com o Plano Nacional de Imunização, são consideradas doenças cardiovasculares: Insuficiência cardíaca, Cor pulmonale e Hipertensão pulmonar, Cardiopatia hipertensiva, Síndromes coronarianas, Valvopatias, Miocardiopatias e Pericardiopatias, Doenças da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas, Arritmias cardíacas, Cardiopatias congênitas no adulto, Próteses valvares e Dispositivos cardíacos implantados; hipertensão arterial sistêmica (Hipertensão Arterial Resistente – HAR, Hipertensão arterial estágio 3, Hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão alvo e ou comorbidade).

A vacinação para esse público com idade de 55 a 59 anos inicia nesta quinta-feira (06) e segue até dia 12.

TRIBUNA DO NORTE

Opinião dos leitores

  1. Todos aos bares para comemorar, aqui em Natal cachaça é essencial. Já se pode criar o bloco essenciais da cachaça e coronavirus unidos.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Igreja é arrombada 3 vezes em 30 dias em Natal

A Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, patrimônio histórico cultural da cidade do Natal, foi alvo de arrombamento e roubo por três vezes em menos de um mês. O templo que fica localizado na Cidade Alta, foi invadido na última semana do mês de abril. Na primeira atuação, os suspeitos entraram pela porta lateral da igreja e levaram peças sacras utilizadas nos ritos das missas, batizados e casamentos.

 

A porta da Igreja foi reforçada, mas ainda assim os ladrões retornaram no dia seguinte ao primeiro arrombamento, e dessa vez levaram mais castiçais usados nas celebrações, além de ventiladores, refletores de luz e um jato de água, objeto de limpeza dos utensílios.

Uma semana depois da segunda invasão, aconteceu mais uma investida criminosa. Nesta última tentativa que aconteceu na sexta-feira (30), os criminosos forçaram a entrada no templo por outra porta, com uso de pé-de-cabra, e levaram o restante dos materiais litúrgicos da congregação e uma placa de ferro em comemoração à igreja que estava localizada na fachada.

Na ação, os criminosos também roubaram objetos do Monsenhor Lucilio Machado, que foi reitor do Seminário de São Pedro (1958-1968), reitor da Catedral Metropolitana de Natal e também da Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos. Ele faleceu ano passado em decorrência de um Acidente Vascular Cerebral, aos 91 anos, e foi sepultado no local. Os objetos estavam dispostos dentro de um armário na igreja. Antes de saírem, os criminosos depredaram uma imagem de Nossa Senhora.

Por ser um patrimônio histórico, o Pe. Valdir Cândido, que também é pároco no local, explicou que a maior dificuldade após os crimes é conseguir reformar os lugares que foram forçados no templo.

“Como a estrutura da igreja é antiga, eu não posso chegar ali e mudar uma porta. Porque é tombado, é um patrimônio. Até para pintar eu preciso pedir autorização do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional)”, relatou.

Após as invasões, as portas apenas puderam ser reforçadas com ferrolhos e cadeados mais potentes. Depois do segundo atentado, o pároco, contratou uma empresa de segurança para monitorar a igreja. Como a companhia dá um prazo de cinco dias úteis para instalação dos equipamentos de vigilância, o recurso não estava ativo na noite do último arrombamento, ocorrido no dia 30. A instalação começou a ser feita na segunda-feira (3).

Após o crime, a Igreja fez um Boletim de Ocorrência na Polícia Civil, relatando os danos e listando os objetos perdidos. Alguns castiçais roubados foram encontrados pelo pároco em um site de vendas, com endereço no Ceará. A informação também foi repassada para a Polícia.

Em contato com a assessoria da Polícia Civil, o órgão informou que o caso será investigado pela 2º Distrito Policial de Natal.

O valor estimado com a perda dos materiais é de R$ 20 mil. A Arquidiocese de Natal lançou uma campanha entre os fiéis para arrecadação do dinheiro. No primeiro dia de campanha, já foi arrecadado mais de R$ 4 mil, notícia vista com muita alegria pelo administrador da Igreja.

TRIBUNA DO NORTE

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Deputados apontam indícios de fraudes de R$ 40 milhões nas Forças Armadas

Uma representação do deputado federal Elias Vaz (PSB-GO) no TCU (Tribunal de Contas da União) e no MPF (Ministério Público Federal) pede a investigação de supostas fraudes de empresas em licitações das Forças Armadas. Os valores chegam a quase R$ 40 milhões.

Nos casos citados, as entidades pertencem à integrantes do mesmo grupo familiar e participaram de pregões eletrônicos para produtos de gêneros alimentícios como se fossem concorrentes.

O documento é assinado também pelos congressistas do PSB Alessandro Molon, Bira do Pindaré e Lídice da Mata. São 4 casos supostamente irregulares identificados pelos autores em 4 cidades.

GUARATINGUETÁ, SÃO PAULO
Um dos casos é referente a empresas com sede em Guaratinguetá, no interior de São Paulo, que envolve 4 integrantes da família Maia Cardoso de Oliveira, e que são fornecedoras de gêneros alimentícios e concorrem entre si em leilões do Ministério da Defesa.

A entidade “Cardoso Maia – Frios” é de Eliane Carneiro Maia Oliveira e José Cardoso de Oliveira Júnior, concorre com “José H.M.C. de Oliveira” e tem como sócio José Henrique Maia Cardoso de Oliveira, filho do casal. A 3ª empresa está no nome de Thais Maia Cardoso de Oliveira, outra concorrente e filha do casal.

Segundo os congressistas, as entidades venceram 137 processos de compras de produtos alimentícios promovidos pelo Comando da Aeronáutica, num valor total de R$ 13.910.879,83 .

“As empresas ofereceram propostas iniciais escritas com os mesmos valores e produtos das mesmas marcas, depois foram para a fase de lances e simularam uma disputa”, diz o documento, que considera outro ponto suspeito nas propostas escritas. “O layout, ou seja, a formatação do documento também é idêntico, sugerindo que as propostas foram elaboradas pela mesma pessoa”.

CAIEIRAS, SÃO PAULO
O 2º caso citado envolve uma fábrica de sorvetes no interior do Estado de São Paulo, em Caieiras. A empresa “E C M Silva Sorveteria”, de propriedade de Elaine Cristina Moreira Silva, concorreu com “L. S. Silva Alimentos”, que está localizada na capital do Estado e em nome Lais Santos Silva, filha de Elaine.

Os deputados afirmam que houve fraude na emissão de atestados de capacidade técnica. Lais Santos apresentou documentos emitidos pela empresa da mãe, com a assinatura dela, e ambas empresas concorreram no mesmo pregão.

A empresa de Elaine venceu, desde 2020, 28 processos, que totalizam mais de R$ 1 milhão em licitações.

RIO DE JANEIRO
As entidades “RIOMAR 2001”, de Eliana Ribeiro Leite do Amaral e Noé Carneiro dos Santos; “Carisma Comércio de Alimentos”, de Victor Ribeiro Leite do Amaral; e a empresa “Força Unida Comécio de Alimentos”, fundada por José Almir do Amaral, Rosane da Silva Santos, Camila da Silva Santos, Gabriel da Silva Santos e Alexandre da Silva Santos Filho, disputaram licitações na Defesa em nome de outras pessoas, outorgando procurações. Todas são da capital carioca.

Concorrendo como adversárias, obtiveram R$ 13.012.599 em 7 processos de compras promovidos pela Marinha, Aeronáutica e o Ministério da Defesa. Em um dos casos, foi comprado 13.670 quilos de picanha, ao custo de R$84,14 o kilo. Quem venceu o certame foi a “Riomar 2001”, sob o valor de R$ 1.150.196,80.

TAUBATÉ, SÃO PAULO
No 4º caso, os congressistas apontam para a existência de um conluio entre 2 empresas. A “Comercial Briston”, de Alexandre de Jesus Borges, localizada em Taubaté (SP), está no mesmo endereço da empreas “Ortiz Transportes & Comércio”, de César Alexandre Ortiz.

A “Comercial Camargo Ortiz”, de Debora Cristina Camargo Ortiz, residente da mesma casa que Alexandre, participaram como concorrentes em pregões eletrônicos de órgãos da Defesa, apresentando os mesmos preços e as mesmas marcas, segundo os deputados. Venceram 2 pregões sob o valor devalor de R$ 5.283.216.

OUTRO LADO
O Poder360 não conseguiu contato com as pessoas citadas nas acusações feitas pelos deputados. O espaço segue aberto para manifestações.

 

PODER360

Opinião dos leitores

  1. Aqui no estado RN , nós temos empresa que é aberta na sexta-feira e ganha licitação na segunda , PASMEM o MP assiste a TUDO CALADO

  2. Pelo que eu entendi foi uma fraude contra as Forças Armadas empresas simulando concorrência, aqui no RN abrem empresas na véspera da licitação.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Brasil rompe a barreira de 50 milhões de doses e empata com o Reino Unido

O Brasil ultrapassou a marca de 50,4 milhões de vacinas contra covid aplicadas desde o início da campanha, em 17 de janeiro, e alcançou o Reino Unido, primeiro país do ocidente a iniciar a imunização contra a covid. Os números são da plataforma independente vacinabrasil.org. A grande diferença é que os britânicos alcançaram 50,3 milhões na 2ª feira (3), 147 dias depois da aplicação da primeira dose, em 8 de dezembro, enquanto o Brasil precisou de apenas 108 dias para fazer o mesmo. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Em pouco mais de três meses, o Brasil anulou a desvantagem de 40 dias entre a vacinação de Margaret Keenan e a enfermeira Mônica Calazans.

Em média, o Reino Unido aplicou 342,1 mil por dia enquanto, no Brasil, é como tivessem sido aplicadas 467 mil doses por dia: ritmo 36,4% maior.

O Brasil ultrapassará os britânicos no total de doses aplicadas antes do fim de semana, tornando-se o 4º país que mais vacinou no mundo.

Alemanha, França e Itália juntas têm população equivalente à brasileira e precisaram de 109 dias de campanha para superar 50 milhões de doses.

DIÁRIO DO PODER

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Mais 64.500 doses de vacinas chegam hoje no RN

64.500 doses da AstraZeneca chegarão ao Rio Grande do Norte nesta quinta-feira (6). O horário está previsto para às 17h10.

As vacinas serão destinadas para dar continuidade à vacinação de gestantes/puérperas e pessoas com deficiência.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Covid: Brasil recebe segundo lote da vacina Pfizer, com 628 mil doses

O segundo lote da vacina produzida pela Pfizer chegou, na noite desta quarta-feira (5/5), ao aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP). A entrega conta com 628.290 doses da vacina ComiRNAty, contra a Covid-19, desenvolvida em parceria com a BioNTech.

No dia 29 de abril, Viracopos recebeu o primeiro lote da vacina da Pfizer, com 1 milhão de imunizantes. O contrato firmado entre empresa farmacêutica e o governo federal prevê a compra de um total de 100 milhões de doses. No final de junho, está previsto o envio de mais 14 milhões de imunizantes.

 

As doses da Pfizer precisam ser armazenadas em caixas com temperaturas entre -25°C e -15°C por, no máximo, 14 dias. Ainda no ano passado, a empresa disse ter desenvolvido uma embalagem especial com temperatura controlada que utiliza gelo seco para manter a condição de armazenamento recomendada.

Eficácia

Segundo a Agência Coreana de Controle e Prevenção de Doenças (KDCA), apenas uma dose das vacinas Oxford/AstraZeneca ou Pfizer/BioNTech já garante 86,6% de eficácia na prevenção da Covid-19 em idosos com mais de 60 anos.

 

O imunizante da Pfizer alcançou 89,7% de eficácia, enquanto o da AstraZeneca chegou a 86%. Os dados foram obtidos a partir da informações de 3,5 milhões de coreanos com mais de 60 anos durante dois meses, incluindo 521 mil pessoas que receberam a primeira dose de uma das duas vacinas.

Foram registrados 1.237 casos de Covid-19 no grupo, sendo que apenas 29 deles entre os vacinados.

METRÓPOLES

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Cientistas identificam proteínas capazes de prever evolução da Covid

Pesquisadores do Hospital Geral de Massachusetts e da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, identificaram uma “assinatura” de proteínas que estão presentes em casos graves da Covid-19 — uma delas pode até prever se o quadro do paciente desenvolverá para uma melhora ou para um óbito.

Foram estudadas amostras de sangue de 306 pacientes positivos para Covid-19, e 78 que apresentavam sintomas, mas testaram negativo para a infecção. Na primeira etapa da pesquisa, foi feito uma análise das proteínas de cada paciente: a maioria das pessoas com Covid-19 apresentava as mesmas proteínas, independente da severidade do caso.

Proteínas são macromoléculas formadas por aminoácidos e estão relacionadas a vários processos dentro do organismo humano. Elas agem na defesa do corpo (anticorpos são proteínas, por exemplo), na aceleração de reações químicas, na contração dos músculos e na comunicação celular.

No passo seguinte, foram comparadas as assinaturas proteicas de pacientes com quadro grave, intubados ou que morreram até 28 dias depois de serem hospitalizados. As amostras foram coletadas no dia da internação, três e sete dias depois.

A comparação permitiu que os cientistas identificassem mais de 250 proteínas associadas à infecção grave. Uma delas, a interleucina-6, ligada à resposta inflamatória que o corpo dá ao vírus, aumentou gradativamente em pacientes que morreram de Covid-19. Em pessoas com quadro grave, mas que se recuperaram, ela cresceu rapidamente, e caiu nos dias seguintes.

Os pesquisadores acreditam que as proteínas identificadas em casos graves são importantes para entender por que apenas uma parte dos pacientes com Covid-19 tem um desenvolvimento ruim da infecção e como a doença afeta os pulmões, o coração e outros órgãos.

METRÓPOLES

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *