Confira lista com os deputados e senadores mais faltosos no ano passado

Veja a lista dos deputados mais faltosos de 2013

Das 113 sessões do plenário da Câmara em 2013, o deputado Marcelo Aguiar (DEM-SP) compareceu a menos da metade delas: apenas 45. O parlamentar lidera lista dos mais faltosos da Casa, com 68 ausências no ano passado. Assim como ele, outros três deputados tiveram mais ausências que presenças em plenário: Márcio Bittar (PSDB-AC), Newton Cardoso (PMDB-MG) e Paulo Maluf (PP-SP). Ao todo, são dez deputados com mais de 50 faltas ao longo do último. Veja a lista completa abaixo.

Os dez deputados mais faltosos:

Marcelo Aguiar (DEM-SP): 68 ausências (61 justificadas)

Márcio Bittar (PSDB-AC): 67 ausências (todas justificadas)

Newton Cardoso (PMDB-MG): 60 ausências (58 justificadas)

Paulo Maluf (PP-SP): 58 ausências (todas justificadas)

Angelo Vanhoni (PT-PR): 56 ausências (todas justificadas)

Sabino Castelo Branco (PTB-AM): 53 ausências (44 justificadas)

Wladimir Costa (SDD-PA): 53 ausências (41 justificadas)

Antônio Roberto (PV-MG): 51 ausências (todas justificadas)

João Lyra (PSD-AL): 50 ausências (todas justificadas)

José Otávio Germano: 50 ausências (todas justificadas)

Veja a lista dos senadores mais faltosos em 2013

Dos 81 parlamentares com mandato no Senado, nove deles tiveram mais de 25 faltas ao longo do ano de 2013. Pelo segundo ano consecutivo, Jader Barbalho (PMDB-PA) encabeça a lista de ausentes, com 45 faltas. Abaixo dele ficaram os senadores Zezé Perrella (PDT-MG), que assumiu após a morte do titular Itamar Franco, e Roberto Requião (PMDB-PR). Veja a lista abaixo.

Os senadores mais faltosos:

Jader Barbalho (PMDB-PA): 46 faltas (37 justificadas)

Zezé Perrella (PDT-MG): 39 faltas (36 justificadas)

Roberto Requião (PMDB-PR): 35 faltas (todas justificadas)

Fernando Collor (PTB-AL): 33 faltas (31 justificadas)

José Sarney (PMDB-AP) 33 faltas (29 justificadas)

Epitácio Cafeteira (PTB-MA): 31 faltas (todas justificadas)

Sérgio Petecão (PSD-AC): 31 faltas (27 justificadas)

Jorge Viana (PT-AC): 30 faltas (26 justificadas)

Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR): 29 faltas (21 justificadas)

O Globo