Delator confirma pagamento de R$ 10 milhões a ex-presidente do PSDB para abafar CPI

O novo delator da Operação Lava-Jato Carlos Alexandre de Souza Rocha, o Ceará, confirmou à Procuradoria-Geral da República o pagamento de R$ 10 milhões ao ex-presidente do PSDB senador Sérgio Guerra (PE) – morto em 2014 – para “abafar” a CPI da Petrobras de 2009, às vésperas do ano das eleições presidenciais em que Dilma Rousseff (PT) chegou ao Palácio do Planalto.

A revelação sobre o repasse milionário ao então número 1 do PSDB foi inicialmente revelada em agosto de 2014 pelo primeiro delator da Operação Lava Jato, engenheiro Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento da Petrobras. Segundo Costa, o dinheiro foi providenciado pela empreiteira Queiroz Galvão. O doleiro Alberto Youssef, que também fez delação, já havia confirmado o pagamento ao PSDB.

O partido nega ter recebido valores ilícitos. A empreiteira reiteradamente tem negado o repasse.

Ceará fez dezenove depoimentos à Procuradoria-Geral da República, entre 29 de junho e 2 de julho de 2015.

No trecho em que fala dos R$ 10 milhões para o PSDB, ele apontou o ex-deputado José Janene (PP/PR), morto em 2010 e apontado como mentor do esquema de propinas na Petrobras. “José Janene falou claramente o seguinte: ‘A CPI terminou em pizza’”.

Segundo Ceará, o ex-deputado do PP era um dos cabeças do esquema de corrupção instalado na Petrobras.

Foi Ceará quem apontou em sua delação a entrega de R$ 300 mil ao senador Aécio Neves (PSDB-MG) por um executivo da empreiteira UTC – uma das líderes do cartel que atuou na Petrobras entre 2004 e 2014, corrompendo e superfaturando preços em contratos bilionários, em conluio com políticos e executivos da estatal petrolífera.

Fonte: Estadão

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Roberto Jácome disse:

    E o nosso Zé hemmmm???

  2. Junior pinheiro disse:

    Eu disse: nao tem um que preste !!!e se gritar pega ladrao, nao fica um meu irmao!!!!

  3. Lino disse:

    Três coisas fáceis pra qualquer covarde:
    1 – empurrar bêbado numa ladeira;
    2 – tomar pirulito de uma criança;
    3 – acusar um morto…

  4. Natanael disse:

    Olha a bagunça que o PT vem jogando o Brasil. É uma imoralidade ver a forma de ação do PT, que destruiu tudo que era legal, moral, ético e tinha futuro nessas terras. Faz uma campanha diária na difamação de pessoas e partidos da oposição quando é o próprio PT quem leva o Brasil a lama do socialismo, populismo e destruição da cadeia produtiva.

    • Fernando Segundo disse:

      Você não sabe ler? Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. O texto fala sobre o PSDB e Aécio.

  5. João Ferreira disse:

    NINGUÉM VAI GRITAR, ESPERNEAR, BATER PANELAS, PEDIR A PRISÃO, CELERIDADE, JUSTIÇA, ETC, ETC, ETC?
    Carlos Alexandre de Souza Rocha, o Ceará, que denunciou a entrega de propina de R$ 300 mil ao senador Aécio Neves, confirmou em delação premiada à Procuradoria Geral da República que em 2009 os R$ 10 milhões foram entregues ao então presidente do PSDB, o senador Sérgio Guerra (PE), para "abafar" a CPI da Petrobras da ocasião; revelação já havia sido feita pelos primeiros colaboradores da Lava Jato; "José Janene falou claramente o seguinte: 'A CPI terminou em pizza'", disse Ceará, sobre o ex-deputado do PP morto em 2010, segundo ele, um dos cabeças do esquema de corrupção na Petrobras.

  6. Brasil meu país! disse:

    Onde anda a galera revoltada com a corrupção? Ahhh, só se for do PT!!!

    • SURPRESO disse:

      Se espernear e gritar, justifica a canalhice do PT? Será que vcs não acordam nunca? Será que vcs não entendem nunca? O PT é uma corja de marginais e LULA é o Capitão da corja…Entendam isso de uma vez, vai ficar mais fácil!

  7. Val Lima disse:

    Nesse inferno (politica) não tem santo!!!!

  8. Alldo disse:

    Se não tivessem abafado a denúncia da corrupção da Petrobrás, o resultado da eleição seria outro. A diferença seria grande e não teriam condições de fazerem "brejeiras" como aconteceu, alterando o resultado.

COMENTE AQUI