Insatisfeito com o PMDB, Hermano Morais estuda mudança para o Solidariedade

hermano moraisO deputado estadual Hermano Morais está insatisfeito com a forma como vem sendo tratado dentro do PMDB e isso não é novidade para ninguém. Afinal, ele como presidente do diretório municipal do partido e tentando viabilizar a pré-candidatura a prefeito de Natal, ficou de fora de decisões importantes e terminou sendo escanteado após as decisões monocráticas do presidente estadual e ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, que optou por abdicar da candidatura própria para apoiar o prefeito Carlos Eduardo Alves em troca de cargos na Secretaria Municipal do Turismo.

E o caminho de Hermano pode ser o Solidariedade. O parlamentar se reuniu hoje com o colega de Assembleia e presidente do partido, Kelps Lima. Durante um almoço agora a tarde no restaurante Agaricus, Kelps fez o convida formal para Hermano deixar o PMDB e ingressar nos quadros do Solidariedade. O blog soube que até a presidência do diretório de Natal foi citada durante o encontro. Ao blog, Hermano não tratou de detalhas, mas confirmou que o convite foi feito e que se sentiu honrado.

“Eu e o deputado Kelps Somos amigos e colegas de trabalho. Ele, que tem um trabalho muito importante na Assembleia Legislativa, me fez um convite para ingressar no partido. Fiquei muito honrado com o convite. Ele está construindo um partido novo de uma forma interessante e e democrática. Foi uma boa conversa, mas ainda não tomei nenhuma decisão. Afinal, tenho uma história no PMDB”, disse.

Mesmo com o deputado não confirmando a ida para o SDD, a saída do PMDB é certa. As bases de Hermano já foram comunicadas que o deputado aguarda somente a janela de transferências sem a perda de mandato para trocar de partido. As conversas serão apenas para manter a base política unida.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. BRASIL MOSTRA TUA CARA disse:

    A VERDADE É QUE TEM CERTOS POLÍTICOS QUE NÃO SE TOCAM…HERMANO NÃO TEM CACIFE PARA SER PREFEITO, MAS QUER CONCORRER À FORÇA!

  2. silva. disse:

    Homem honrado dr. Ney lopes, não tenho nem palavras. Mas dizer que não teve oportunidade não é verdade. 25 anos morando em Brasília. Prestou e ainda presta grandes serviços ao RN. Mas oportunidade teve sim.

  3. Rodrigues disse:

    Não existe insatisfação nenhuma. Só com ele mesmo que acha que ser vereador é pouco. Ele quer mais. A medida desses políticos não enche nunca. É bem empregado que perca o mandato de vereador e fique longe de ser prefeito.

  4. Verdade seja dita disse:

    Situação idêntica a dos brilhantes políticos Nei Lopes e seu Filho bem como de José Adécio que nunca deram oportunidade a alçarem voos mais altos é a politica.

  5. PT DA VIDA disse:

    Fica na tua rapá… tu não tem sobrenome ALVES…

COMENTE AQUI