Mesmo com pandemia e inúmeras restrições, RN registrou 1.499 assassinatos em 2020, sendo 44 a mais que o ano anterior

Mesmo com um ano de pandemia e restrições para a população, o Rio Grande do Norte registrou um crescimento de 3% em relação ao número de assassinatos em 2020, quando comparado com o ano anterior.

Foram registrados 1.499 assassinatos, 44 mortes a mais que 2019, quando 1.455 Condutas Violentas Letais Intencionais (CVLIs) foram contabilizadas pelo Estado.

As informações foram divulgadas nesta quarta-feira (13) pela Secretaria de Segurança Pública e da Defesa do Social (Sesed). No comunicado distribuído à imprensa, também noticiado pelo Blog pela manhã, a pasta optou pela comparação entre os dois primeiros anos da gestão atual e a gestão anterior.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Waldemir disse:

    Governadora em vez de vacina é meçhor dar colete a prova de bala para o povo

  2. Matheus disse:

    “Mesmo com restrições”. Se nem a população de bem tá ligando mais pra essas restrições, avalie os assassinos!! Kkkkk

  3. Calígula disse:

    Mais a Governadora disse que os índices de criminalidade tinham baixados.
    Hô Governadora Mentirosa.

    • Insti Gado disse:

      Mais, não. Você quis dizer "Mas…", titia? Faz a matricula num cursinho de alfabetização antes de postar essas excrescências.

  4. Fernando disse:

    Fatão é uma incompetente mesmo, mesmo com o fique em casa, aumentou a violência no RN, imagina se tudo estivesse normal.

  5. Alex disse:

    Mas homi quem quer matar outro não respeita restrições de pandemia não!

COMENTE AQUI