Motorista da caminhonete envolvida em acidente que matou casal na Grande Natal se apresenta à polícia, informa PRF

Sargento da PM Severino Góis com a filha Gabriella, de 19 anos, que morreu em um acidente de moto neste sábado (28) em Macaíba — Foto: Arquivo da família

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) confirmou nesta segunda-feira(30) que o motorista da caminhonete envolvida no acidente que terminou com a morte de um casal na BR-226, em Macaíba, na Grande Natal, no último sábado (28) se apresentou à polícia horas depois da colisão. De acordo com os rodoviários, o homem de 61 anos se apresentou à Delegacia de Plantão da Zona Sul de Natal, foi ouvido e o veículo periciado pelo Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) antes de ser liberado. O caso está sob responsabilidade da Polícia Civil.

O acidente aconteceu após a moto em que estavam Gabriella Nascimento de Góis, de 19 anos, e João Vitor Lima da Silva, de 21, bater na lateral da caminhonete, que tentava atravessar a via. Com o impacto da pancada, o casal foi arremessado para dentro do veículo. Os dois morreram no local. Valem destacar que o trágico desfecho ainda ganhou mais um capítulo de absoluta tristeza, quando o sargento Severino Góis, de 54 anos de idade, da Polícia Militar foi chamado para a ocorrência do acidente e, ao chegar no local, percebeu que uma das vítimas era a própria filha.

Com acréscimo de informações do G1-RN