RN apresenta redução da criminalidade no mês de março

O Rio Grande do Norte apresentou redução das Condutas Violentas Letais Intencionais (CVLI) durante o mês de março em relação ao mesmo período do ano passado, além de registrar diminuição dos Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVP) em diversas cidades.

O total de CVLI no terceiro mês do ano foi de 126, uma redução de 14,29% comparando com o ano passado, quando ocorreram 147 casos. Levando em consideração os três primeiros meses de 2020, dentro dos tipos de condutas letais, apresentaram queda os homicídios dolosos (passou de 291 para 284) e a lesão corporal seguida de morte (passou de 38 para 28).

Entre os municípios mais populosos do Estado, destaque para a diminuição do CVLI em Parnamirim, caindo de 25 para 20 (-20%) e São Gonçalo do Amarante, saindo de 29 para 19 (-34,5%).

Em relação aos Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVP), comparando os meses de março de 2020 e março de 2019, as cidades de São Gonçalo do Amarante e Ceará-Mirim tiveram uma redução, respectivamente, 12,9% e 33,3%. Na capital potiguar, destaque também para a redução de assaltos a ônibus, que passaram de 44 para 34 no mesmo período, uma queda de 22,7%.

Podemos também pontuar os resultados positivos obtidos pela Força-Tarefa de Combate ao Crime Organizado, que é composta pela Polícia Militar, Polícia Civil e Polícia Federal, e que tem realizado importantes operações no RN. O trabalho conjunto dos setores de inteligência das forças de segurança gerou, por exemplo, a desarticulação de uma quadrilha no interior potiguar, a apreensão de fuzis na Bahia, e a prisão de um membro de uma facção do RN que estava escondido em Goiás.

“O trabalho integrado desenvolvido pela Força Tarefa é fundamental no enfrentamento da criminalidade no Rio Grande do Norte. Ações conjuntas de Inteligência estão resultando na diminuição dos índices de criminalidade e violência”, destacou o secretário da Segurança do RN, coronel Francisco Araújo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. José Macedo disse:

    Em todos os estados caíram , isso é proporcional, quanto menos pessoas na rua menos violência.

  2. Aprígio disse:

    Sera que a vagabundagem esta9 de quarentena??
    Só pode.
    Deram um tempo.

  3. Lobinha disse:

    Acho que os custos da máquina administrativa caiu 50%, atendimento médico, diárias, combustível, alimentação, isso pela lógica, mas eles sempre arrumam algumas desculpas.

Zenaide apresenta projeto que amplia a renda mínima e cobra pagamento rápido de auxílio emergencial

Foto: Divulgação

O PL 946/2020, de Zenaide Maia (Pros-RN), que prevê o pagamento de um salário mínimo às pessoas de baixa renda, desempregadas e às que ficaram sem renda em razão da crise decorrente da pandemia do coronavírus, está entre os projetos de ampliação da renda mínima que estão na pauta de votações da sessão do Senado desta terça-feira (31). O relator será o senador Esperidião Amin.

Para garantir um pagamento rápido à população, os senadores já aprovaram o auxílio no valor de R$ 600,00, mas a intenção dos parlamentares é aprofundar a discussão, com propostas que ampliam valores e o rol de pessoas a serem beneficiadas com a renda de cidadania. Zenaide cobrou do governo agilidade no pagamento do auxílio emergencial: “Se não quisermos ver carreatas de caixões com brasileiras e brasileiros mortos, o governo tem que liberar urgentemente esses recursos. E não falo isso só como senadora, mas também como médica infectologista”, alertou.

O PL de Zenaide foi recomendado pelo relator da proposta do auxílio de R$ 600,00, senador Alessandro Vieira, para ser um dos pontos de partida para a formulação de uma nova política de transferência de renda para o Brasil. A recomendação está no voto apresentado por Vieira nessa segunda-feira (30).

InterAg RN apresenta a ‘Revolução Industrial 4.0’

Fotos: Divulgação

Com palestra de Tassio Gil, trader e diretor executivo do grupo InterAg no Brasil, a franquia InterAg RN promoveu na sexta-feira (28) à noite, no Holliday Inn Hotel, o ‘Revolução Industrial 4.0’. O evento, que marcou a inauguração da franquia InterAg no Rio Grande do Norte, foi uma promoção da WJ Soluções Financeiras.

A InterAg propaga a cultura do Blockchain através de um sistema de franquias. “Somos o primeiro modelo de franquia brasileiro a propor um ecossistema com ferramentas para atuação empreendedora do mercado de gestão de ativos virtuais”, diz Tassio Gil, especialista em blockchain, criptoativos, tokenização de ativos e business designer processos disruptivos.

“A InterAg concentra outros serviços do mercado de gestão de ativos. Nossa estrutura é baseada em solidez e confiança, nos permitindo atuar com relevância e eficiência nos principais campos da Blockchain, atendendo a todos os perfis de cliente”, completa Walter Júnior, representante da franquia potiguar da InterAg.

Em leitura anual, prefeito de São Gonçalo apresenta balanço dos 3 anos e anuncia novos investimentos para 2020

Foto: Isaias Santana

“Compartilho com vocês a alegria de chegar aqui conduzindo o município de São Gonçalo do Amarante com estabilidade administrativa, equilíbrio financeiro, pagamento em dia e entregando uma obra por semana”. A fala é do prefeito Paulo Emídio, Paulinho, durante a leitura da sua mensagem anual na Câmara Municipal, na segunda-feira, onde o gestor fez um balanço de suas ações e ainda anunciou novos investimentos para 2020 em áreas essenciais.

De acordo com o gestor, a saúde e educação vão continuar sendo prioridades do Poder Executivo. O hospital geral, que já está com recursos empenhados pelo Ministério da Saúde, foi exaltado pelo prefeito como o “maior sonho do povo são-gonçalense”, o que lhe rendeu palmas calorosas do público presente.

Paulinho também destacou o programa ‘Saúde Melhor’ que é um conjunto de ações estruturais para ampliar, melhorar e humanizar cada vez mais o atendimento à saúde, que inclui reformas de todas unidades e construção de novas, além de um centro de pediatria e centro de reabilitação.

Na educação, o gestor afirmou que já existem projetos de seis escolas e nove creches no Ministério da Educação para suprir a demanda do município, que, segundo ele, cresce de forma diferenciada no Rio Grande do Norte.

“Sabemos que não adianta só construir, reformar, ampliar. É necessário também gerir, administrar bem as nossas escolas para que elas funcionem bem e prestem um bom serviço de educação, cumpra o seu importante papel na nossa vida. Para isso, estamos adotando os mais modernos sistemas de gestão para nossas escolas e investindo forte na modernização”, disse.

Ainda para 2020 Paulinho quer colocar em operação o Sistema Adutor Maxaranguape para distribuir água nas comunidades rurais e solucionar de vez os problemas enfrentados pela população. Ele ainda afirmou que o Saae – Serviço Autônomo de Água e Esgoto do município -, na sua gestão, ampliou em quase 10% o número de ligações de água, atingindo as 43.305 mil ligações, como também a ampliação, substituição e rebaixamentos na rede de abastecimento, ultrapassando os 55 quilômetros, totalizando uma rede de aproximadamente 499 quilômetros.

Outra ação importante, que já vem sendo executada, é a modernização do serviço público. Paulo Emídio citou o programa ‘Simplifica São Gonçalo’ que visa desburocratizar e modernizar os serviços públicos no município, além de facilitar a vida do cidadão ao ter disponível plataforma digital e aplicativo que possibilitam o cidadão requerer documento, solicitar informação, pedir algum serviço, registrar alguma reclamação ou sugestão de forma online.

Além de anunciar investimentos importantes, o prefeito demonstrou orgulho com alguns números de sua administração, entre eles o de 300 obras e ações executadas em três anos. Por fim, listou obras que, segundo ele, vão ficar para sempre na história de São Gonçalo, como a reconstrução da RN-160 , a escola de ensino médio no Bairro Jardins, a estrada da produção, o distrito industrial, o anel viário e urbanização da entrada da cidade, a ligação da RN-160 com a BR-406 no Golandin e a adutora para zona rural.

“Aquilo que foi planejado está acontecendo. Aquilo que foi prometido está se cumprindo. Aquilo que foi esperado está sendo entregue. E aquilo que foi sonhado, está se realizando”, finalizou.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Thor 217 disse:

    Esse Prefeito, tá mudando São Gonçalo do Amarante RN., Passo sempre pela Cidade, tem muita coisa se transformando no município, diferente do passado!!!!

MPF apresenta denúncia e ação de improbidade contra coordenador do Cenarte por desvio de recursos que tinham como destino o Comitê de Direitos Humanos do RN

Roberto Monte desviou R$ 150 mil em 2011 (R$ 276 mil em valores atualizados), que seriam destinados à capacitação de integrantes do Comitê de Direitos Humanos do RN

O Ministério Público Federal (MPF) apresentou uma denúncia e uma ação de improbidade administrativa contra o coordenador do Centro de Estudos, Pesquisa e Ação Cultura (Cenarte), Roberto de Oliveira Monte, por desvio de recursos públicos em 2011. Ele recebeu à época R$ 150 mil para capacitar 300 representantes de ONGs, fóruns e movimentos sociais participantes do Comitê Estadual de Educação em Direitos Humanos Sociais do RN, mas terminou por promover a contratação irregular de parentes e integrantes do próprio Cenarte.

O centro também é réu na ação de improbidade, na qual o MPF requer o ressarcimento do dano (R$ 267 mil atualizado até fevereiro de 2019); perda da função pública; suspensão dos direitos políticos de cinco a oito anos; pagamento de multa e proibição de contratar com o Poder Público pelo prazo de cinco anos. Já a denúncia pede a condenação de Roberto Monte por peculato, que prevê pena de dois a doze anos de reclusão, além de multa.

Matéria completa aqui no Justiça Potiguar.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cigano Lulu disse:

    R$ 150 mil? Tá, se isso é nada. Deve ter gasto tudo no Beco da Lama.

  2. Francisco Alves disse:

    Menino!!! O maior defensor dos "direitos dos manos" envolvido em falcatruas???? Desviando e se apropriando de verba pública????
    150 milzinho, foi???? O baluarte da moralidade!!!!
    Pois é… Certo dia, ouvi um amigo dizer que a ideologia desse povo, era falta de dinheiro fácil no bolso!!! Penso que o amigo estava certo.

  3. Ceará-Mundão disse:

    Por que será que essa notícia não me causou surpresa? São os "lacradores", turma da "resistência"?

Irã apresenta imagem da caixa-preta de avião ucraniano e volta a negar que tenha sido derrubado por míssil

Foto: Iran Press / AFP

O Irã voltou a negar categoricamente nesta sexta-feira (10) a tese de que o avião ucraniano que caiu na quarta-feira perto de Teerã tenha sido derrubado por um míssil, como afirmam vários países, entre eles o Canadá, que perdeu vários de seus cidadãos no desastre com o Boeing 737.

Na tragédia morreram 176 pessoas, a maioria iraniano-canadenses, mas também britânicos, suecos e ucranianos.

A imagem de uma das caixas-pretas foi divulgada nesta sexta.

O acidente ocorreu na madrugada de quarta, logo após o Irã disparar mísseis contra bases militares utilizadas pelos militares americanos estacionados no Iraque em resposta ao assassinato pelos EUA contra um general iraniano.

Canadá e Reino Unido disseram que o avião, um Boeing 737, foi abatido por um míssil iraniano, provavelmente por engano, e vários vídeos que apontam para esta tese foram postados nas redes sociais.

“Uma coisa é certa, este avião não foi atingido por um míssil”, disse o presidente da Organização de Aviação Civil Iraniana (CAO), Ali Abedzadeh, em uma entrevista coletiva em Teerã.

O voo PS752 da companhia Ukraine Airlines International (UAI) decolou de Teerã rumo a Kiev e caiu dois minutos depois.

Um vídeo de cerca de 20 segundos mostra imagens de um objeto luminoso que sobe rapidamente para o céu e toca o que parece ser um avião.

O vídeo foi publicado por vários meios de comunicação, como o jornal “The New York Times”.

“Vimos alguns vídeos”, disse Abedzadeh. “Confirmamos que o avião ficou em chamas por cerca de 60 ou 70 segundos”, embora, segundo ele, “não seja correto cientificamente que foi atingido por algo”.

Na véspera, o presidente americano Donald Trump disse ter “suspeitas” sobre o acidente do avião ucraniano.

“Estava voando em uma área bastante difícil e alguém poderia ter se enganado”, acrescentou.

As declarações de Trump coincidiram com informações neste sentido aventadas por meios de comunicação como a “Newsweek”, a CBS e a CNN.

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Papa Jerry Moon disse:

    A nobre vereadora poderia estar dando uma grande contribuição à Natal se dirigisse sua atenção aos reais (e grandes) problemas pelos quais passa a cidade.

No Senado, relatora apresenta parecer para permitir prisão após condenação em 2ª instância

Senadores reunidos durante sessão da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) nesta quarta-feira (20) — Foto: Pedro França/Agência Senado

A senadora Juíza Selma (Podemos-MT), relatora do projeto de lei que altera o Código de Processo Penal (CPP) para permitir a prisão após condenação em segunda instância, leu nesta quarta-feira (20) seu relatório favorável na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado (veja no vídeo abaixo).

Apesar da leitura do relatório, o projeto não será votado nesta quarta devido a um pedido de vista coletiva dos senadores Humberto Costa (PT-PE) e Alessandro Vieira (Cidadania-SE), acolhido pela presidente do colegiado, senadora Simone Tebet (MDB-MS).

O colegiado também aprovou um requerimento para fazer uma audiência pública antes que o projeto seja votado. Entre a sugestão de nomes para compor a discussão, está o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro. A previsão é que o debate aconteça na próxima terça-feira (26) no colegiado, com a votação do projeto no dia seguinte.

No último dia 7, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu derrubar a possibilidade de prisão de condenados em segunda instância, alterando um entendimento adotado desde 2016.

A maioria dos ministros entendeu que a prisão de uma pessoa condenada só pode ser decretada após o trânsito em julgado, isto é, quando se esgotarem as possibilidades de recurso a todas as instâncias da Justiça.

Projeto de lei

O texto em discussão na CCJ é um substitutivo ao projeto de lei apresentado pelo senador Lasier Martins (Podemos-RS) no ano passado. A proposta foi elaborada após articulação entre alguns senadores e o ministro Sergio Moro. O projeto altera artigos do CPP.

Atualmente, o CPP indica que “ninguém poderá ser preso senão em flagrante delito ou por ordem escrita e fundamentada da autoridade judiciária competente, em decorrência de sentença condenatória transitada em julgado ou, no curso da investigação ou do processo, em virtude de prisão temporária ou prisão preventiva”.

Na versão apresentada no colegiado, a prisão poderia acontecer “em decorrência de condenação criminal exarada por órgão colegiado”. Na prática, isso garante a prisão após condenação em segunda instância.

Pelo texto, ao determinar a condenação, o tribunal determinará a execução provisória das penas. Recursos extraordinários e especiais não terão efeito suspensivo, isto é, não anulam a prisão.

Além disso, o projeto permite que o tribunal de segunda instância “excepcionalmente” deixe de autorizar a prisão “se houver questão constitucional ou legal relevante, cuja resolução por Tribunal Superior possa levar à provável revisão da condenação”. Isso significa que o tribunal precisa fundamentar os argumentos para a não execução da pena.

O projeto prevê, ainda, que o Supremo Tribunal Federal (STF) ou o Superior Tribunal de Justiça (STJ) possam atribuir efeito suspensivo ao recurso, também “excepcionalmente”, se forem verificadas as duas hipóteses, cumulativamente:

O recurso não tem propósito meramente protelatório

O recurso levanta questão constitucional ou legal relevante, com repercussão geral, e que pode resultar em absolvição, anulação da condenação, substituição da pena privativa de liberdade por restritiva de direitos ou alteração do regime de cumprimento da pena para o aberto

O texto tem caráter terminativo, o que significa que, se aprovado, ele poderia seguir diretamente para a Câmara dos Deputados.

Segundo a presidente da CCJ, senadora Simone Tebet (MDB-MS), porém, há um acordo para que seja apresentado requerimento para o projeto ser levado ao plenário da Casa. “Para que uma matéria como essa todos os senadores pudessem e possam se pronunciar”, disse.

Outros projetos

Inicialmente, o colegiado iria analisar nesta quarta-feira uma proposta de emenda à Constituição (PEC) de autoria do senador Oriovisto Guimarães (Podemos-PR). Porém, havia um receio de que uma eventual emenda constitucional esbarrasse em cláusula pétrea – isto é, que não poderia ser alterada por se tratar de “direitos e garantias individuais”.

Além disso, alterações na Constituição têm um caminho mais demorado no Congresso. Precisam ser aprovadas em dois turnos, nas duas Casas, por três quintos dos parlamentares – ou seja, 49 senadores e 308 deputados.

Na avaliação dos senadores, um projeto de lei passaria com mais facilidade, já que depende de maioria simples de votos. Por isso, durante o acordo costurado nesta terça-feira, ficou decidido que a PEC seria retirada de pauta da CCJ.

Paralelamente, a Câmara dos Deputados também discutirá propostas de emenda à Constituição sobre o tema nesta quarta-feira. Para Tebet, porém, não há disputa por protagonismo sobre o tema entre as duas Casas.

“Por parte do Senado, há um compromisso do senador Davi Alcolumbre [presidente da Casa], aliás o aval foi dele, o pedido foi dele para que se construísse um texto, para que nós possamos entregar ainda neste ano, ainda neste mês, a aprovação ou não, a votação deste projeto pelo plenário para ser encaminhado à Câmara dos Deputados”, afirmou a senadora.

G1

 

PM ex-marido de enfermeira morta a tiros se apresenta à polícia em Natal

Foto: Redes sociais

O portal OP9 destaca que um sargento da Polícia Militar do Rio Grande do Norte se apresentou na Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no bairro Cidade da Esperança, Zona Oeste de Natal, na manhã desta quarta-feira (13). Ele é ex-marido da enfermeira Dayana Deisy, morta a tiros na noite da segunda-feira (11). De acordo com a polícia, ele é apontado como suspeito do crime.

O sargento se apresentou espontaneamente acompanhado do advogado e está sento ouvido pela delegada Jamily Pinheiro, da DHPP. Ele foi casado com a vítima durante 10 anos. Todos os detalhes em matéria na íntegra aqui.

Governo Bolsonaro atende pleito histórico da Abrasel e apresenta novas regras da gorjeta

Foto: Agência Brasil

O setor de alimentação fora do lar (AFL) teve mais uma conquista histórica na noite dessa segunda-feira (11). Em cerimônia realizada no Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro lançou o programa Verde e Amarelo, de estímulo à criação de emprego. Entre as principais novidades está a resolução da gorjeta, tema central para bares e restaurantes. Para a Abrasel, ao resolver a questão, uma das principais fontes de inseguranças jurídicas para empresários do setor, o governo mostra sensibilidade para com o setor que mais emprega no Brasil – são seis milhões de empregos diretos.

Segundo o presidente da Abrasel, Paulo Solmucci, essa vitória foi mais um importante passo para a construção de um Brasil Novo, com fundamental participação de líderes como o deputado federal Efraim Filho (DEM-PB), presidente da Frente Parlamentar Mista do Comércio, Serviços e Empreendedorismo (FCS); do secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho; e do deputado federal Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara dos Deputados. “Com enorme poder de diálogo, viabilizaram a inclusão da gorjeta na MP verde e amarela e mostraram a todos que, sem dúvida, estão empenhados em simplificar o empreender no Brasil”, diz.

Para presidente da Abrasel, o setor de AFL foi plenamente atendido por esta nova lei, já em vigor, que corrige problemas da anterior. “Ao tratar de emprego, é de fundamental importância olhar para os problemas que atingem bares e restaurantes, essenciais para a economia brasileira”. Ainda segundo Solmucci, empresários e trabalhadores têm agora regras claras que pacificam a gorjeta, permitindo que o setor foque em aumentar a sua produtividade. A Abrasel liderou o pleito para que a gorjeta fosse regulamentada.

Confira os principais pontos:

• A gorjeta não constitui receita própria dos empregadores e destina-se aos trabalhadores.

• As empresas que cobrarem a gorjeta deverão inserir o seu valor correspondente em nota fiscal. Também é considerada gorjeta a contribuição entregue pelo consumidor diretamente ao empregado (espontânea). Em ambos os casos terá critérios de custeio e de rateio definidos em convenção ou acordo coletivo de trabalho. Na hipótese de não existir previsão em convenção ou acordo coletivo de trabalho, os critérios de rateio e de distribuição da gorjeta e os percentuais de retenção serão definidos em assembleia geral dos trabalhadores.

• Para as empresas inscritas no SIMPLES é facultada a retenção de até 20% da arrecadação para custear os encargos sociais, previdenciários e trabalhistas derivados da sua integração à remuneração dos empregados, a título de ressarcimento do valor de tributos pagos sobre o valor da gorjeta. Para as empresas do lucro real ou presumido é facultada a retenção de 33%. O valor remanescente deverá ser revertido integralmente em favor do trabalhador.

Abrasel

 

Prefeito de São Gonçalo apresenta programa de atração de investimentos e geração de empregos a vereadores

Foto: Ariel Dantas

Na última quinta-feira (31), o prefeito de São Gonçalo do Amarante/RN, Paulo Emídio, o Paulinho, reuniu vereadores para apresentar um plano de estratégia de atração de investimento para geração de empregos com planejamento e sustentabilidade no município. O encontro aconteceu na sala de reuniões do Gabinete Civil.

Incentivos fiscais, concessão de áreas, diálogos com grupos empresariais e divulgação do município são algumas das ações que compõem o Prosiga – Programa São-gonçalense de Incentivo ao investimento para geração e atração de empregos, apresentado pelo gestor.

“O prosiga visa facilitar a vinda de empreendimento para nossa São Gonçalo. Vamos diminuir a burocracia, com alvará eletrônico, por exemplo; oferecer segurança jurídica, capacitação e qualificação profissional, além de infraestrutura. Estamos fortalecendo nossas ações”, observa Paulinho.

FOTOS: Nasa apresenta trajes espaciais mais flexíveis para próxima missão na Lua

Foto: Kevin Wolf/AP

Menos rigidez para se mover com mais facilidade: os trajes que os astronautas americanos usarão para caminhar na Lua nos próximos anos, como parte do programa Artemis, foram apresentados nesta terça-feira (15) pela agência espacial norte-americana (Nasa).

Estes modelos são protótipos que ainda não foram testados no espaço e cujo design ainda deve ser terminado.

O regresso à Lua está previsto oficialmente para 2024 com a missão Artemis 3, embora este cronograma ainda seja incerto devido a atrasos e problemas de financiamento.

Os trajes só devem ficar prontos em 2023.

Na frente de uma enorme bandeira americana na sede da Agência Espacial dos Estados Unidos em Washington, os engenheiros vestiram os trajes para a imprensa.

Os trajes anteriores, que foram usados para caminhar na Lua nas missões Apollo (1969-1972), fornecem oxigênio aos astronautas, reciclam o ar, regulam a temperatura e protegem contra a radiação.

Os engenheiros da Nasa estiveram trabalhando durante anos em uma versão melhorada, especialmente para a eliminação de dióxido de carbono.

Na realidade haverá dois tipos de traje: um para caminhar na Lua, branco com bandeiras azuis e vermelhas, chamado “xEMU” (acrônimo em inglês de Unidade móvel de exploração extraveicular), e outro para o trajeto entre a Terra e a Lua, mais leve e de cor laranja, batizado “Orion Crew Survival Suit”, o traje de sobrevivência para a tripulação da cápsula de Orion.

Trajes mais maleáveis facilitam os movimentos dos exploradores espaciais — Foto: Kevin Wolf/AP

O modelo xEMU será mais flexível, conforme demonstraram os engenheiros da Nasa.

“Lembrem-se que durante os anos da Apollo, Neil Armstrong e Buzz Aldrin pulavam como coelhos no solo lunar. Agora será possível caminhar”, disse Jim Bridenstine, chefe da Nasa.

E como demonstrou a engenheira Kristine Davis, os astronautas terão muito mais liberdade de movimento: poderão levantar os braços acima da cabeça, o que não era possível com os trajes Apollo; também poderão agachar facilmente para pegar rochas lunares, sem se arriscar a perder o equilíbrio e cair.

Outra inovação importante é que o novo traje foi desenhado para se adaptar a todos os tamanhos, tanto para homens como para mulheres.

Jim Bridenstine e Kristine Davis durante demonstração da Unidade Móvel de Exploração Extra-veicular, da Nasa — Foto: Kevin Wolf/AP

G1

 

Bolsonaro apresenta melhora contínua e poderá tomar banho de chuveiro, diz boletim médico

Foto: Reprodução/Instagram

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) apresentou melhora em seu estado de saúde e já poderá tomar banho de chuveiro, segundo boletim médico divulgado na manhã desta terça-feira (10) pelo Hospital Vila Nova Star, no Zona Sul de São Paulo, onde ele fez a cirurgia para correção de uma hérnia no último domingo (8). Ainda segundo os médicos, serão mantidas medidas de prevenção de trombose venosa profunda.

“A prevenção de trombose é um protocolo internacional que todos os hospitais seguem. Ele está usando meias elásticas, tomando anticoagulante conforme dita o protocolo. Nada de importante em relação a isso”, disse o médico Antônio Antonietto.

Veja o boletim médico:

“O Hospital Vila Nova Star informa que o Senhor Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, encontra-se em contínua melhora de seu estado de saúde. Dormiu bem e acordou disposto. Após 48 horas da cirurgia permanece afebril. Persistirá com dieta líquida a base de chá, água, gelatina e caldo ralo. O paciente seguirá com estímulo de caminhada pelo corredor e poderá tomar banho de chuveiro. Serão mantidas medidas de prevenção de trombose venosa profunda. As visitas continuarão restritas. Não há previsão de alta até o momento.

Direção médica responsável:

Dr. Antônio Luiz de Vasconcellos Macedo – Cirurgião-chefe
Dr. Leandro Echenique – Clínico e Cardiologista
Dr. Antônio Antonietto – Diretor médico do Hospital Vila Nova Star
Dr. Ricardo Peixoto Camarinha – Médico da Presidência da República”

Na noite desta segunda-feira, Macedo disse aos jornalistas que orientou Bolsonaro a falar pouco e que ele deve ficar internado pelo menos até domingo.

O cardiologista Leandro Echenique explicou nesta terça que a manutenção da dieta líquida é um grau a mais de zelo. O intestino já mostra sinais de funcionamento, mas eles querem esperar que haja evacuação pra evoluir a dieta pra pastosa. Acreditam que isso aconteça até esta quarta (11).

Nesta terça, a equipe de fisioterapia do hospital vai intensificar os exercícios feitos na poltrona no quarto e, no limite da resistência, aumentará o tempo de caminhada no corredor.

“Não há pressa para retornar a alimentação e isso está completamente dentro do previsto. Pode ser até que hoje ou amanhã ele mude essa dieta, mas por enquanto mantém a dieta liquida, porque é o melhor para fazer neste momento”, disse Antonietto.

Na manhã desta segunda, o presidente publicou no seu perfil do Instagram um vídeo em que aparece assistindo ao seriado Chaves e disse que estará na ativa a partir desta terça (10). “É da natureza do presidente estar ativo o mais rápido possível. A evolução clínica tem sido muito positiva, em razão dessa evolução o presidente se mostra disposto a iniciar os trabalhos de condução do poder executivo, ainda que neste momento nós tenhamos o vice-presidente chefiando o nosso governo”, afirmou Otávio Rêgo Barros, porta-voz da Presidência.

De acordo com Barros, o hospital destinou uma ala exclusiva para a equipe da Presidência e para os familiares do presidente. “A estrutura tem condições de levar avante determinadas decisões dele. Mas reafirmo que a Presidência em exercício está sob a batuta do general Mourão até quinta-feira”, disse.

O porta-voz da Presidência declarou que a viagem de Bolsonaro à Nova York está mantida para participar da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU).

O presidente em exercício, general Hamilton Mourão, continua no cargo até a próxima quinta-feira (12). Nesta segunda-feira, Mourão foi ao hospital visitar Bolsonaro.

“O general Mourão evitou fazer o presidente ter que falar”, disse o porta-voz Otávio Barros Rego.

Segundo o porta-voz, Bolsonaro fará caminhadas pelos corredores do hospital pela manhã e à tarde. Ele está acompanhado da primeira-dama Michele e do filho Carlos Bolsonaro.

Quatro cirurgias

Bolsonaro já realizou quatro cirurgias desde que levou uma facada em Juiz de Fora durante a campanha eleitora.

A primeira cirurgia após a facada aconteceu no mesmo dia do atentado, em um hospital de Juiz de Fora. Cinco cirurgiões e dois anestesistas participaram da intervenção. Durante o procedimento, Bolsonaro precisou receber quatro bolsas de sangue, e teve implantada uma bolsa de colostomia.

Dias depois, em São Paulo, Bolsonaro passou por uma segunda cirurgia, onde os médicos reabriram o corte da primeira cirurgia e encontraram a obstrução em uma alça do intestino delgado, que fica na parte esquerda do abdômen.

Em janeiro de 2019, o presidente voltou ao hospital Albert Einstein, em São Paulo, para fazer a retirada da bolsa de colostomia e o ligamento do intestino.

No último domingo, Bolsonaro fez a quarta cirurgia para correção da hérnia que se formou na região da cicatriz, no abdome.

G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Hulk Julián disse:

    Estamos esperando Mito.
    Volta 100% pra botar moral nessa República destruída por cumpanheiros.

  2. Lúcifer disse:

    Aproveita o embalo, pula no vaso sanitário mas antes pede a alguém prá acionar a descarga!

FOTOS: Blog do BG “apresenta” o Hotel Reis Magos, que procuradora quer tombar para ser recuperado com dinheiro público

Fotos: cedidas 

O Blog do BG apresenta o Hotel Reis Magos em Natal, que a procuradora Marjorie Madruga quer tombar para ser recuperado com dinheiro público. Tire as suas conclusões.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cigano Lulu disse:

    Deveria ser adquirido pelos procuradores, com recursos próprios, e transformado em área de lazer dessa nobre 'catchiguria'. E ninguém falaria mais nisso.

  2. José Pedroza disse:

    Não é somente o dinheiro do estado sendo proposto para algo não necessário; nao é somente o estado nem ter esse recurso;
    É também o empresário ter uma perda de receita e patrimônio por anos a fio e uma despesa adicional em recursos e defesas ..
    E o POVO DE NATAL perdendo por todos os lados .

    É um desestímulo ao empreendedorismo , ao investimento na cidade, ao seguimento dos trâmites e um claro DESRESPEITO ao cidadão ( seja o contribuinte da ponta que paga o funcionalismo , ou o contribuinte que empreende, gera empregos e paga seus impostos) .
    O resumo disso é uma série de tags; escolha a que mais se encaixa :
    #VERGONHA
    #ATRASO
    #PREJUÍZO COLETIVO

  3. ivis nunes disse:

    Absurdo, o estado não tem capacidade financeira para pagar nem seus funcionários, vem ministério público com salários alto, e em dia, arranjar mais despesas, manda eles fazer reconstrução do prédio e administra-lo com recursos do judiciario.

  4. Lampejao disse:

    Os Hospitais e as Escolas do Estado se não tomarem as providências,chegam a esse estado de calamidade!!!!!

  5. Antonio Barbosa Santos disse:

    A conclusão, se morasse na França, que tiraria era a seguinte: tem alguma coisa estranha nessa história. Alguém vai ganhar com isso e não é a sociedade. Mas na França, repito.
    Aqui certamente os objetivos são os mais republicanos possíveis.

  6. Cap_Mor disse:

    Um saco de cimento e duas latas de areia podem deixar isso aí tinindo em uns 3 dias…derrubar pra quê?

  7. joaozinho disse:

    Pra quem tem seus salarios reajustados em 16% e ganhos acima dos 30 mil mensais, nao sabem o que é crise. Entao, podem dar ao luxo de querer tombar um predio comum inaugurado em 1965 , fechado desde 2002 ja decadente; e, obrigar o povo a pagar por uma reforma de um lixo, cujo unico valor é o terreno. Vao tombar o terreno provavelmente, ja que o predio nao tem valor historico e o que sobrou foram alguns azulejos comuns nas paredes. Talvez devessem tombar a casa da Vó que é mais antigo que esse predio caído, provavelmente o cabaré mais antigo do país em funcionamento continuo; ja que o de Maria Boa, que tinha muito mais "valor historico" e "retrata o que era o RN" na 2 Guerra, nao existe mais; foi esquecido pelo "poder publico".

  8. Arnaldo Franco disse:

    Sugiro à Dra Marjorie passar uns 3 meses pelo menos morando aí. É de graça. Pode levar tambem os membros da Justiça que pensam como ela.

  9. Antonio Carlos disse:

    Demolição já! já foi.
    Natal não precisa desse tipo de proteção. Lamentável.

  10. lulapreso disse:

    O que falta a alguns membros do Poder Judiciário e Ministério Público é bom senso. Infelizmente, tem que haver um controle sobre todos por causa de alguns sem noção.

  11. Diogenio disse:

    Lamentável este tipo de posicionamento por parte do poder público, mais o que devemos espera do ministério Público, nada! e da procuradoria, nada também, pôs eles tem seus salários reajustados a bel prazer, quando querem, e quanto querem, só temos que espera a reforma do prédio, pôs ela vai acontecer, com o meu, com e seu dinheiro contribuinte, Querendo você ou não, pôs os nossos procuradores sempre estão ou se acham acima da população em geral, e digo! são pôs eles fazem o que acham que podem! Não, eles podem mesmo! Fazer o que querem.

  12. Cidadão Indignado disse:

    Que vergonha! A casa dos horrores do RN. A nobre Justiça Federal, inclusive, já determinou a demolição desta coisa feia aí. Transfere a procuradoria do Estado do RN para se alojarem aí.

  13. Lorena Galvão disse:

    Mande ela gasta do dinheiro dela pra ver se ela quer esse povo que fica num a sala com arcondicionado sem fazer nada

  14. Lorena Galvão disse:

    Lamentável, estamos com salários atrasado, e querem usar dinheiro para recuperar uma porcaria desta, a era o rei magos já passou, devia era se preocupar com nos funcionarios

JFRN apresenta o primeiro robô para o trâmite dos processos judiciais

A inteligência artificial e a automação de processos já é realidade na Justiça Federal no Rio Grande do Norte, inclusive para agilizar o trâmite processual. Foi entregue esta semana o primeiro “robô” totalmente desenvolvido na JFRN. O sistema lê a petição inicial das execuções fiscais e as certidões de dívida ativa, capta todos os dados, prepara o despacho inicial e movimenta o processo para assinatura. Tudo isso em 2 segundos; trabalho que o servidor levaria 5 minutos em média para operar.

O robô foi desenvolvido por um grupo de residentes do Núcleo de Tecnologia da Informação, dirigido pelo servidor David Montalvão Junior, e contou com apoio contínuo do magistrado, Juiz Federal Marco Bruno Miranda, e dos servidores da 6a Vara na validação das informações. Importante destacar a supervisão de dois servidores do NTI, Wellington e Bruno, e do professor da residência, Eduardo Aranha, na execução do projeto.

“A Justiça Federal no Rio Grande do Norte foca na inovação como forma de agilizar o trâmite processual, resguardada a eficiência e qualidade do serviço prestado. O primeiro robô totalmente desenvolvido na nossa Seção Judiciária é um marco para história da instituição”, comentou o Juiz Federal Hallison Bezerra, coordenador dessa entrega.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. DIEGO ALVES disse:

    Dr. Marco Bruno, um exemplo de servidor dedicado e empenhado com a causa da Justiça. Sempre muito focado em associar a tecnologia com o direito, a fim de transmitir aos usuários dos serviços jurisdicionais o devido processo legal e, consequentemente, o direito inarredável.

Reportagem apresenta “íntegra do manual do crime produzido pelo Intercepet”

O Blog reproduz abaixo a matéria do site jornalístico Agora Paraná – com o UOL, com possíveis ligações entre o hacker que interceptou as mensagens de integrantes da Lava Jato, o jornalista Glenn Greenwald, responsável pela divulgação do conteúdo e práticas criminosas. Confira.

Veja mais: Descobrimos a trilha do Hacker do Intercept. Greenwald é cúmplice do crime contra Moro e Lava Jato, diz jornal

Com informações do UOL via portal Agora Paraná

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Fagner disse:

    Quem era Moro.

  2. Lucas disse:

    Kkkkkk pera aí, deixa eu ver se eu entendi esse chororô dos baba ovo de corruptos:

    O site de jornalismo investigativo dispõe de uma manual que serve para que qualquer fonte anônima possa enviar material que denuncie algum esquema criminoso para eles e eles façam o trabalho que a imprensa deve fazer, que é tornar de interesse público.

    SIGILO DA FONTE É GARANTIA CONSTITUCIONAL.

    ONDE ESTÁ O CRIME DO JORNALISTA??

    AGORA, OS AGENTES DA LEI, PAGOS COM O DINHEIRO DO CONTRIBUINTE QUE SE UTILIZARAM DA JUSTIÇA PARA SE BENEFICIAR POLITICAMENTE É QUE DEVEM SER CONDENADOS E PRESOS. PRECISO NEM CITAR QUAIS SÃO OS MELIANTES…

  3. Cigano Lulu disse:

    Minha mula Adelaide me perguntando aqui se o portal Agora Paraná é filial do congênere Agora RN.
    Sinceramente, é preciso muito amor… para suportar essa mulher.

  4. Justus benem disse:

    Cadeia para esse bandido MORO…JUÍZES MARGINAIS E ladrões… AJUDARAM A eleger O desvairado ..o louco imbecil BOLSOTRALHA..AH LADRAO

  5. Ypiranga disse:

    Esse GRINGO TONTO tem CORAGEM de mamar numa ONÇA PINTADA, vejam a onde ele foi se meter.
    Logo com quem, se segure na sela, vc e quem estar por trás dessa presepada proibida.
    Pensando aqui com meus botões, cheguei a conclusão que tu tá F… gringo, a corda vai arrebentar do teu lado.
    É muito bem empregado, pra larga de ser otário.

Assassinato de professor de MMA: PM se apresenta e volta a falar em inocência

O tenente da Polícia Militar que teria supostamente se envolvido no assassinato do instrutor de lutas Luiz de França, de 25 anos, na manhã desta segunda-feira (10), como prometido no início desta tarde, após visita do delegado Sílvio Fernandes a sua residência, apresentou-se à 11ª DP, no conjunto Cidade Satélite, onde foi registrado o crime e, mais uma vez, alegou inocência.

Segundo matéria da Tribuna do Norte, antes de se dirigir a delegacia, o tenente foi até o comando da Polícia Militar, e teria comunicado ao coronel Francisco Araújo, comandante-geral da PM, que é inocente. Embora não tenha conversa com a imprensa, o PM nega qualquer envolvimento no homicídio e afirma que estava em casa durante o ocorrido.

Ainda segundo a Tribuna do Norte, o delegado Sílvio Fernandes foi até a casa do suspeito, que afirmou ter ido a outra academia durante a manhã. Segundo o delegado, a informação foi confirmada, mas o horário de entrada na segunda academia teria sido após o homicídio.

Com a motivação do crime sendo um mistério até o momento, a única manifestação do tenente da PM é que chegou a ter um problema (não especificado) com a vítima, mas que não havia sido expulso da academia.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Gleidson disse:

    É aquele velho ditado. Pau que bate em Chico não bate em Francisco. Se existe indícios de autoria e a materialidade incontestável do crime, já passou da hora do caro delegado pedir a prisão temporária do “nobre” tenente. Existe previsão legal para tanto. As nossas leis, por suas várias interpretações, permitem punir ou beneficiar. Eis a questão.

  2. Rosaldo disse:

    Vamos acompanhar este caso….. Apenas verificando as câmeras da rua onde ocorreu o assassinato e de câmeras das ruas vizinhas é possível acompanhar a movimentação deste indivíduo. Verifiquem as câmeras próximas da casa dele no horário do crime…

    • Anninha disse:

      Incrível! Numa mesma matéria, há a informação de que o suspeito estava em casa na hora do ocorrido e ainda, que ele estaria em outra academia na ocasião do crime. Tudo muito confuso! A única certeza é que o jovem morreu de forma covarde. Onde vamos parar com tanta violência?